História Meu querido "Irmão" - Fanfic Jeon Jungkook - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, EXO, G-Dragon, IKON, ITZY, IU, Tomorrow X Together (TXT), TWICE
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Lee Ji-eun "IU", Personagens Originais, Soobin
Visualizações 36
Palavras 1.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Perdida.


O café da manhã foi inteiramente em silêncio. Mika havia terminado as panquecas e foi arrumar o quarto de meu pai,  e.. Eu já disse que sou curiosa? Eu estava tentando me controlar para não perguntar para esse coração de gelo o que tinha lá no terceiro andar, mas sinceramente, minhas pernas estavam inquietas então eu precisava perguntar. Olhei para Jungkook que estava mandando mensagens para não sei quem.

- Eae Jungkook, suave? -Digo forçando um sorriso e logo sendo ignorada. - Oooh Sr. Gelo. - E finalmente consigo a atenção dele.

Jungkook- Fala.

- Oque tem no terceiro andar?

Jungkook- Não te interessa.

Alguém me segura que eu vou pular no pescoço desse garoto e enforca-lo.

-Fala. - Digo aumentando o tom da minha voz.

Jungkook não fala nada apenas levanta, e eu? Vou continuar perguntando até ele falar.

Depois de míseros 15 minutos:

- Para de ser chato, se você não falar eu descubro. - Digo fazendo bico.

Jungkook - Tente. - Diz ele se jogando no sofá.

-Tá.

Saio correndo pela escada, passo o segundo andar e logo chego no terceiro. Fácil. Mas quando chego na porta tem um cadeado que precisa de senha, uma tranca e um negocio de cartão. Retiro o que eu disse. Nada fácil.

Volto para a sala desanimada e me taco no outro sofá.

- Porque você tem que ser tão chato? - Digo resmungando.

Olho para o mesmo que estava sorrindo com algo no celular e logo tomo o mesmo de sua mão e saio correndo para meu quarto ouvindo seus passos rápidos correndo atrás de mim. Fudeu. Olhei de relance para trás e vi Jungkook furioso. Mais uma vez : Fudeu. 


  Entrei em meu quarto e tranquei a porta rindo, peguei o celular dele e comecei a mexer. Não havia senha, ótimo. Jungkook ficou batendo na porta com uma voz extremamente irritada, e eu estava com medo de abrir a porta e ele voar no meu pescoço.  Mexendo no celular dele havia um grupo em que ele estava conversando quando tomei o celular da mão dele. No grupo ele era engraçado e só havia garotos.

-Nossa, o coração de gelo tem um pouco de humor -Disse irônica e alto para ele escutar e sua voz ficou ainda mais irritada.

Jungkook - S/n, quando eu entrar aí você vai ver.

Tá fiquei com medo, fudeu.  Desligo o celular.

-Só te dou seu celular se me mostrar o que tem lá encima- Digo de braços cruzados olhando para a porta.

Jungkook- Ok, te mostro. - Ouvi sua voz irritada forçando para manter controle para não gritar mais ainda.

Abro a porta escondendo o celular caso ele tente pegar , mas Jungkook apenas revira os olhos e sai andando. Fico parada sem saber o que fazer por que sou lerda,é isto. Mas Jungkook para próximo a escada.

Jungkook- Não vai vir irritante?

Dou um sorriso vitorioso indo logo atrás dele. Quando chegamos no terceiro andar ele apenas destranca tudo, e eu crio várias paranóias mas quando ele abre a porta todas elas somem.  É apenas um lugar de lazer, tem várias TVs, e tem tudo que uma pessoa iria querer. E eu achando que ia ser uma sala de sadomasoquismo igual nas fanfics, decepcionei. Olho para o Jungkook decepcionada mas ao mesmo tempo chocada. Eles eram podres de ricos, disso eu já tinha certeza. Logo depois Jungkook me puxa e tranca a porta, descemos novamente e ele pega o celular dele que eu havia guardado na minha caixinha de metal bufando de raiva, esse aí não tem humor mesmo hein.

○°•°•°•QDT•°•°•°○

-Tédio. - Digo levantando de minha cama indo até a janela.

Hoje tudo lá fora está lindo, seria uma boa sair e não ficar querendo matar o Jungkook que estava em seu quarto com uma música tocando alto para um caralho. Vou até meu closet pego um vestido comprido vermelho com algumas rosas estampadas, prendo meu cabelo em um rabo de cavalo deixando a franja solta, e visto uma gargantilha de coração, e calço uma sapatilha preta. Saio em passos apressados para me distânciar daquela música alta que já estava dando dor de cabeça mas quando chego perto do quarto de Jungkook o mesmo abre a porta e me olha dos pés a cabeça.

- Que foi? Eu sei que sou linda querido, e sei que você também está pensando isso e concordo plenamente. - Digo alto por causa da musica e logo em seguida mandando um beijo.

Jungkook- Para onde está indo? - Diz ele não dando a mínima para o que falei a 2 segundos atrás e pausando a música pelo celular.

- Conhecer a cidade, e talvez tomar um sorvete.

Jungkook-  Ótimo, se você se perder não me ligue.- Diz ele dando um sorriso de canto.

- Nem tenho seu número.- Digo fazendo bico.

Jungkook- Melhor ainda. - Disse ele entrando em seu quarto e logo ligando a música novamente.

Ok, já me acostumei com o Sr. Gelo sendo um gelo, aliás é o Sr. Gelo. Saio andando normalmente,desço as escadas e após sair para fora vejo Mika varrendo a frente da garagem, ela apenas acena para mim e retribuo acenando e sorrindo também.

○•°•°•°○QDT○°•°•°•○

Já fazem 5 minutos que sai daquela casa e me arrependi. Eu me perdi,fudeu. Ando em meio a um monte de gente e esbarro em uma garota de olhos castanhos, cabelos longos escuro uma pele branca, tão pálida, em uma calça jeans e uma blusa preta com uma estampa escrita "Lover". A garota me pede desculpas e me ajuda a levantar do chão que eu havia caído, ela é simpática, pedi para ela me ajudar a chegar em casa. Seu nome era Lee Ji Eun ela já conhecia a casa onde Jungkook mora e eu tambem agora por que Mika era sua tia e ela já havia ido lá várias vezes e seu apelido era IU,ela me pediu para que eu a chama-se assim dizendo que era mais confortável, te entendo querida. Conversamos o caminho todo, ela me contou sobre Seul ser movimentado todos os dias e contou sobre um monte de coisas.


Continua..



Notas Finais


Me perdoem a demora, minhas férias ainda não chegaram. Triste.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...