História Meu primeiro amor. (Imagine Jikook) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lay, Lisa, Lu Han, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé, Sehun, Suho, Tao, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Incesto Jikook Imagine
Visualizações 69
Palavras 1.151
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura a todos.

Capítulo 7 - Capítulo 7 - Não vai te acontecer nada.


Fanfic / Fanfiction Meu primeiro amor. (Imagine Jikook) - Capítulo 7 - Capítulo 7 - Não vai te acontecer nada.

                 P.O.V Jimin 

Me acordei no dia seguinte com certo medo de ir para o colégio. Só queria ficar em casa agarrado com o Kookie. Percebi que ele ainda estava dormindo. Olhei para ele e ele estava suando frio. 

- Não... Jimin...  Ele é meu. Ninguém vai tirar ele de mim. - Ele falava enquanto dormia. - Solta ele. 

- Kookie? Acorda... - Chamei e ele abriu os olhos e se assustou com a minha presença. 

- Desculpa Jimin. - Ele fala. 

- Não tem problema. Com o que você tava tendo pesadelo? - Perguntei a ele. 

- O Kai te pedia em namoro. - Ele fala e da uma pausa. - E você aceitava. Não me deixa. Por favor. - Ele fala com seus olhos cheios de lágrimas. 

- Não... Não vou te deixar. Tá bom? Ninguém vai te tirar de perto de mim. - Falei e abracei ele. Me sentei em seu colo e beijei ele. O mesmo retribuíu o beijo suavemente. 

- Vamos nos atrasar para o colégio. - Ele fala. - Vai tomar seu banho que eu vou trazer seu café da manhã. 

- Ta bom. - Falei e andei até o banheiro. Tomei meu banho e logo sai enrolado na toalha. 

Jungkook estava entrando no quarto com uma bandeja. Ele colocou na cama e se sentou logo em seguida. 

- Que visão. - Ele fala olhando para meu Abs. Sorri bobo e senti minhas bochechas arderem. Procurei meu uniforme e até que enfim achei. Comecei a me vestir. 

- Não vai para o colégio? - Pergunto a ele. 

- Vou. Por que a pergunta? - Ele me pergunta.

- Você ainda não foi tomar banho. - Falei e apontei para seu Abs que estava molhada por seu suor. 

- Verdade... Vou tomar meu banho e jaja vamos para o colégio. - Ele fala e vai para o banheiro. 

Tomei meu café da manhã e fiquei esperando ele sair do banheiro. Logo ele sai do banheiro já vestido. Ele se sentou ao meu lado e segurou minha mão.  

- Kookie? Eu tô com medo! Eu tô com medo de alguém tentar fazer alguma coisa contra mim. - Falei triste. 

- Não vai te acontecer nada. - Ele fala e me dá um selinho. 

- Você promete? - Pergunto a ele. 

- Claro Jimin. Prometo sim. - Ele fala e eu sorrio. - Se alguém fizer alguma coisa a você, essa pessoa já está morta. - Ele fala. 

            Quebra de tempo 

Já haviamos chegado no colégio. Percebo que tem vários olhares se dirigindo para mim e Kookie. 

Ignoramos e fomos para a nossa sala. Ele se sentou ao meu lado e eu sorrio. Olhei para trás e vi Seokjin, Mark, Namjoon, Jackson, Suga e Hoseok.  

A aula começa e eu fico prestando atenção na aula. 

                  Final da aula

O sinal já havia sido tocado. Ficou apenas eu na sala. Estava de costas até sentir alguém me segurar por trás. Sorri pensando que era Jungkook. Mas quando virei dei de cara com Kai. 

- Oi Jimin. - Ele fala. 

- Kai? O que você tá fazendo aqui? - Pergunto a ele. 

- Quero que você me ajude em uma coisa. - Ele fala e pega minha mão e leva até seu membro que estava bem duro. 

- Me solta Kai! - Falei a ele. 

- Não. Você é meu Jimin. - Ele fala e ataca meus lábios. Ele morde o meu lábio inferior. 

Me separei do beijo dele e de um tapa forte em seu rosto.

- Você vai pagar cara por isso. - Ele fala. 

- SOLTA ELE KAI. - Escutei a voz do Kookie. 

Kai tira uma faca da sua calça e aponta para Jungkook.  

- Se você se aproximar, eu te mato Jungkook. - Em um movimento rápido, Jungkook pula em cima de Kai e eles começaram uma briga corporal. 

- Solta ele Kai. - Falei e vi Kai colocar a faca um pouco a cima da cintura de Jungkook. - Não! - Gritei e me aproximei dele. Kai saiu correndo dali. 

- Jimin... - Ele fala. - Eu te amo muito. - O mesmo fala e apaga. 

                    2 dias depois 

Havia se passado dois dias desde que Kai fez aquilo. Jungkook estava em coma ainda. 

Estava no quarto do mesmo esperando ele acordar. Ele abriu os olhos lentamente e me olhou. 

- Jimin? Aonde eu estou? - Ele pergunta. 

- Calma Kookie. Você está no hospital. O Kai tentou te matar com a faca. Ele está sendo procurado pela cidade. - Falei. 

- Quanto tempo eu fiquei assim? - Ele me olha. 

- Dois dias e meio. - Falei e ele se assustou. - E obrigado por salvar a minha vida. - Sorri e me aproximei de seus lábios. - Pode pedir qualquer coisa e eu faço. - Falei e beijo ele. Nos separamos por falta de ar.

- Eu já sei como eu quero ser retribuído. - Ele fala de uma forma maliciosa. 

- Sabe? - Pergunto passando minha mão por seu corpo. 

O médico entra e faz alguns exames nele. 

- O senhor Jungkook vai receber alta, mas não poderá fazer muito esforço. - Ele fala. 

- Ta bom. - Jungkook fala e logo recebe alta. 

Saimos do hospital e Jungkook estava pensativo. 

- Como vamos para casa? Já está tarde. - Ele fala. 

- Eu vou dirigir. - Falei. 

- Jimin, você não sabe andar nem de bicicleta. - Ele fala e eu cruzo meus braços. 

- Espere para ver. - Falei e puxei ele até o seu carro. Entramos e eu comecei a dirigir. 

- Aonde aprendeu a dirigir assim? - Ele me pergunta. 

- Com você e com o Seokjin. - Falei. 

Depois de um tempo. Chegamos em casa. Ajudei ele a se deitar na cama. Acabei caindo por cima dele. 

- Desculpa. - Falei a ele. 

- Sem problemas. - Ele sorri e junta nossas testas. Acabei beijando ele. - Você me faz tão bem. - Ele fala alisando minha coxa. 

- Você também me faz tão bem. - Sorri e beijei ele novamente. - Agora eu tenho que fazer sua sopa. - Falei e me levantei. 

- Não quero sopa. - Ele fala cruzando os braços. 

- Não é questão de querer e sim da sua saúde. Vou fazer e jaja volto para cuidar de você. - Falei e fui para a cozinha. Fiz a sopa dele e voltei para o quarto. O mesmo estava olhando para o teto e sorrindo bobo. - Aqui está sua sopa. - Falei a ele. 

O mesmo pegou e deixou de lado. 

- Não vou tomar. - Ele fala. 

- Você vai sim. Eu vou te dar na boca. - Falei e peguei a sopa. Comecei a dar na boca dele. 

O mesmo começa a tomar. Logo o mesmo termina e eu vou tomar banho. Saio já arrumado e me deito ao seu lado e durmo. 

.

.

.

.

.

.

.

Continua? 


Notas Finais


Mil perdões pelo o atraso. As minhas aulas voltaram.

Espero que tenham gostado.
Até a próxima.
Bjs. ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...