História Meu primeiro amor - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Novela, Romance
Visualizações 5
Palavras 410
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Voltei! Demorou ,mas voltei com um novo capítulo. Espero que gostem.

Capítulo 9 - Surpresa


As férias de meio de ano passaram voando e já tínhamos voltado às aulas, infelizmente. Minhas férias até que foram boas, os meninos vieram me visitar, foi muito bom ver eles, não tenho nenhum amigo fora eles. Eles passaram quase todo o recesso comigo, voltaram semana passada e confesso que já estou morrendo de saudades. Quanto ao Leonardo, depois de ele desmarcar comigo umas 1000 vezes, desisti e entreguei pra ele minhas anotações e apostilas do semestre. 

Eu estava sentada na minha carteira copiando a matéria que o professor passava no quadro quando a coordenadora aparece na porta. 

" Com licença professor. Posso dar um recado pros alunos? 

" Claro! "

A diretora entra com uma garota junto com ela e não sei porque, mas a menina me pareceu familiar. 

" Primeiramente, desejo à todos um ótimo semestre. Bem, essa e Julie ela ficará com vocês a partir de hoje, cuidem bem dela"

" É um prazer Julie, sou o professor de espanhol Lúcio "

" Prazer"- disse a menina. De onde eu conheço ela? 

" Pode se sentar ali no fundo atrás da Luna "- Fala o professor apontando em minha direção. 

A garota do nada abre um sorriso enorme e vem em minha direção. 

"  Não acredito!  Então você é a famosa Luna? " - ela fala super animada. 

"Famosa? "-pergunto sem entender. 

" Sim!  Mamãe fala de você o tempo todo, que tem uma filha super inteligente, talentosa, bonita. Vive te elogiando, fico até com um pouco de ciúmes kkkk"

Fico calada. Então era isso! Ela era a garota que estava junto com a minha mãe aquele dia. 

" Falando na mamãe. Por que nunca mandou notícias? Ela vive triste com isso "- ela fala em um tom reprovador. 

Todos estavam olhando pra gente, mas eu não me importava. Como assim mandar notícias? Ela nunca me mandou. 

" Desculpe. Como? "- pergunto confusa

" Por que nunca respondeu as cartas? "

"Cartas? Que cartas? Ela nunca me enviou nenhuma. 

" Como assim?!  Ela vive enviando cartas! Manda uma quase toda semana! E você nunca se deu ao trabalho de responder! Não sabe o tanto que isso me deixa com raiva! 

Ela explode gritando comigo, nesse momento o último sinal toca. Cartas?  Eu nunca recebi nenhuma. Não... 

Recebi, uma. Aquela que me destruiu, depois disso eu me mudei e.... 

Pera! Eu me mudei! Será que é isso? 

" Desculpe, eu tenho que ir "- falo já me levando e indo para meu antigo endereço. 



Notas Finais


Como perceberam, tentei mudar o jeito de narrar um pouco.
Ficou melhor?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...