História Meu Professor. - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS)
Personagens Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Tags Agust D, Bangtan Boys, Bts, K-pop, Min Yoongi, Suga
Visualizações 294
Palavras 3.676
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Festa, Luta, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 19 - Capítulo 19 - Ligação.


Fanfic / Fanfiction Meu Professor. - Capítulo 19 - Capítulo 19 - Ligação.

- Fica de quatro Cris. - ela obedece ele rápido.

Ele passa a mão na intimidade dela e a penetra com os dedos. Ela geme baixinho.

- Vem aqui S/N. Quero te chupar. - ela bate a mão na frente dela.

O Jay tira a língua de dentro de mim e passa pra ela. Ela geme alto.

- Ela é sensível cuidado. - ela sorri maliciosa pro Jay.

Vou até a frente da Chris, e me deito um pouco pra cima fazendo cena me tocando pra ela e pra ele. Ela puxa minhas pernas me fazendo ficar perto dela. Ela me penetra com dois dedos e começa a me chupar. O Jay a penetra com força e ela me morde fraco.

- Cuidado Jay. - olho pra ela e vejo ela choramingar.

- Desculpa. - ele sorri pra mim e gesticula. - ela era virgem. -olho pra ele assustada e pra Chris que estava com os olhos cheios de água.

- Chris ? Quer parar? - chego perto dela com o rosto e ela me beija.

- Nao quero, me fode Jay. Rápido. - ela segura firme no lençol assim que ele começa a se movimentar. Ela começa a gemer gostoso e o Jay começa a ir mais rápido. - S/N fica de quatro.

Me levanto na cama ficando de pé e vejo o Jay tocar ela. Ele me olha com tesão e aperta a bunda dela. Sorrio maliciosa e fico de quatro pra Chris.

Me curvo bem na cama e começo a me tocar. Assim que a Chris enfia a língua dela eu gemo alto e começo a rebolar.

- Para Jay, eu vou gozar. - ela fala estremecido.

Ele pega firme na cintura dela e começa a rebolar mais gostoso e faz ela gozar. Ele tira o membro de dentro dela e nos duas trocamos de posição.

A chupo sentindo o gosto dela e ela choraminga segurando firme em meu cabelo. A puxo deixando ela debaixo de mim e começo a beija la.

- Seu gosto é uma delicia. - ela me beija e estremece assim que sente eu tocar ela de novo. - ta muito sensível? - ela balança a cabeça dizendo que sim.

Sinto o Jay acariciar minha intimidade enquanto eu tocava a Chris.

- Me fode Jay. - gemo baixinho.

A Chris sai debaixo de mim e vai me tocar.

- Voce é muito gostosa S/N. Quero sentir seu gosto. - ela fala enquanto me toca.

Ela passa a mão na minha bunda. Ela abre minha intimidade e o Jay me penetra devagar me sentindo por inteira.

- Como pode ser tão aperta S/N? - ele fala com tesão e beija minhas costa e me morde.- rebola pra mim gostosa. - ele me bate forte e começa a beijar a Chris. E tocar ela.

Ela fala baixo pra ele esperar. Ela para de me tocar e sai da cama.

Começo a rebolar de quatro pro Jay e vejo a Chris me olhar com muita malícia com um vibrador na mão.

- Chris safada. - falo ofegante.

Ela sobe na cama de novo, me chupa bem na entrada traseira e põe o vibrador que fica me massageando.

- Como isso é gostoso, puta que pariu.

Ela sobe nas minhas costas segurando o vibrador e se penetra com outro e beija o jay, enquanto rebola no vibrador.

- Vocês duas são muito gostosa, Caralho. - ele chupa os peitos dela e ela fica gemendo alto.

O Jay começa a ir mais rápido e o sinto alcançar meu clitóris. Nos três começamos a gemer em sintonia. O Jay goza dentro de mim primeiro eu sou a segunda e a Chris é a última. Um atrás do outro. Ela sai de cima de mim se deita no lado direto da cama apenas me estico do lado esquerdo e o Jay se joga no meio de nos duas.

Ele estava totalmente suado e ofegante, coloco uma perna encima dele e ele puxa a Chris junto. Ela estava sorrindo envergonhada.

- Esta com vergonha ? - me deito no peito do o Jay acariciando ele.

- Um pouco, quero dizer, agora eu to com muita.

Sorrio pra ela, tiro a perna decima do Jay me deito sobre ele só que de lado ficando de quatro e beijo ela. Ele acaricia minha bunda e aperta devagar. Ela para o beijo e acaricia meu rosto.

- Eu vou ir pra casa agora. Antes que minha mãe comece a me ligar.

- Mas tarde voce pode voltar ?- passo a mão na franja dela.

- Posso sim. - ela olha pra tela do celular e respira assustada. - Nossa ja é 19h50. Minha mãe vai me matar. Posso tomar banho aqui? Se não eu vou me atrasar muito.

- Pode sim, voce toma na ducha. Nao se importa de eu e o Jay ficarmos na banheira né?

- Nem um pouco. - ela me beija e chupa minha língua.

Ela faz o mesmo com o Jay só que mais um pouco demorado.

💭Esse Jay é muito tarado meu pai amado. 💭

- Solta ela Jay, ela vai se atrasar.- dou risada.

Ele se separada dela e os dois sorri um pro outro. Ela se levanta correndo e vai direto pro boxe tomar banho.

- Vamos pra banheira, baixinha. - ele passa por cima de mim saindo da cama e me puxa pras pernas dele e me pega no colo.

- E tem como te falar não? - ele sorri e me beija.

Ele vai andando até o banheiro e me põe sentada na bancada da pia. Fico olhando a Chris passar o sabonete no corpo não me aguento ficar só olhando e vou até ela. Ela sorri maliciosa pra mim e da o sabonete na minha mão.

- Por que disse que iria se atrasar Chris? Hoje tem algum compromisso?- começo a passar o sabonete nela.

- Vou conhecer meu noivo. - paro de passar o sabonete e a encaro seria. Ela da risada. - pois é casamento arranjado.

- Voce lida numa boa com isso?

- Depois que vi a foto dele sem querer, eu lidei sim. Mas antes odiava a ideia.

- E como ele é? - volto a passar o sabonete mas logo solto ele no chão e apenas passo minha mão no corpo dela.

- Ele é loiro de olhos verdes, bem forte, tem um sorriso muito lindo.

- Cuidado com a S/N, ela vai querer conhecer ele.

- Se quiser me ajudar com isso, quer dizer. Quero transar com ele antes do casamento. Nao tenho ciúmes.

- Nao gosto de loiros Jay Park. - olho brava pro mesmo que estava nos olhando.

- Nao foi o que mostrou hoje la na piscina.

- Ta, aquilo tava muito bom de se ver, não posso fazer nada se ele estava se tocando pra mim.

- Tinha um cara na piscina batendo pra voce? - ela sorri e passa a mão nos meus peitos me apertando.

- Sim. - desço a mão até a intimidade dela e a massageio.

- Uma droga que não posso ficar mais aqui. - ela me beija com tesão e começa a rebolar. - será que ele não pode vir aqui depois do jantar comigo?

- Se quiser, vai ser um prazer.

- Perfeito S/N.- ela solta um gemido e me faz parar. - agora preciso ir. - ela me beija e o Jay também e sai correndo se trocando.

- Por que quer trazer o noivo dela pra cá?

- Foi ela que pediu. E Voce que deu a ideia pra ela.

Ele me tira do boxe e me joga dentro da banheira com tudo.

- Jay, molhou o chão tudo seu besta. - me levanto pra olhar a água.

Ele se aproxima e beija e chupa meus peitos. A Chris aparece na porta e da tchau.

- Tchau - falamos em sintonia.

Ele volta a me chupar e entra na banheira. Faço ele se sentar.

Vou e me sento do outro lado da banheira.

- Por que esta longe de mim?

- Eu quero ver quanto tempo aguenta me ver te provar.

Ela desce um pouco na banheira e olha por debaixo da água. E sobe sorrindo.

- Gostou do que viu? - ele indica com a cabeça que sim.

- Sua vez de olhar. 

Desço completamente e olho pro membro dele que estava muito ereto.

- Voce nem estava se tocando, como pode ficar desse jeito?

- Só de olhar você.

- Então continue me olhando. - assim que subo na borda o interfone toca. Saio da banheira.

- S/N, o roupão. - pego o roupão meio que me visto e vou atender.

Ando até a porta do elevador e a abro.

- Senhorita Park. A Dona Chris pediu pra vir entregar esses dois champanhe e esse cartão. - o moço mal me olha. E empurra o carrinho pra dentro.

💭Chris eu te amo. 💭

- Brigada. -pulo de alegria.

Ele me encara e da o cartão.

- Por nada. - ele fica boquiato olhando pro decote do roupão.

Ele volta pro elevador e tapa o membro quando se vira pra mim e dou um sorrisinho e um tchau.

💭Povo tarado. 💭

Abro o bilhete.

" Sr e Srª Park, se divirtam com os champanhes (espero que seja do jeito que imagino) até mais tarde.

Com amor, 'Chris'."

Sorrio e pego o balde do champanhe e levo um até a geladeira que tinha no quarto e o outro levo para o banheiro.

- Quem era? - ele se levanta e vem até a mim

- Uma surpresa da Chris. - mostro o champanhe pra ele e logo o estouro deixando a espuma cair sobre meus peitos.

Ele passa a língua em toda a espuma e me beija.

- Aish S/N. Como pode me provocar tanto?

- Eu nem comecei. Volte pra banheira eu vou pegar as taças.

Dou a garrafa pra ele segurar, termino de tirar o roupão que ja estava frouxo e o deixo cair livremente no chão. Pego as taças rápido e logo volto. Ele estava me esperando. Posiciono as taças pra ele encher e o mesmo as enche.

- Entra na banheira de novo. Batman. -ele sorri malicioso.

- Por que ainda me chama de Batman?

- Por que você é bilionário, gostoso, lindo e ja me salvou várias vezes. - vou contando nos dedos.

Ele entra na banheira e eu me sento na borda perto dele.

- Te salvaria umas um milhão se possível. - ele encosta a cabeça na almofada da banheira e fecha os olhos.

- Ei Batman. - passo o pé só peito dele até sua virilha por que ele me para. - Eu vou te salvar todas as vezes que precisar também.

- Eu sei disso baixinha. - ele massageia meu pé mas o solto e colo em seu ombro fazendo ele ficar de frente pra mim.

Ele se ajoelha, damos um gole grande no champanhe, o meu escorre um pouco pra fora da boca ele passa língua por onde escorreu. Jogo um pouco em meus peitos e ele os chupa muito devagar.

- Abaixa um pouco Jay. - jogo o que sobrou na minha intimidade e ele me chupa e me morde no final. O empurrou pra que se encoste na parede da banheira. Vou pro outro lado da mesma e me sento exposta pra ele e começo a me tocar. Ele quer vir pro meu lado mas paro ele com o pé.

- Apenas me olhe.

- S/N. - Ele fala com tesão se ajoelha e se toca também.

Começo a me lembrar da reação que o Yoongi fazia quando fiz o mesmo com ele. O Yoongi me olhava com tanto desejo e tesão.

💭Estou com saudade dele. 💭 começo a me tocar pensando nele. Fecho os olhos e me penetro.

- Nao aguento mais S/N. - ele se aproxima de mim e começa a roçar em toda minha intimidade.

- Me fode Yoo...- fecho a boca antes que saísse o nome do Yoongi totalmente. O beijo tentando disfarçar a merda que eu fiz e o penetro em mim com força.

- Gostosa. - ele me pego no colo e me estoca com força e com muita vontade três vezes.

💭Isso só esta fazendo eu me lembrar mais dele Jay. 💭

Choramingo em seu colo e ele se senta na banheira. Começo a acariciar seu rosto enquanto rebolo pra ele. Ele me beija e morde meu labio inferior. Ele segura em minha cintura e me movimenta devagar enquanto nos beijávamos.

Suga* 

Acordo e era meia noite. Ligo pra S/N. Ainda estava no motel com a Sun. Ela recebe uma ligação da central falando que acharam o Park e pelo jeito a Luce encontrou também. A S/N acabou escutando sobre isso, não sei como vou ainda falar isso pra ela e dar uma boa explicação.

Eu e a Sun fomos pra central, tivemos uma puta de uma reunião chata e muito longa. Mais informações chegava. Dois dos seguranças da luce estavam indo pra Barcelona primeiro.

Eu não faço ideia de quanto tempo a reunião demorou, era tanta a coisa pra ser passada e revista, analizada, pela primeira vez estávamos perto de pegar a Luce, as informações estavam quase completas completas.

Isso ja era 07h00 da manhã

- Yoongi, voce vai pra Barcelona no mesmo horário que o voo da luce, Voce a conhece e sabe como ela faz pra achar quem ela quer. Apenas a siga.

- Ela vai enrolar uns 3 dias pra ir ao encontro do Park. Mas vou ficar colado nela.

- Ainda não temos nenhum sinal da garota. Nem nome, endereço apenas uma foto. Que eu não faço ideia de onde foi parar. Por que certos idiotas atrapalha tudo. - ela olha pro mesmo cara que fica me enchendo o saco. A Sun me olha - Yoongi. Sua pagassem foi comprada. - ela passa a passagem pra mim pela mesa.

- Mas ele vai ir sozinho pra Barcelona ?- a mina me encara.

- Sim mina. Vocês duas vão ir primeiro. - a Sun olha feio pras duas.

- Mas não é perigoso ele ir sozinho com a Luce?

- Acha que eu tenho quantos anos Hyuna?

- As vezes parece ter 2, as vezes 18 - ela sorri malicioso- e as vezes parece ser um velho chato.

- Me poupa Hyuna, guarda esse tipo de coisa pra você, muito diferente de vocês todos o Yoongi sabe se virar melhor sozinho. A sim, ainda sobre a garota. Ela é quase um fantasma não temos mais nenhuma informação dela. Se a Luce a encontrar vai matar essa garota. Yoongi, encontre o Park ele precisa de proteção máxima.

- Nao me mostrou a foto dele até agora.

- Depois eu te envio. A sim, Yoongi e te enviei a foto da garota. O envelope que deixei pra você.

- Eu quero saber o porque não fizeram a identificação do rosto dela até agora.- indico olhando pra mina.

- Por que quando fui fazer acabou a força, e quando voltou a foto da garota sumiu. - ela franze a testa e me olha.

- Estranho. - a olho estranho e fico pensando.

- Eu quero saber de cada passo da Luce. Mina e Hyuna. Se perdermos ela eu mesma mato vocês.

Elas olham pra Sun assustadas. Chego perto da Sun.

- Calma Sun, elas vão dar conta. - cruzo os braços.

- Podem ir trabalhar. - a Sun vira a cadeira pra mim assim que todos saem da sala de reuniões. - Elas me irritam.

- Esta com ciúmes?

- Nao Yoongi eu não estou com ciúmes. - ela se levanta nervosa e começa a arrumar alguns papeis.

Vejo um nome completo todo rabiscado.

- Quem fez isso? - pego o papel e mostro pra Sun.

- Algum filha da puta pegou esse papel no avião enquanto eu estava dormindo e fez isso. Era o nome da garota. Parece que não querem que achemos ela de jeito nenhum. Ela é literalmente um fantasma. De uma coisa e me lembro perfeitamente. Ela é muito linda e não é coreana.

💭Espero que a garota que a Luce esta procurando não seja a S/N. 💭

- Entendo. - respiro fundo. - vou ir trabalhar Sun.

Ando até a porta e a fecho. Vou para minha cadeira e começo a trabalhar.

Quebra de tempo*

Termino de arrumar minhas coisas. E olho na hora era 14h59.

💭 A S/N deve estar dormindo a essa hora, mas acho que não custa tentar. 💭

Enquanto chamo o táxi a espero atender. Ela atende e ja da risada alto.

Ligação on*

- Pensei que estava dormindo.

- Pra falar a verdade não. - ela fala totalmente enrolado.

- Esta bêbada?

- Um pouquinho só gostosao.

- É estou vendo o seu pouquinho. Onde voce esta?

- Hmm... No quarto do hotel.

Escuto algumas pessoas gritarem felizes.

- Com quem Voce esta?

- Com alguns amigos. - ela fala maliciosa. - o que Voce esta fazendo jay? -ela da risada e começa a gemer baixinho.

- S/N? Atende minha ligação por vídeo. -desligo e ligo por vídeo pra ela.

Saio do táxi e entro no hotel. Ela atende e estava olhando pra baixo.

- Volta pra cama Jay. Acho que ja ta bom de chupar ela. - escuto uma menina falando em inglês.

- Com quem esta ai? Me mostre.

Ela vira a cameira e mostra um rapaz loiro mexendo no celular e sorrindo, uma menina branca com com cabelos cumpridos, ela estava usando biquíni minúsculo e estava alisando os dois caras, e o amigo da S/N. Os dois caras estavam só de calça.

Entro no quarto e me deito na cama.

- Prontinho. - ela vira a cameira pra ela de novo.

- Que roupa voce esta?

- Agora só com o roupão.

- Nao esta com nada por baixo?

- Quer ver? - ela morde dos lábios e passa a mão na borda do roupão.

Confirmo com a cabeça.

Ela tira o roupão e vai até de frente um espelho e se mostra no espelho pra mim.

- Por que tirou o roupão ? - o cara loiro fala encostado na parede do banheiro olhando pra ela.

- S/N se veste agora. - ela me olha e sorri.

- Daqui um pouco eu volto pra brincadeira Josh.

Vejo ele confirmar com a cabeça e sair do banheiro.

- Do que estão brincando?

- Verdade ou desafio de cartas.

Ela começa a andar e vejo as curvas dela perfeitamente pelo espelho. Ela entra na banheira que estava cheia de sabão e começa a se alisar.

- Esta me provocando de longe é isso mesmo? 

Ela morde os lábios e confirma com a cabeça.

- Esta se tocando?

- Quer ver? - ela sorri maliciosa.

- S/N. - escuto uma menina a chamar. - vou ter que te atrapalhar um pouco. E moço. - ela olha pra mim e sorri maliciosa. - Voce vai ter que assistir. Desculpa mas é o meu desafio.

- Assistir a o que? - me sento na cama.

Alguém tira o celular da mão da S/N.

- Acho que é um desafio pra nos três cara. Bom eu e o Josh pelo menos depois vai poder tocar. - o amigo da s/n que eu faço o favor de esquece o nome toda vez me fala e sorri.

- O que elas vão fazer ?

- Apenas aprecie. - ele vira a cameira.

A S/N estava sentada na borda da piscina e a outra estava tocando ela e as duas estava se beijando.

💭S/N que porra é essa. 💭 meu membro começa a latejar de tanto tesão.

A S/N puxa a perna da menina e elas começam a transar.

- Me bate. - a S/N grita alto e vejo a menina bater na bunda dela.

Nao aguento ficar sem me tocar e começo.

- Chris acho que ja chega. - o cara loiro pega a menina e a S/N choraminga e a menina junto.

- Vocês duas são muito tarada, como pode. - ele vira a cameira pro rosto dele de novo. E entrega pra S/N

- gostou do que viu?  - ela entra na banheira de novo

- Claro. - respiro fundo ainda me tocando.

- Quero ver. - viro a camera e mostro meu membro ereto.

- Estou com saudade. - ela me olha muito maliciosa. - fiquei te devendo uma coisa Yoon.- ela sobe na borda da banheira e me mostra ela se tocando.

- Adoro sexo por telefone. - a outra menina fala e tira o celular da mão dela de novo e a mesma começa a chupar a S/N com muita vontade.

- S/N. - começo a chamar por ela estava quase gozando vendo aquela cena.

A S/N rebolava tanto na língua da menina. A garota para e me olha.

- O gosto dela é sensacional né? - e volta a chupar ela.

- Pensa voce me chupando Yoongi. - ela fala com tesão.

- Nao faz isso comigo S/N.

- Goza pra mim Yoon.

As duas voltam a transar e a menina continua filmando só que mais de perto.

- Imagina você aqui no meio suga. - ela geme e estremece. 

💭Ela ta gozando. 💭

A menina mostra a intimidade da S/N e ela gozando. A mesma chupa a S/N e eu gozo em seguida.

- Chris. - as duas se beijam e a outra sai correndo pro quarto de novo. - vou fechar a porta. Desculpa por isso.

- O álcool esta desaparecendo. - sorrio.

Ela tranca a porta e volta pra banheira.

- Voce tem uma tara grande por essa banheira né?

-Um pouco.- ela sorri. - Voce gozou?

- Bom vou ter que limpar a cama antes de ir pra Barcelona.

Ela da risada e me olha surpresa e feliz.

- Voce vai vir pra ca? 

- Sim, daqui umas 10 ou 12 horas.

- Vou ir te buscar no aeroporto. Espera, voce não parece estar feliz. O que aconteceu?

- S/N, eu vou por causa da Luce.


Notas Finais


Hoje sai mais um CAP. 💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...