1. Spirit Fanfics >
  2. Meu pequeno híbrido - Hiatus - >
  3. O que eu estava fazendo?

História Meu pequeno híbrido - Hiatus - - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Olá queridos, tudo bem aí? Lá vem eu com os meus atrasos ksksk, sei que disse que ia sair 14/15 porém tenho que estudar para as provas, e reprovação online vai ser humilhação né? Então tive que umas prioridades

Capítulo 8 - O que eu estava fazendo?


 

[ °•O que eu estava fazendo?•° ]

S/n: Aaa Tae, assim você me complica.

Suspiro ao pensar como vou sair dessa situação

Tae: Por favorzinho S/n

Juntou suas mãos e veio fazendo o pedido com um biquinho no final, aai gente, olha a carinha dele, como alguém consegue dizer não?

S/n: Que tal a gente fazer um acordo?

Tae: Que acordo?

S/n: Hoje te ajudo a tomar banho e outro dia tomo banho contigo, aceita?

Por que estou perguntando? No final quem vai decidir sou eu mesmo

Tae: Tae tem escolha?

S/n: Não

Pego em sua mão e o puxo para o banheiro que fica em meu quarto

Tae: Mas S/n promete?

Lá vem ele com aquele olhar novamente, assim eu não resisto cara.

S/n: Tire a roupa Tae

Tento ser rígida e não me derreter novamente

Tae: Promete?

Continua a ficar parado a minha frente

S/n: Prometer eu não prometo

Okay, não consegui, mas na próxima vai.

Tae: Então eu não vou tomar banho

Um pouco emburrado, ele cruza os braços.

S/n: Tae... Olha só, você vai ter que dormir em outro quarto, não vou querer dormir com alguém que não quer tomar banho.

Não pareça como uma criança birrenta Taee

Ele começa a tirar a sua roupa sem protestar, olha as coisas evoluindo.

Tae: Pronto S/n

S/n: A banheira já 'tá pronta querido

Quando me viro acabo me deparando com um Deus grego ou melhor... Coreano

Tae: O que tanto S/n olha?

S/n: Na-nada apenas entre na banheira

Ele faz o que eu peço então começo a passar água pelo seu corpo

Tae: As mãos de S/n são tão macias

Ele acaricia minha mão e sinto meu pequeno coração quase sair pela boca.

Respira e inspira, é o só o Tae, não pira mulher.

Pego o sabonete líquido e passo em cada parte do seu corpo, mas é claro que nem cheguei perto daquela região, quero terminar logo esse banho, quanto mais rápido melhor.

S/n: Agora só vamos tirar o sabonete e acabamos o banho

Tae: S/n esqueceu de lavar uma parte

S/n: Que parte? Eu lavei tudo

Que seja o cabelo, que seja o cabelo.

Tae: Menos o pipi de Tae

S/n: Des-desculpa acabei esquecendo

Falo sentindo meu rosto queimar, acha mesmo que eu ia esquecer? Mas como lava isso? Nunca tive um, Aaa não me diga S/n.

Tae: Lave logo S/n estou ficando com frio

S/n: Vou ser rápida

Com as mãos trêmulas pego em seu "pipi" e começo a "lavar", não sei muito bem o que fazer e acabo me assustando quando Tae solta um pequeno gemido, baixo e rouco, aii senhor, tenha piedade com essa pobre moça.

S/n: Te machuquei?

Aaa cara que pergunta besta 

Tae: Co-continua 

O toco novamente naquela região, e dessa vez com outro propósito.

Tae: Mais rá-rápido S/n

Quando ouço novamente sua voz, volto a lucidez, o que deu na minha cabeça? Não acredito que fiz isso.

Tae: Por que parou?

Pergunta feito um gatinho manhoso

S/n: Aii Tae, só vamos acabar com o banho logo.

Tae: Mas depois S/n vai continuar fazendo coisinha no Tae?

S/n: Não Tae, não era pra isso ter acontecido.

Tae: Mas Tae gostou

S/n: Eu sei Tae, mas você chegou a pouco tempo e... O J-hope e Mark estão lá em baixo nos esperando.

Tae: E depois? S/n vai continuar outro dia?

Como é que se cava um buraco nesse chão do banheiro?

S/n: Tae, você 'tá me complicando.

Termino de tirar toda a espuma do seu corpo e logo o ajudo a sair da banheira.

Tae: Tae vai ficar caladinho então

Ele passa na boca como se tivesse um zíper ali e com isso acabo deixando um sorrisinho escapar, e em poucos segundos sou acompanhada por seu sorriso quadradinho.

Aaaaaa 

Acabei de achar meu sorriso favorito.

S/n: Vamos se secar logo, a noite é bem fria.

Passo a toalha em sua cintura e pego outra para colocar sobre seus ombros

Tae: Tae gosta de ser mimado

Vai saltitante para o quarto com um grande sorriso, como pude tocá-lo tão íntimo, me sinto como uma aproveitadora.

Depois do Tae se trocar ele fica me olhando, por um tempo fiquei calada, mas acabo criando coragem e pergunto.

S/n: O que foi? Tem algo no meu rosto?

Tae: Tudo

Diz sem tirar os olhos do meu rosto e isso 'tá começando a me incomodar

Tae: S/n é muito bonita

Okay, por essa eu não esperava.

S/n: Aa... Obrigada, eu acho.

Ele começa a se aproximar vagarosamente, e sem nem perceber dou alguns passos para trás, acho que foi o nervosismo mesmo.

Tae: Tão lindos

Dessa vez o seu olhar intercala entre meus olhos e meus lábios.

Tae: E parece tão macios

Seu rosto fica tão próximo que sinto sua respiração bater contra meu rosto, o coração até erra a batida e as pernas fraquejam, se eu soubesse como era um infarto, diria que estou a beira de um.

Tae: Tão convidativos

Tae sorrir e acaricia meu rosto, nesse momento fecho os olhos ao sentir suas carícias.

Tae: Tão bela que nem consigo explicar

De repente seus lábios se juntam aos meus, poucos segundos, que pra mim foi uma eternidade.

Abro os olhos assustada, não achei que ele iria tão longe.

J-hope: O Mark quer se despedir S/n

As leves batidas e a voz do Hoseok passeia pelo quarto silencioso e pequeno, se eu tiver mais um susto meu coraçãozinho não vai aguentar.

Esse quarto é bem grande, eu admito, mas por um momento senti que ficou tão apertado para nós dois, e acho que estou ficando maluca, uma noite fria dessa acabei sentindo esse quarto ficar mais quente.

S/n: Es-estou indo

Falo com um pouco de dificuldade, ainda estou tentando racionar o que aconteceu aqui.

J-hope: Tudo bem aí?

S/n: Sim só me es-espere lá em baixo

Ouço seus passos se distanciando, finalmente pude respirar e soltar todo aquele ar que segurei, nem sei quando fiz isso.

Suspiro já derrotada, desisti de pensar no que aconteceu aqui.

S/n: Vamos Tae

Tae: Já? Não podemos continuar?

S/n: O Mark ainda está lá em baixo Tae

Tae: Não gosto desse Mark

S/n: Ele é uma boa pessoa

Tae: Continuo não gostando

S/n: Ele já está indo querido, então vamos apenas para se despedir.

Tae: Okay okay

Ele se rende, finalmente aceitando ir até a sala, não sei como vou conseguir para fazer com que eles fiquem próximos, vai ser bem complicado.

Tae: Mas promete que depois vamos continuar fazendo coisinhas?

Esse é o meu momento.

S/n: Depende

Sorrio enquanto penso em meu pequeno plano, talvez dê certo.

Tae: Do que?

S/n: Do seu comportamento com o Mark

Okay, agora estou me sentindo mais aproveitadora ainda, preciso acabar com isso logo, isso não pode acontecer mais.

Ele apenas bufa, por que tinha que ser tão complicado senhor?

Tae: Maldito Mark

Quando saímos do quarto, ouço Tae resmungar baixinho, porém ouço muito bem.

S/n: Olha a boca

Tantas perguntas vem ao mesmo tempo... É, acho que ainda não desisti de pensar no que correu nesse quarto, e se eu continuar assim sinto que minha cabecinha pode explodir a qualquer momento.

Especial de 100 favoritos feito por pedidos de leitores desta fanfic


Notas Finais


Como vcs viram no final, fiz esse momentinho do Tae com S/n bem mais próximos, mas foi por causa de um pedido dos leitores, espero que tenham gostado.
E como vcs sabem, essa fic tá sendo reescrita e eu não quis tirar esse pedido, então se alguém não gostou ou achou rápido demais, desculpinha, apenas tenha paciência, tem coisas aqui que pretendo não tirar.

Tchau tchau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...