História Meu querido professor - NamJin - HOT - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bts, Meu Querido Professor, Namjin
Visualizações 83
Palavras 2.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, tudo bem? Espero que sim.

Gente, estou com problemas, psicológicos, pessoais, e tals. Então, por conta disso, eu estou com um pouco de dificuldade para pensar, escrever, e essas coisas.
Eu não estou com vontade de parar a fic, mas também não estou gostando do andamento dela, eu já não sou muito boa para escrever, com esses problemas então, fiquei pior ainda.
Então... eu irei demorar um pouco para postar os próximos capítulos, para eles ficarem melhores e maiores, eu espero que entendam. 🙏💕

EU AMO VOCÊS E BOA LEITURA 💖

Capítulo 16 - Confusão!


      {LEIAM AS NOTAS DO AUTOR, É MUITO IMPORTANTE}


              P.O.V  JUNGKOOK  ON 

A aula tava se passando e eu não conseguia me concentrar, minha atenção sempre parava nela, branquinha, olhos escuros, meio baixinha, cabelo curto, castanho e cacheado, lábios carnudos, a coisa mais linda de se ver.

Fiquei olhando pra ela todo o tempo possível, ela fica muito linda concentrada e parece ser bem inteligente. 

O sinal do intervalo bateu e eu nem ao menos parei de olhar pra ela, as pessoas foram saindo e eu lá, igual retardado, quase babando olhando pra ela, até que derrepente ela olhou pra mim, me fazendo sair do trase e arregalar levemente os olhos, ela riu e virou novamente, se levantando e saindo da sala. 

Fiquei em "choque", ai tu pergunta "Porque?", e eu respondo: PUTA QUE PARIU, QUE SORRISO LINDO DA PORRA. 

Mano, o sorriso dela é maravilhoso, eu acho que se alguém olhar pra mim, deve estar escrito na minha testa: QUERO ESSA BIA PRA MIM.

Eu falei para os meninos que iria ficar na sala hoje, não estáva com cabeça pra ficar com aquele bando de maluco, então preferi ficar na sala ouvindo música. 

O recreio ja estava no final, então dei um pause na minha música e peguei meu caderno para ver se eu conseguia termina algum exercício "antigo", pois eu me esqueço rápido dessas coisas.

Fui tentar me concentrar quando comecei a ouvir uma gritaria vindo do lado de fora da sala. E como eu nem sou curioso, me levantei rápido e corri para fora da sala, vendo um bando de gente no corredor. 

Fui andando até o pessoal e ouvi vozes um pouco conhecidas, eram das novatas, mas não sabia se a Bia também estava no meio, pois ela não falou na frente da sala, então eu não conheço sua voz AINDA. Quando estava chegando perto, vi a Bia encostada em um dos armários com a maior cara de tédio, aproveitei e fui falar com ela.

-- O que esta acontecendo aqui? -- perguntei quando parei ao lado dela, ela me olhou estranho, mas logo tava com a cara de tédio novamente. 

Bia -- Ah, é que minhas primas tão arrumando confusão, pra variar -- falou revirando os olhos, e pra ressaltar, a voz dela é MARAVILHOSA. 

-- Porque exatamente? -- falei levantando o pé e tentando olhar com quem elas estavam brigando.

Bia -- É que uma menina chegou na gente falando que achava elas metidas e que me achava estranha, e olha que nós começamos a estudar aqui hoje -- riu de lado.

-- Você sabe o nome da garota? Deve ser uma das patricinhas da escola, onde já se viu? Te chamar de estranha?! -- faeli incrédulo. 

Bia -- Qual é seu nome mesmo? 

-- Ah, esqueci de me apresentar, meu nome é Jeon Jungkook, mas pode me chamar só de Jungkook -- falei sorrindo fofo.

Bia -- Prefiro te chamar de Jeon, ou só de Kookie, pode ser? -- peguntou e eu só assenti com um sorrisinho de lado -- então Jeon, eu não me importo muito com a opinião dos outros não, entende? A não ser de um pessoa próxima a mim, ou se alguém fazer um comentário que me machuque bastante, mas fora isso, eu só taco o foda-se.

-- Ah entendi, mas pelo jeito suas primas são BEM diferente de você né -- falei rindo. 

Bia -- É... elas não levam desaforo pra casa, e pra falar a verdade, eu meio que sinto orgulho delas por isso.

-- Ah, que fofa -- falei rindo fraco, e ela abaixou a cabeça envergonhada. 

Ficamos lá um tempinho ouvindo a discussão, porque tinha tanta gente que nem dava pra ver elas kkk. Até que um menino gritou: "O diretor ta vindo", e todo mundo começou a correr, quando quase todo mundo saiu, vi que quem estava metida na confusão era a So-Min, a que mais se acha da Universidade, mas não é bosta nenhuma. Ela bem ia sair na direção contrária com a que o diretor vinha. 

Camila -- Tu volta aqui, sua puta mal amada -- puxou a So-Min pelo cabelo, a fazendo voltar para trás. 

Kelly -- Isso ae, vamos resolver esse rolo logo -- puxou o braço da So-Min e a deixou frente a frente com o diretor, já que o mesmo já estava perto delas.

Diretor -- O que está acontecendo aqui? -- perguntou sério, com a voz grossa.

Kelly -- Assim né diretor, tudo bem que nós somos novas na escola e ninguém conhece a gente, mas nós não somos obrigadas a ficar ouvindo ofensas caladas -- falou já se exaltando e levantando a voz.

Diretor -- Srt. Kelly, abaixa o tom de voz, se acalme -- falou tentando se acalmar -- Vocês três vem comigo pra minha sala -- falou se referindo a Kelly, Camila e So-Min -- Vocês dois estão no meio disso? -- apontou para mim e pra Bia.

Camila -- Não diretor, nem sei o porque que eles ainda estão aqui -- olhou para nós com um olhar repreendedor, Bia me puxou pelo braço pelo corredor em direção a sala.

-- Bia, calma -- falei quase caindo, pois ela me puxou muito forte e tava correndo muito rápido.

Bia -- É que nós temos que ir pra aula, já deve ter começado a um tempo -- ela se encostou na parede, e tentou normalizar a respiração. 

-- Tu quer mesmo ir pra aula? Porque eu não to mutio afim -- falei com um sorriso cúmplice no rosto. 

Bia -- Sério isso? Minhas primas então na diretoria, eu estou no meu PRIMEIRO dia de aula e você ainda me chama pra cabular aula? Meu deus Jeon Jungkook, eu esperava mais de você -- falou brincando, e nós dois rimos.

-- Para Beatriz, vamo pra sala então? -- me desencostei da parede e a puxei pelo braço, fazendo-a andar do meu lado.

Fomos andando até chegar na porta da sala, nós conversamos pouco, até porque não estavamos muito longe da sala, mas já deu pra perceber que a Bia é uma garota incrível, espero muito poder conhece-la melhor. 

Quando entramos na sala, o professor deu uma pequena bronca na gente, mas eu inventei uma mentira e ele relevou, então nós fomos nós sentar nos nossos lugares e assim a aula foi rolando -- cheia de troca de olhares, eu to adorando isso!

            P.O.V  CAMILA  ON 

Olá meu povo, meu nome é Camila -- como vocês já sabem --, sou intercâmbista, mas não por agência, e sim pelo meu dinheiro, assim como minhas primas. Eu sou morena, cabelo castanho claro cacheado, que bate mais o menos na cintura, tenho 1,68 de altura -- é, sou bem alta --, sou magrela -- não mais que a maioria das coreanas -- eu não diria que sou barraqueira, sou apenas justa e sou uma pessoa decidida, o que eu quero, eu faço de tudo para conseguir, não é atoa que sou brasileira kkk.

A Kelly é bem linda, um pouco mais escura que eu, tem cabelo cacheado também, mas o dela é preto e vai até um pouco abaixo do ombro, tem mais o menos 1,64 de altura, tem um corpão e na questão de personalidade, ela é praticamente a mesma coisa que eu. 

A Bia é maravilhosa, é a mais velha de nós três -- eu sou a mais nova --, é branquinha e tem cabelo castanho e cacheado, um pouco mais curto que o da Kelly, deve ter 1,66 de altura, é gostosa pra caralho -- não é atoa que é minha prima kkk --, e é a mais responsável, não se altera fácil -- diferente de eu e a Kelly --, por isso eu e Kelly sempre tentamos ir pela cabeça dela -- o que não dá muito certo, mas okay.

E agora eu estou aqui, sentada em uma sala totalmente fechada, de um lado minha querida prima, do outro a puta mal amada, e de frente um velho chato, mais conhecido como diretor da Universidade. 

Diretor -- Quem vai começar me explicando? - todo mundo ficou calado - Andem, Su-Min, Camila e Kelly, quero uma explicação - falou sério.  

Eu ia começar a falar, até que a voz daquela piranha -- que eu descobri agora que chama Su-Min -- se fez presente.

Su-Min -- Eu não fiz nada diretor, foram essa meninas que já chegaram se achando a dona do mundo e me xingaram, quase me agrediram aliás -- falou na maior cara de pau.

-- Ah garota, deixa de ser falsa, você que chegou na gente se achando e falando que nós somos metidas, e ainda quer que a gente fique quieta, eu não sou abrigada não diretor. 

Kelly -- Se tivesse sido só isso, eu e Camila teriamos cagado pra ela diretor, mas não, essa piranha teve a coragem de chamar nossa prima de estranha, estranha vai ficar a cara dela depois que eu meter a porrada.

Diretor -- Srt. Kelly, manere nós palavrões -- falou sério olhando para minha prima, mas logo seu olha foi pra pu... ops, Su-Min -- E você, te conheço muito bem, sempre arranjando confusão -- balançou a cabeça em negação, mas logo voltou a sua postura correta -- Vocês três irão levar um suspensão, e irão voltar só semana que vem.

Eu olhei para a Kelly, que estava com a mesma cara que eu: tédio. 

-- Beleza -- falei calma.

Su-Min -- Não diretor, eu não fiz nada demais, só dei minha opinião, aff, meu pai vai me matar.

Kelly -- Bem que ele podia mesmo né? Não iria fazer nenhuma falta -- falou para Su-Min, que virou os olhos.

-- Podemos ir diretor? Eu e a Kelly temos que ir embora agora ou só no fim da aula?

Diretor -- Podem ir agora, já que vocês moram sozinhas e são independentes -- falou, me fazendo agradecer a Deus por dentro -- Já você Su-Min, irei ligar para sua casa, já tem um tempo que quero falar con algum dos seus responsáveis -- falou pegando o telefone fixo ao seu lado direito -- Srt's. Camila e Kelly, podem sair, passem na sala de vocês, peguem os materiais e passem aqui na minha sala para poderem pegar a autorização para sairem antes do horário. 

Nós duas só concordamos e saimos, fomos para a sala conversando sobre a puta mal amada lá.

-- Licença professor, viemos pegar nossas coisas -- entrei na sala falando con o professor que eu nem sei o nome ainda, tendo a Kelly atrás de mim.

Professor -- Fiquem a vontade -- falou sentado em sua messa.

Nós estramos e começamos a quardar nossos materiais, quando eu acabei, fui andando até a Bia, que me olhou com um olhar curioso. 

-- Nós vamos embora, quando você chegar em casa nós te explicamos o que aconteceu -- sussurrei só para ela ouvir, mesma a sentiu.

Kelly -- Tchau professor - ela falou, nós nos curvamos e saímos. 

Passamos na sala do diretor, pegamos a autorização e logo já estávamos fora da escola.

               P.O.V  BIA  ON  

E pra variar, Kelly e Camila aprontando mais uma vez, mas mano, PRECISAVA SER NO PRIMEIRO DIA DE AULA? CARALHO.

Eu não sei no que deu, só sei que elas foram embora e eu to fudida, pois nós nos mudamos a pouco tempo e eu não sei como chegar em casa direito, mas okay.

As ultimas aulas se passaram normal, tirando o Jungkook, que ficava me olhando e eu não vou mentir, to gostando. Tudod bem que nós nos conhecemos hoje, mas nada nos impede de nos tornarmos amigos, não é mesmo?!

Estava acabando de guardar meu material, até olha para o lado e perceber que a sala estava praticamente vazia, a não ser por eu e pelo Jeon, que também estava guardando seu material. Coloquei minha mochila nas costas e já ia saindo, até ouvi passos e uma pessoa me chamando.

Jungkook -- Bia! Espera! -- veio correndo em minha direção. 

-- O que você quer Kookie? -- parei em frente a ele.

Jungkook -- Você vai embora sozinha? Pois pelo que vi, as suas primas foram embora -- perguntou enquanto andavamos em direção a saída. 

-- Vai ser o jeito né, e ainda mais, eu nem sei direito onde eu moro, já que mudei tem pouco tempo -- falei com a mão na testa -- Então... já vou indo Kookie-ah, até amanhã -- acenei para ele e me virei. 

Dei um passo e senti uma mão em meu ombro, fazendo-me virar novamente. 

Jungkook -- É... Bia... você... quer que eu te leve?


  {LEIAM AS NOTAS DO AUTOR, É MUITO IMPORTANTE} 


Notas Finais


O que acharam do cap? Pequeno né? Me desculpem, leiam as notas do autor que vão entender.

ESPERO QUE TENHAM GOSTADO, ATÉ O PRÓXIMO CAPÍTULO E EU AMO VOCÊS 💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...