História Meu Querido (John) Jeon Jungkook - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 102
Palavras 1.177
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, LGBT, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Pansexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Minha gente, eu odeio meu computador 😀

Capítulo 9 - Sorvete do amor


Uma das coisas que eu sou, além de desastrada e escandalosa, é lerda. Eu realmente era lerda para algumas coisas — a maioria das coisas, na verdade — e se ninguém me explicar exatamente o que está acontecendo, eu fico viajando, fingindo que estou entendendo tudo. Isso sempre acontece nas aulas de matemática, por exemplo.

Acontece que a minha lerdeza chega a níveis que eu mesma não consigo acreditar. 

Aí você me pergunta, por que você está falando sobre isso?

Vou explicar o que aconteceu. Depois que Jungkook concordou em nos ajudar e se sentou conosco, Hoseok começou a agir muito estranho. Tipo, muito estranho. Ele se sentou bem mais próximo de mim, quase completamente grudado e ficou fazendo carinho na minha mão. 

Ok, isso não é a parte estranha.

A parte estranha é que ele começou a sussurrar no meu ouvido e exagerar nos toques, o que me deixou um pouco desconfortável. Não por ele estar fazendo isso, mas pelos olhares de Jungkook e Jimin sobre nós. 

— Hobi, eu não sei o que você está fazendo, mas é melhor parar— sussurrei, deixando meu caderno de lado.

— Ah, Soo Ah... É tão divertido!— ele sussurrou de volta, sorrindo.— E pelo jeito você ainda nem entendeu o porquê disso tudo.

— Realmente não entendi, mas não quero entender— eu estava começando a ficar realmente incomodada.— Só para, ok?

— Ok.

Ele deu um beijo na minha bochecha e voltou a fazer a parte dele na pesquisa, me deixando aliviada. Enquanto isso, eu evitava qualquer tipo de contato visual com Jungkook porque já estava difícil controlar meu fogo sem olhar para ele, imagine encarando aquele rosto feito à mão por Deus que eu não seria capaz nem de tocar?

Estávamos em silêncio e parece que eu não era a única incomodada com isso.

— Que tal a gente parar um pouco? Já temos bastante e minha cabeça está começando a doer— Jimin sugeriu, fechando o livro que segurava.— Podemos assistir um filme!

— Acho que Yoongi não vai participar... — Hobi disse, segurando o riso.

Realmente. O garoto estava com a cabeça encostada no sofá, os olhos fechados e o peito subindo e descendo lentamente. Ele estava dormindo! 

Acabamos rindo e Jimin se aproximou do namorado, distribuindo beijos no rosto do mesmo até ele abrir os olhinhos, ainda sonolento. Suga soltou um resmungo e afastou o loiro, se sentando ereto novamente. Os dois eram um casal tão fofo que eu podia morrer com aquela cena. Jimin segurou o rosto do esverdeado e deu um selinho, mas recebeu um xingamento em retribuição.

— O que foi, demônio?— ele perguntou, esfregando os olhos.

— Vamos assistir um filme porque estamos quase acabando o trabalho — o loiro disse, guardando alguns dos cadernos e o notebook. — Que filmes vocês preferem?

— Terror — Suga disse, se sentando no sofá.

— Ação — Hoseok disse, mexendo numa pulseira que ele usava.

Nem eu nem ele gostávamos de filmes de terror. Como alguém consegue assistir essas coisas? São vários demônios que matam todo mundo no filme e, geralmente, quase ninguém sobrevive. Eu não gosto de ter pesadelos! Eu sou uma garota normal que prefere ter sonhos com o Jungkook na minha cama do que sonhar com demônios me perseguindo e arrancando minhas tripas como se não fossem nada!

— Que tal uma comédia? — Jungkook sugeriu, após um longo silêncio.

— Eu gosto. E você, Suga? — Jimin perguntou, cutucando o namorado.

— Tanto faz.

— Nós gostamos — respondi, abrindo um sorrindo.

Olhei para Jungkook e quis dar um grande abraço nele. Eu e Hobi não admitíamos que temos medo de assistir esse tipo de filme porque todos acabavam rindo de nós, então se Jungkook não tivesse sugerido comédia, eu teria pesadelos por semanas.

Enquanto arrumávamos a pequena mesa, acabei esbarrando na mão do Jungkook, mas eu fingi que nada aconteceu e entreguei minha parte da pesquisa para o loiro.

Por dentro, eu estava gritando e fazendo uma dancinha esquisita. Deus, a pele dele é tão gostosinha!

Preciso me controlar.

Após arrumarmos tudo, o mais baixo escolheu um filme e foi até a cozinha, onde pegou algumas guloseimas e refrigerante para todos nós.

Como o sofá não tinha lugar para todos, decidi ficar no chão e quando fui chamar o Hobi, ele se sentou no estofado, ao lado de Jimin e Yoongi.

Jungkook se sentou ao meu lado, o que me deixou muito nervosa.

Como se fosse automatico, minhas bochechas esquentaram e senti meu coração acelerar. E isso não era um bom sinal.

Jungkook, seu puto gostoso!

— Eu também odeio filmes de terror — ele sussurrou assim que o filme começou.

O olhei e pisquei. Ele estava falando isso por falar ou ele estava... Tentando puxar assunto comigo?

— Sério? Pensei que você fosse mais corajoso — também sussurrei.

— Não, eu odeio filmes de terror.

Sorri e peguei um pouco do salgado que Jimin trouxe. Comecei a pensar que talvez eu não tivesse uma chance com Jungkook do que jeito que eu pensava, mas, talvez, eu poderia ser amiga dele. Isso seria uma forma de tê-lo por perto e eu poderia admirar aquelas coxas definidas e sua boca rosada mais vezes.

— Você não trabalhou ontem — ele sussurrou, mastigando um salgadinho.

Ele notou que eu não trabalhei? Sério?

— Você... Notou?

— É meio impossível não notar que você não foi — o moreno sussurrou, ainda olhando para a tela. — Especialmente quando eu procuro por você toda vez que entro na biblioteca.

Acho que eu parei de respirar em alguma parte da conversa e o que eu estava comendo ficou preso em algum lugar da minha garganta. Tossi algumas vezes para retirar o que quer que tenha ficado na minha garganta.

— Você está bem, Soo Ah? — Jungkook perguntou. Eu não vou ficar bem enquanto você continuar tão perto de mim!

Não consegui falar, então apenas assenti e voltei minha atenção para a televisão que agora conseguia ser muito interessante. Se os outros três notaram algo, ignoraram e continuaram assistindo o filme. Hoseok e Jimin pareciam bons amigos, pois riam da mesma coisa e comentavam algo sobre a cena, um sempre concordava com o outro.

Yoongi estava quase dormindo no colo do namorado, mas às vezes sorria em alguma cena do filme e voltava ao seu estado semi-acordado.

Apertei meus lábios quando senti que Jungkook estava mais próximo de mim.

Sim, eu estava mais do que feliz por ele estar tão próximo. Eu queria era sentar no colo dele e beijar aquela boca até o mundo acabar, mas eu era uma pessoa totalmente pessimista.

Por que alguém como Jungkook gostaria como eu?

— Seria estranho dizer que eu quero te ver de novo? — ele perguntou, de repente.

Depois dessa, não tenho certeza que consigo me recuperar.

— Você pode me ver na biblioteca — eu respondi, insegura.

— Ah, claro... Então você trabalha segunda?

— Provavelmente.

— O que você faz depois do trabalho?

— Vou para casa e durmo.

— O que você acha de tomar um sorvete comigo? — ele perguntou, sorrindo.

Espera.

PORRA.

JEON JUNGKOOK ME CHAMOU PARA TOMAR SORVETE COM ELE.

CLARO QUE EU ACEITO, SEU GOSTOSO! ACEITO QUALQUER COISA QUE VOCÊ QUEIRA, SE FOREM BEIJOS, ACEITO AINDA MAIS.

— Eu adoraria — murmurei e não evitei um sorriso.


Notas Finais


Gente, esse capítulo ficou meio merda, me desculpe
Juro que vou melhorar no próximo ❤
Amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...