História Meu primeiro - Capítulo 28


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alvo Potter, Antonin Dolohov, Córmaco Mclaggen, Dominique Weasley, Draco Malfoy, Fred Weasley Ii, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lílian L. Potter, Lorcan Scamander, Louis Weasley, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Mulciber, Neville Longbottom, Ronald Weasley, Rose Weasley, Rosier, Scorpius Malfoy, Ted Lupin, Tiago S. Potter, Yaxley, Zacharias Smith
Tags Cames, Harry Potter, Hogwarts, Scorbus, Terceira Geração
Visualizações 174
Palavras 1.391
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Uma bem rapinha.
So para aumentar a tensão.

Xoxo! Espero que gostem.

Capítulo 28 - Cadê ele?


Milo`s pov



O Jay está tão estranho…

Nele fica me olhando… okay, eu sei que ele sempre me olha, mas… não sei explicar, tem alguma coisa no olhar dele. Um brilho, mas não o brilho de sempre, um brilho diferente.

Não parece o meu Papi…


- A comida está boa, amor?

- Claro, papito, está ótima. - sorrio forçado.

- Eu quero te dar tudo que você merece… - ele sorri para mim. Esse não é o sorriso do James. E ele fica repetindo isso o tempo todo, eu já entendi.


O que tá acontecendo com o meu Jay…?

- Pronto, amor? - ele pergunta se levantando.

- Oh, claro…

- Vem, vamos nos sentar. - ele me puxa para um sofá que tem no canto da sala. - Eu estava morrendo de saudades… - diz erguendo o meu rosto.


Merlin! O cabelo dele tá… preto?

O cabelo do James é ruivo! - ruivo escuro, mas ainda é ruivo. -


- Eu já te disse o quanto você é especial…? Você é muito, muito, especial.


Ele me puxa para um beijo, mas esse beijo é tão bruto… por que o James tá me tratando assim? - Jay… calma… eu- ele não me deixa terminar de falar e já me puxa para outro beijo. E vai passando a mão por tudo o meu corpo, até chegar no meu membro. - Potter! Você sabe que eu não gosto…!

- Claro…, minha putinha, gosta aqui, né? - ele bate na minha bunda.

- Você me chamou de que?! - esse não é o meu James, não é o meu James. O meu James tem lindos olhos azuis, como o mar do caribe. Não esses olhos azuis escuros, como a noite.

- Desculpa, Milo, só estava tentando algo diferente. Vamos continuar de onde paramos… - ele sorri sacana e volta a me beijar.


Esses não é o meu James…

;


Jay´s pov



- Eu preciso achar o Milo! Preciso! Onde fica a porra dessa sala?!?! - começo gritando. - Alguém sabe? - todos balançam a cabeça negativamente.

- Eu sabia… mas ele mudou de lugar… - diz o Mulciber frustrado. - Pera! Eu acho que seu quem sabe! VAMOS PORRA! - todos sabem correndo atrás dele.


Por favor, Deuses, me ajudem a salvar o meu Milo.

Merda, já estou chorando.

Eu não quero que nada aconteça com o meu amor.


- James… calma… vamos acha-lo.

- Eu espero, Albus. Obrigado… - ele sorri para mim e vamos seguindo o Erick.


- LORCAN! Lorcan, por favor… - o Erick pega na mão do menino, para força-lo o olhar para ele.

- O que você quer, hein, Mulciber? - ele pergunta num tom debochado.

- Você sabe onde fica a sala Vem-e-Vai? - pergunta ofegante.

- Por que, eu te falaria?

- Lorcan… por favor, é realmente importante. - o Malfoy interrompe antes do Mulciber falar alguma coisa.

- Vocês estão planejando uma suruba…? Se sim, me chamem! - ele diz alegremente debochado.

- Lorc… por favor, é muito, muito, importante. - eu olho nos olhos dele, para praticamente suplico.

- Okay… só porquê, o gostosinho do Malfoy tá pedindo. - ele pisca pro Albus que na mesma hora trincou o maxilar. - E por você também, James.

- Obrigado… agora o importante, você sabe onde fica?

- Não… quer dizer, não mais, eu costumava ir para… - ele olha triste pro Erick. - Enfim, não importa para que. Mas mudou de lugar há alguns meses…

- MERDA! - chuto um lixeira aleatória no meio do caminho. - Você… - suspiro alto. - Não sabe de ninguém, que possa… que possa saber?

- Wow! To vendo que é realmente importante… - ele se assusta com a minha reação. - Eu acho que sei de alguém. Vamos até a sala da Corvinal!


Amém Deuses.


- Vocês esperem aqui, vou ver se a pessoa que eu estou pensando está aqui, okay? - ele diz rapidamente e já tenta abrir a porta, mas antes… o enigma de sempre.


Merlin do céu, eu iria odiar ser da Corvinal. Ficar respondendo um enigma todas as vezes que eu preciso entrar no quarto.

Mereço.


- O que anda com quatro pernas durante a manhã, duas durante a tarde e três durante a noite? - a maçaneta pergunta para o Lorcan.

- Uma pessoa, lógico. Senhora maçaneta, você já fez perguntas mais difíceis… - ele ri egocêntrico e entra no salão.


- Como ele sabia que era uma pessoa? - eu e o Albus perguntamos juntos.

- Manhã você é um bebê então, você engatinha, “quatro pernas”. De tarde você é um adulto, “duas pernas”. De noite você já envelheceu, você precisa de uma bengala, “três pernas”. - o Mulciber responde com se fosse óbvio.

- HÃÃÃ. Faz tudo o sentindo. - eu e o Albus respondemos juntos novamente.

- Vocês realmente são irmãos. - o Malfoy sorri e beija o rosto do Albus.


- Não se desconcentrem! O Milo precisa de nós! - Erick grita assustando a todos.

- Rick… calma… vamos acha-lo. Deve ser só um mal entendido. - o Scorp falo manso para ele acalmar.

- Não! Eu devia protegê-lo! Ao invés disso eu confiei em você, Potter!

- Você não tem a obrigação de nada! Eu sou o namorado dele! EU!

- Já que é um namorado então bom, onde estava quando isso aconteceu?? Em?? - ele me empurra.

- Não encosta em mim!! - empurro de volta.


- CHEGA! - o Albus, o Malfoy e o Lorcan gritam.


- Erick. - o Scamander se põe na frente dele. - Chega, tá bom? Eu nem sei o que tá rolando, mas tô vendo que é importante. Eu vou ficar aqui do seu lado, vai dar tudo certo. - ele segura o rosto do Mulciber e lhe dá um beijo na testa.

- Obrigado, babe. Desculpa… - ele me olha. - Me desculpa, Potter. Não devia ter gritado com você.


Wow!

Isso não acontece todo o dia…

1- Um Scamander e um Mulciber tendo praticamente uma DR.

2- Um Mulciber me pedindo desculpas.

Isso realmente não acontece todo os dias…


- Tudo certo, cara. - “sorrio” para ele. - Desculpa ter gritado com você também.


- OKAY! LINDO! LINDO MESMO! Mas as princesas podem se concentrar? O meu melhor amigo ainda tá sumido! - o Malfoy cruza os braços e bate o pé, fazendo birra.


- Okay… esse é o Corvus. Ele é um ano acima de nós, e realmente espero que ele saiba onde fica. - o Lorcan sorri nervoso.


- Oi gente… prazer… alguém pode me explicar o que está acontecendo? - o garoto baixinho pergunta.

- Oi, eu sou o James Potter, eu queria saber se você sabe… sabe onde fica a sala Vem-e-Vai? - pergunto quase chorando.

- Não… não mais, tem um novo feitiço nessa. Muda a cada três luas.

- Merda! - eu não acredito nisso… - Você sabe de alguém que sabe?

- Não… desculpa. Mas se quiser me explicar o que está acontecendo, posso tentar a ajudar de outra forma… - ele diz gentil.  

- O-o meu namorado. Ele sumiu, tá na sala Vem-e-Vai. A gente acha que ele tá correndo perigo. - o menino arregala os olhos. - E não queremos falar com a diretora, não ainda.

- Você tem alguma coisa com o cheiro dele?

- Que?!

- Alguma coisa com o cheiro dele!

- Para que?

- Você quer achar o seu namorado ou não?

- Quero… - suspiro. - Quero mais que tudo.

- Vá pegar alguma coisa dele!

- Eu tenho um casaco dele comigo! - o Scorpius dá a mochila pro Albus, e ele procura o casaco. - Aqui! Eu ia devolver no jantar.

- Ótimo! Eu preciso que todos vocês fechem os olhos e virem para trás.

- O que?? - todos questionam.

- Rápido! Façam o que eu estou dizendo! Me obsessão! Sou mais velho.

- Okay…


Todos nós viramos e colocamos as mãos sobre os olhos.

O que será que esse menino está fazendo??

Tenho até medo.

E se ele for um, sei lá. Um híbrido de algum ser mágico super maluco.

Ou sabe algum feitiço que é proibido de fazer aqui na escola.

Deuses… São tantas perguntas…


- Acho que foi. - ele toca no meu ombro para me virar. - Vamos tentar acha-lo. Por aqui!


E vamos todos atrás dele.



Notas Finais


Então, vou ser sincera.
Eu não sei escrever coisas de tensão e ação. Por isso esse e os próximos caps irão ser um verdadeiro desafio para mim.
Eu tô escrevendo o melhor que eu posso e de todo o meu coração. Então, se não tiver a coisa mais incrível do mundo das fics, desculpa! Mas esse não é muito o meu estilo. Por conseguinte, deve sair um pouco "ruim"
Mas foi tudo feito com muito amor.
E eu realmente espero que vocês gostem.
♡♡

Esse aqui foi so para tenção aumentar! Amanhã tem mais!!!

E prestem muito atenção nos dois novos personagens que apareceram hoje! Eles serão importantes!!

Beijinhos de algodão doce♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...