História Meu pequeno tigrinho - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Incesto, Irmãos, Jungkook, Taehyung, Taehyung Híbrido, Taekook
Visualizações 29
Palavras 1.082
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiie Mochis! Bom... Sei que demorei bastante mas foi pq eu tava sem criatividade então né, não sabia o que fazer, mas tá ai um capítulo direto do forninho pra vcs!

Capítulo 2 - Perdão..?


Fanfic / Fanfiction Meu pequeno tigrinho - Capítulo 2 - Perdão..?

P.O.V TAEHYUNG

*Quebra de tempo*

Estava no meu quarto, andando de um lado para o outro, com a aquela roupa que Jimin havia me dado. Meu rabo abanava inquieto, estava com medo mas ao mesmo tempo estava ansioso.

-Será que ele irá gostar? E se ele achar estranho e me odiar mais achando que sou um pervertido sem caráter?!– Começo a puxar os meus cabelos loirinhos mais nervoso do que eu já estava.

Respiro fundo e saio do quarto vestido com uma sainha preta e curta, junto de um cropped e umas meias com rendinhas que iam até a minha coxa, realmente, o conjunto perfeito. Já estava envergonhado quando sai do quarto, fiquei mais ainda ao ver Jeon na cozinha apenas com uma calça de moletom folgada que fazia com que eu visse exatamente o tamanho do amiguinho dele lá embaixo.

–Eh... Oi Gguk...

–Onde estava? E por que não me avisou que iria sair?

–Ei! Calma ae, eu disse que iria sair sim, mas não quis me ouvir então fui do mesmo jeito– Reviro os meus olhos e me sento na bancada, agora mostrando para ele a roupa que estava usando, vendo o mesmo morder o lábio e me olhar de cima a baixo, apenas sorrio com essa atitude.

–O que tanto olha Gguk?

–A-ah? Nada! Eu não estou olhando nada!– Ele saiu da cozinha envergonhado e eu apenas ri.

P.O.V JUNGKOOK

Me sentei no sofá, tentando raciocinar o que aconteceu e o por que de eu ter gaguejado na frente dele.

–Não sei quem é mais idiota, eu ou ele– Dou um leve aperto no meu membro e me deito no sofá, tentando não ligar para ele ou pro problema que se formava no meio de minhas pernas, ele era o meu irmão e o garoto que matou a minha mãe, não poderia sentir algo, PRINCIPALMENTE amor ou excitação por ele.

–TaeTae.. Se soubesse o tanto que eu estava feliz antes de você nascer, não iria querer ter nascido...– Vejo ele entrando na sala e se deitar no outro sofá, fazendo questão de abrir as pernas e me dar uma bela visão do que ele usava por debaixo da saia, uma calcinha preta com rendinha. Ah, mas esse garoto ainda consegue tirar toda a minha sanidade.

P.O.V TAEHYUNG

Apenas saio da cozinha e vou para a sala, me sentando no sofá de pernas abertas, olho o Jeon e percebo o seu olhar no meu corpo, apenas desvio o olhar corado e fico olhando a TV, finalmente algum conselho do Jimin parecia estar dando certo. Pego o meu celular e resolvo mandar uma mensagem para ele (Jimin).

Mensagem on

Me: Minnie, vc não vai acreditar, seu conselho está dando certo!

Bundão: SÉRIO?! Vestiu tudo o que eu te dei?!

Bundão: Taehyung?!

Bundão: TAEHYUNG PORRA

Bundão: Me responda antes que eu vá ai chutar a sua bunda!

Me: Aish, eu vesti tudo sim! Não precisa ficar enchendo o meu saco caralho!

Bundão: O que está acontecendo ai?!

Bundão: Taehyung não me deixe no vácuo

Bundão: Taaaaae, não quero ter que esperar para saber!

Me: Amanhã eu te falo tudo, agora aqueta essa raba ai :)

Bundão: Vai se ferrar.

Mensagem off

Desligo o meu celular e volto a olhar o Jeon, mordendo o meu lábio ao ver ele praticamente dormindo ali, tão fofo mas ao mesmo tempo tão sexy... O pecado em pessoa. Me levanto e sento no sofá onde ele estava, deitando a minha cabeça no colo dele com um pouco de receio dele me rejeitar e me mandar sumir dali, mas o mais surpreendente, foi que ele simplesmente colocou a mão em meu cabelo e começou a fazer cafuné ali.

– Tae... Eu... Aish, você me perdoa pelo o que eu fiz nesses todos anos, sei que não mereço o seu perdão mas eu estou realmente arrependido...– Ele dizia tão calmo, que me deixava sem palavras. Fico com os olhos arregalados e sem saber o que dizer, pois parecia que o plano de Jimin realmente havia dado certinho.

–Gguk... Está falando sério sobre isso? Não está brincando comigo para depois jogar na cara que me odeia?– Fico olhando o rosto dele, o mesmo ainda estava de olhos fechados, mas conseguia sentir a sinceridade do seu olhar.

–Sei que não confia em mim mas estou falando a verdade... Cansei de ficar sem ninguém todos esses anos, sem uma mãe, sem um pai, sem muitos amigos e sem um irmãozinho mais novo para dar carinho e receber carinho...– Ele finalmente havia aberto os olhos e foi ai que comprovei que ele estava falando a verdade, ele estava quase chorando.

–Ah Gguk... Já que é assim eu te perdôo, mas me prometa nunca mais fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa, ok?!– Aponto o dedo na cara dele e ele apenas ri acentindo.

–Bom mesmo... Mas então.. Quer assistir algum filme, sla... Não é sempre que fico contigo para saber o que gosta de assistir...

–Ah, pode deixar que eu sei o que colocar para assistir...– Ele da um sorrisinho que eu pude jurar ser malicioso, vejo o mesmo pegar o controle da TV e colocar em um filme qualquer que eu não consegui ver a classificação ou nome.

–Qual filme é esse?

–Não irei dizer agora, assista e verá!

Faço um bico e me deito melhor, aconchegando a minha cabeça no colo dele e recebendo um carinho singelo nas minhas orelhinhas, deixando o meu rabinho inquieto por estar feliz demais pelo o que havia acontecido a poucos minutos atrás, nem estava acreditando que ele havia pedido perdão pelo o que fez comigo eu poderia chorar de emoção agora.

–Eu te amo Gguk...

–Ah... Eu... Eu também te amo... Pequeno...

P.O.V AUTORA

Taehyung ao perceber que havia deixado Jungkook envergonhado e sem saber o que fazer, levantou-se e sentou em seu colo, nem ligando para nada no momento. Taehyung ficou agindo como se nada estivesse acontecendo enquanto Jungkook estava quase como um tomate pelo o que estava acontecendo.

–Tae... O que está fazendo?!– Perguntava Jungkook para Taehyung um tanto quanto assustado com a situação.

–Hum? Nada, só estou vendo se o colo do meu maninho é gostoso como havia pensado...– Taehyung deu um sorrisinho de lado e ficou mexendo(Lê-se rebolando) a procura de uma boa posição para ficar. Enquanto Jungkook arfava e soltava alguns gemidinhos, seu irmão estava conseguindo tirar toda a sua sanidade, pouquinho por pouquinho. Mal sabia Taehyung que as consequências não seriam as melhores, ou talvez sim.



Notas Finais


Bom Mochis, eu resolvi postar o capítulo antes do dia 20 de agosto(meu aniversário) e talvez se eu não estiver sem criatividade ou preguiça, faço mais um antes disso!

Até a próxima, Bjs de Cereja!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...