1. Spirit Fanfics >
  2. Meu Querido Marido >
  3. Segura que eu mato

História Meu Querido Marido - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


:)))

Capítulo 10 - Segura que eu mato


_ Aí amiga, decepcionante. Só lamento. - Krys fala sentando também. - Conversa com ele. 

_ Aí claro. - Levanto a cabeça. - Oi amor, você é broxa?! Ele vai é me fuzilar. - Coloco novamente a cabeça sobre a mesa. 

_ Não assim né louca, bebi um pouco com ele, e vai deixando as coisas rolar. 

_ Sem bebidas, a desculpa dele para não ter rolado nada ontem à noite, foi isso. 

_ Como assim?! 

Levanto a cabeça antes de começar a responder. 

_ Falou que não vai ficar comigo se eu estiver bebido. Eu falei que ele me abusou. Ficou chateado, até aumentou o tom da voz. - Ouvimos risadas vindo da sala. Abaixo a cabeça novamente. - Affs., ainda tem isso. 

_ Melhor você ir, a Summer está empenhada em conquistar o Jungkook. 

_ Tenho raiva, na frente do Namjoon não posso ser grossa com ela. 

_ Mas, tem outras formas de você provocar ela, sem falar com ela. 

_ Como? - Levanto a cabeça novamente já com um sorriso largo. 

_ Chega perto do Jungkook, abraça e beija ele, chama ele de meu amor. Mostra que você é a dona daquele pedaço. 

_ E que pedaço, santa Mãe Noel. Pena que é broxa. 

_ Você não sabe criatura, levanta logo e vai para lá, que estou terminando aqui e vou também. 

Me levanto. 

_ Não demora, vou jogar meu charme. - Saio da cozinha com uma jogada de cabelo. 

Chegando na sala vejo Namjoon um pouco afastado da Summer e do Jungkook, entretanto, Summer já estava quase no colo do Jungkook. 

_ Amor?! - Todos me olham surpresos. - Sabe que sou ciumenta não é. 

Jungkook se levanta e anda na minha direção, tentando disfarçar um sorriso. 

_ Realmente. - Me abraça e com uma mão na minha nuca, me dá um leve beijo. - Prometo não sair mais de perto de você. 

Sentamos afastado da Summer, um pouco mais perto do Namjoon. A cara da Summer de raiva ficou nítido. 

_ Supera Summer, com esse daí você não tem chance. - Namjoon fala, pois ele está consciente dos planos da Summer. 

_ Eu?! Não meu amor, não quero nada com Jungkook, apenas conhecer ele melhor. Acho que vou na cozinha. Ajudar um pouco a Krys. - Summer fala já se levantando, com a cabeça erguida, dessa vez, ela não falou com aquele sorriso falso. 

Falo baixinho, apenas para o Jungkook ouvir. 

_ Pobre Krys. 

Jungkook começa a rir, disfarçando para que Namjoon não perceba. 

_ Acho melhor ir para a cozinha também, deixar os homens mais à vontade. - Falo e dou um selinho em Jungkook, e me levanto. - Aproveitem para vocês se entender sobre os negócios, amanhã as lojas já vão abrir novamente. Ótimo dia para começar um negócio novo. - Saio para a cozinha. 

Chego na cozinha, Summer e Krys estão sentadas, apenas uma olhando para a outra. 

_ Oi, o ar está denso, consigo sentir a vontade de cada uma de matar a outra. - Falo fingindo que estou apalpando alguma coisa no ar. 

_ Seu nível de infantilidade se supera cada dia. - Summer fala virando os olhos. 

_ Tu segura. - Aponto para a Krys. - Eu mato, tu cavas e eu enterro. - Krys ri alto. 

Summer me olha com medo. 

_ Acho que a primeira que vai morrer é você Woojuy, do coração, quando ver que Jungkook, vai me escolher. 

_ Iludida, você falou isso sobre o Namjoon, e ele está comigo. - Krys fala arqueando uma sobrancelha e sorrindo. 

_ Só que dessa vez, tem uma coisa que a bebezinha não sabe. Uma coisa que Jungkook fez, que provavelmente, vai fazer você brigar sério com ele, e adivinha quem vai consolar ele, I’m. - A forma dela falar sorrindo me deixava com os nervos à flor da pele. 

_ Não quero saber o que é, e provavelmente, eu vou acabar concordando com ele. Porque eu sou a mulher dele. Quer que eu soletre, desenhe ou borde? 

_ Summer, talvez o que Jungkook tenha feito, foi algo que possa deixar a Woojuy zangada, mais provavelmente, ela vai reagir de boa, apenas para estragar seus planos. 

_ Com certeza. - Levantado a mão para a Krys dá um toque de amigas. 

Summer se levanta e fica bem na frente. 

_ Eu pago para ver. Jungkook não pediu para o Seokjin vim, ele pediu foi para ele não vim nem tão cedo, para que você possa continuar mais tempo casada. Assim não vai poder acontecer uma anulação, e o divórcio meu amor, vai demorar mais ainda, um escândalo para você e sua família, a filha que casou bêbada e se divorciou poucos meses depois. Um casamento relâmpago, vai ser uma verdadeira celebridade. - Ela para de falar, encruza os braços e fica parada me olhando. 

_ É sério? É isso? Apenas isso? - Olho para a Krys. - Jurava que seria algo tipo, OMG, acho que falta alguma parte, vou esperar. - Olho bem séria para a Summer. - Perdoe-me continue. 

Summer já estava vermelha de raiva, ela respira fundo e sai. 

Krys e eu começamos a rir. 

_ Você realmente não está com raiva? 

_ Não. Eu não sei. É confuso. 

_ Woojuy, não briga com ele, não dá esse gostinho para a Summer. 

_ Acho que no fundo, nem eu não queria que Seokjin viesse logo. O que Jungkook falou pros meus pais é certo, precisamos de mais tempo para se entender. Mas... 

_ Mas nada, vocês têm que se entender.  

_ Concordo, só que agora, eu quero que Seokjin venha, o mais rápido possível. 

_ Então, você está chateada?! 

_ Não, mas, agora eu estou bem mais preocupada. 

_ Mais porquê? Se isso não está te deixando com raiva, qual o problema então? 

_ Estamos falando da Summer, ela jamais jogaria na minha cara, o único trunfo que ela tem. 

_ Como assim? 

_ Aqui, agora, qualquer coisa que ela falasse, eu ia acabar perdoando o Jungkook, por raiva dela, se falasse, seria como uma última tacada, e mais, hoje mais cedo eu vi tipo uma discussão dos dois na cafeteria, ele apontou o dedo pra ela, não pode ter sido apenas isso. Summer não é boba. Tem mais coisa, e o Seokjin sabe. 


Notas Finais


:)))


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...