História Meu pequeno ômega - Capítulo 76


Escrita por:

Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Eren Jaeger, Levi Ackerman "Rivaille"
Tags Ereri, Lemon, Meu Pequeno Ômega, Mpreg, My Little Omega, Yaoi
Visualizações 118
Palavras 626
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 76 - São seus?


Fanfic / Fanfiction Meu pequeno ômega - Capítulo 76 - São seus?

Levi ( Eren...me perdoe...)

 

 

 

 

adeus...meus filhos...

 

Ken deitou os bebês na cama e soltou as correntes de Levi, ele estava fraco demais para revidar, então apenas segurou os braços dele e o levou daquele quarto.

 

Eren e os outros haviam se separado, Eren estava procurando qualquer rastro qu e ajudasse a achar Levi, e não demorou muito até ele achar um pedaço pequeno da roupa de Levi presa em alguns galhos, indicando que ele passou por ali.

 

Ken levava Levi pelos corredores daquele lugar que se parecia ( e de fato era ) uma igreja antiga, Levi foi levado até o pátio da igreja, e dali mesmo ele viu um poste alto que estava cercado de palha e madeira.

 

Levi-...

 

Ken- vá de uma vez.

 

Levi caminhou até o poste, Ken o amarrou ali e foi buscar alguns fósforos.

 

Ken- sei que essa é a maneira mais horrível de partir, mas é a vida não é? As vezes a vida é uma vida.

 

Levi- ...

 

Ken jogou três fósforos nas madeiras e palhas ao redor de Levi, que de início apenas soltou uma forte fumaça, o fogo ainda estava baixo.

 

Ken- logo logo irá reencontrar toda sua família, adeus primo.

 

Levi-...vá pro inferno.

 

Ken sorriu e jogou mais fósforos, e agora o fogo era visível.

 

Levi- cof...cof cof...

 

Do lado de fora, Eren viu a fumaça saindo da velha igreja, e ela obviamente atraiu a atenção dos outros, mas Eren foi o primeiro a chegar, ele entrou por uma janela de um quarto, tentou ser sorrateiro pois não sabia o que estava acontecendo, assim que entrou levou um susto ao ouvir choros fracos do seu lado, olhou para a cama suja de sangue e com correntes, e em cima dela haviam dois bebês, ambos com cabelos pretos, a diferença era que o menino tinha olhos verdes e a menina tinha olhos azuis.

 

Eren-...nao pode ser...

 

Eren se aproximou dos bebês e pôde confirmar que eram seus.

 

Erwin- Eren? O você também viu a fumaça?- perguntou Erwin entrando pela janela.

 

Jean- -mas...isso aí é...

 

Petra- ...sao seus?

 

Eren-...sim...

 

Derek-...entao cadê o papa?

 

Eren não esperou alguém adivinhar uma resposta, saiu correndo daquele quarto indo em direção ao local do fogo, de cima da escada Eren conseguiu ver Levi sendo sufocado pela fumaça e quase sendo queimado vivo.

 

Eren- NÃO!!!

 

Ken ouviu Eren e se virou para trás, Eren voou até Ken, mas não conseguiu bater nele, pois ele desviou.

 

Derek- PAPA!!!

 

Todos correram para ajudar Levi, enquanto todos brigavam com Ken Eren correu até Levi e o desamarrou, colocou-o em suas costas e correu de volta para o antigo quarto, deitou-o na cama e disse:

 

Eren- eu já volto, fique aqui.

 

Petra e Hanji eram as únicas que não estavam lutando, pois estavam segurando os dois bebês de Eren.

 

Derek e Erika ficaram com os olhos amarelos e sem ligar pra nada viraram titãs ali mesmo, tentaram esmagar Ken, mas esse diabo era muito rápido, Eren vendo a dificuldade deles mordeu a própria mão e também se transformou em titã, mas não teve essa de tentar esmagar Ken não, Eren conseguiu agarrá-lo e, usando seus dentes, cortou Ken ao meio e o arremessou no fogo.

 

Os três voltaram ao normal, e rapidamente foram tentar apagar as chamas antes que se expalhacem mais, Eren ficou aliviado por conseguir salvar seu marido e filhos, ele correu até o quarto de Levi.

 

Eren- Vi, nos conseguimos, Ken não vai mais te fazer mal.

 

Levi-...

 

Eren- Vi, acorda, está a salvo agora.- disse caminhando até a cama de Levi, e seu sorriso desapareceu quando finalmente percebeu que, desde que tirou Levi de lá ele não tinha acordado.-...Levi?

 

Eren passou sua mão no rosto de Levi, e ele não acordou.

 

Eren-...ah não...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...