História Meu primeiro amor depois da música! - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 1.859
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Famí­lia, Lemon, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi babys! Turu bom?
Só passando pra dizer que tem surpresa notas finais do próximo capítulo! Espero que gostem e ...

Boa leitura! ♡♡♡

Capítulo 22 - What?


Fanfic / Fanfiction Meu primeiro amor depois da música! - Capítulo 22 - What?

- O que eu tenho para dizer a vocês, eu dedico a minha querida, Nari, por isso essa notícia está sendo dada no dia de hoje.

Bom, pelo menos sabemos que não vai ser tão ruim assim.

- Diz logo! Estamos morrendo de curiosidade!

- Sim Hoseok, estes homens aqui. - Apontou para porta, por onde entraram os dois caras estranhos que andavam com o manager nos últimos dias. - São advogados, e ..

- Oi? Você vai morrer e tá escrevendo um testamento?

- Não Jimin, que idéia absurda. - Pigarreou e voltou a falar - O que acontece é que, eu assinarei um tratado, um tratado do fim de algo que eu sei que atormenta a vida de duas pessoas aqui.

Abriu uma pasta preta apoiada nas mãos de um dos advogados estranhos e pegou um papel nos mostrando o mesmo em seguida.

- Eu estou neste momento, desfazendo - pegou uma caneta - algo que já devia ter desfeito a muito tempo. - Assinou na parte em branco do papel - A partir de agora. ..

Ele pegou outro papel na pasta, aparentemente com a assinatura dos meninos.

- Estão - Rasgou o papel todo em nossa frente e entregou o novo aos dois homens - Vocês estão livres para se relacionar com quem quiserem, esse é o fim dessa regra sem noção.

- É O QUE? ! - Falamos em uníssono.

- ISSO É SÉRIO? SÉRIO MESMO? ?

Jimin se levantou do chão e foi em direção ao manager para lhe dar um grande abraço apertado em seguida.

Eu estava boquiaberta, não consegui dizer uma palavra!

- Calma Jimin, e sim, eu estou falando sério.

Desfez o abraço e. .. Em seguida algo que ele com toda certeza não esperava aconteceu.

- Você ouviu isso love?

- Sim, eu não acredito.

Kook aproximou devagar dando um beijo calmo em Taehyung.

- Já que é assim. - Hoseok deu de ombros e puxou  Suga lhe dando um selar leve.

- Te amo sabia? - Suga disse aos sussurros e lhe deu um beijo carinhoso enquanto afagava a bochecha do castanho.

- O QUE TA ACONTECENDO? - O manager encarou Jimin ao seu lado e voltou o olhar para os casais apontando para eles indignado.

- Olha, se eu disser que nós encobrimos uns aos outros, o que o senhor diria? - o loiro falou envergonhado olhando para o chão.

- Bem, eu diria que a culpa disso é minha. Vou fazer o que ? Pelo menos os dois não me decepcionaram - apontou para o Nanjoom e para o Jin que se encontravam em silêncio.

- Bom, é que na verdade, a gente se beija mais tarde no quarto, aqui é meio vergonhoso.

- Namjoon! - Jin hyung disse batendo em seu braço. - Cala essa boca!

- Ah Jin,  então você pode namorar a vontade com o senhor Nam, e quando é comigo e com o Suga tá errado? ! - Hoseok procurou tirar satisfações.

- Olha só, eu só queria o bem de vocês seus mal agradecidos! E fala sério Suga, " Eu tive um pesadelo?!" Que eu saiba ninguém geme tendo pesadelos!

Eu olhava aquela discussão e logo olhava para o manager, que sinceramente estava com uma expressão ilária, era algo como :
" Vocês todos estavam me traindo esse tempo todo? !"

- Mal agradecidos? ! Você mandou a gente se separar! - Suga ficou realmente irritado com o comentário do mais velho.

- Sim, porque eu queria proteger vocês!

- Que nos desse dicas de como esconder melhor do manager ué!

- Ou! Já deu seus traidores! - Viu, eu disse que ele estava realmente pensando isso.

- Concordo, - Jimin continuou - E só pra esclarecer, eu juro que nenhum de nós sabiamos sobre os dois ali, isso foi revelação pra gente também.

- Por isso vocês estavam sempre longe? - tomei a palavra

- Sim, a gente gosta de momentos só nossos.

Nanjoom explicou.

- Ta, mas isso não importa. - O pequeno falou e olhou em minha direção. - Eu queria aproveitar então, pra dizer uma coisa.

- Ih, la vem exagero. - Kook falou - Já não me basta o  que você fez no pedido de namoro e ...

- Kook fica quieto parça! Momento Narimim rolando poxa!- Hoseok falou chamando atenção de todos para dar atenção ao Jiminzinho.

- Obrigado Hope. - Olhou pra mim novamente. - Nari, ou melhor, Lírio, agora que eu não preciso mais esconder isso de ninguém, eu queria dizer que. .. Manager a gente já tinha voltado faz tempo.

- Ah Jimin! Você sempre estraga tudo !

- To brincando hope. O que eu queria realmente dizer era...  - Segurou em minha mão e me deixou em pé se ajoelhando em seguida na minha frente.  

Tal ato que arrancou vários "Aaaammm " de todos, inclusive do próprio manager.

- Kim Nari, você gostaria de a partir deste momento ser a senhorita Kim Nari Park?

- Como assim amor? - Dei um risada tímida

- Kim, quer casar comigo?

- AÍ MEU DEUS! - Hope exclamou.

- Sim amor, eu caso com você. - Não segurei  (porque sou eu ), e comecei a chorar.

Jimin se levantou e em um ato rápido me deu um abraço apertado e cheio de carinho.

- Te amo muito, não esqueça isso ok? - Sussurrou

- Não vou. Porque eu também te amo.

Puxou meu rosto com carinho e selou nossos lábios em um beijo rápido, mas eu não o deixei parar e aprofundei pedindo passagem, que foi dada imediatamente. 

O beijo era calmo e cheio de libertação, pois finalmente poderíamos anunciar  ao mundo que estavamos juntos, não tínhamos que esconder.

- Ai gente, que lindo. - Kook limpou uma lágrima falsa no olho direito.

Paramos o beijo e Jimin me apenas ficava me encarando intensamente.


- Bom, eu acho que já vou pra minha sala.- Disse o manager ao que saia da sala.

***


Ficamos conversando mais, eu, Taehyung e Hope, fomos até a cozinha fazer um lanche pra que todos comemoracem a novidade.


Comemos e bebemos enquanto zoavamos com nossas histórias de amor proibido. Até que escutamos.

- Parabéns pra você! Nesta data queriadaaa ! Muitas felicidades, e muitos anos de vida!

Era o Hope que havia saído pra "ir ao banheiro" , ele estava com um bolo de chocolate trufado nas mãos. ( meu preferido ).

- Meu Deus gente - Comecei a gargalhar, todos cantavam para mim alegres.

- A gente decidiu fazer essa surpresa ontem.
 
Kook falou todo fofo.

- Sim, eles me contaram e eu fiz o bolo. - Jin comentou rápidamente.

- Obrigada Jin, você é demais.

- E pra quem vai ser o primeiro pedaço? - Namjoon perguntou curioso.

- Olha galera já é meio óbvio né? - Suga falou já esperando que eu entregasse o meu primeiro pedaço ao Jimin.

- Bem, até seria, mas eu tenho outras maneiras de demonstrar meu amor e agradecimento ao Jimin - O encarei maliciosa e notei que ele entendeu - Meu primeiro pedaço vai para uma das melhores pessoas daqui, que sempre ajudou a mim e ao Jimin principalmente. É alguém que vivi de gritar ao mundo que shippa Narimim.

Todos gargalharam, afinal já entenderam onde eu iria chegar.

- Meu primeiro pedaço vai para... J                       HOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOP

- Uhuuu! Sou eu ! - veio até mim pegar o bolo e me deu um abraço apertado. - Desculpa aí gente mas ela me ama mais. - Deu um beijinho em seu próprio ombro e voltou ao seu lugar já comendo um pouco do doce e também pondo um pouco na boca de Yoongi.

- Ai amor só você mesmo. - Jimin me abraçou e me deu um beijo na bochecha.

Se soltou de mim e foi até o bolo e pegou um pedaço grande com dois garfos de plástico.

- Toma aqui. - Colocou um pouco na minha boca. - Eu que pedi pro sabor ser esse.

Deu aquele sorriso fofo de sumir os olhos.

- Obrigada pequeno. - Sorri de volta.

- Quer ir para o quarto?  - sussurrou em meu ouvido.

- Mais tarde, vão acabar percebendo amor.

- Tudo bem. - deu aquela risadinha boba.

- O que vocês tanto cuchicham aí?

- Nada não Tae. Só comentando sobre a surpresa do manager.

- Beleza. - deu de ombros e foi até o Kook se sentando no meio de suas pernas colocando os braços do mesmo em volta de sua sintura. 

***

- Gente já vou dormir porque ninguém merece. Já são - olhou no celular - 00h:30,  vamos Hobi?

- Sim sim. Se levantam e deram as mãos.

- Ué "Hobi" vai me abandonar hoje? - Jimin não se segura mesmo.

- Como se você não fosse fazer o mesmo comigo não é senhor finalmente não sou mais encalhado.

- Aff.

Todos demos risada e assim os dois se despediram e foram em direção ao quarto de Suga.

- A gente também já vai né amor?

- AÍ love, eu tô comendo bolo ainda.

- Mas também só come cara.

Kook puxou o mais novo e deixou que ele levasse o bolo para o quarto para poder terminar de comer aqueles doce de chocolate.

- Tchauzinho gente.

- Tchau, durmam bem. - Omma Jin disse sorrindo caloroso.

- Você sabe que eles também não vão dormir não é Jin?

- Jimin! - bati no braço do loiro que me olhou em reprovação.

- Sim eu sei Jimin, mas uma provocação não mata ninguém.

- Isso aí. - Caíram na gargalhada enquanto eu encarava Nanjoom e vice versa.

- Aí aí Jin, vamos então?

- Ta bom, mas eu também posso levar bolo? - pediu manhoso

- Pode. - Sorriu mostrando suas covinhas fofas.

Sairam de mãos dadas enquanto com a outra Jin levava seu bolo de chocolate.

- Enfim sós.

- Pois é .

- Olha quanto bolo sobrou Nari! Guarda no frigobar do seu quarto filha, porque se isso ficar na geladeira, amanhã ele já não vai mais estar aqui para contar a história.

- Você é um bobo sabia?

- Sim, sou um bobo apaixonado por você.

Se aproximou e me envolveu com seus braços. Selou nossos lábios em um beijo calmo, mordeu leve meu lábio inferior.

Passou seus lábios ao meu pescoço dando leves chupões, apertou minha coxa sem medo, sem preocupações, e com muita malicia e segundas intenções.

Acarenciou meu quadril erguendo um pouco minha camiseta, passei minhas mãos para nuca do loiro e dei leves puxões em seu cabelo enquanto ele continuava dando selares em meu pescoço, e agora os chupões deixariam marcas amanhã.

Colocou sua mão em minha bunda me puxando para que eu me sentasse em seu colo com uma perna para cada lado. Ele precionava meu quadril contra sua ereção já aparente contra o moleton cinza.

- Jimin me leva pro quarto? - sussurrei em seu ouvido rouca mordendo o lóbulo em seguida.

Sem dizer nada em resposta agarrou minhas pernas que ficaram entrelaçadas em volta de sua sintura e se levantou me levando no colo até o meu quarto.






Notas Finais


Acho que nem preciso dizer o que vai rolar no próximo capítulo mas blz kkkk

Cómo dito antes vai ter surpresa próximo capítulo.

Amo vocês babys!♡

Beijos! ☆☆☆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...