1. Spirit Fanfics >
  2. Meu Querido Serial Killer (Imagine Félix) >
  3. Third Chapter

História Meu Querido Serial Killer (Imagine Félix) - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Olá amores ❤️❤️❤️❤️
Como falei hoje iria sair dois capítulos né 😂❤️
Bom, no fim sempre a mocinha perdoa KKKKKKKKK
Obrigada pelos favoritos, são poucos ainda mas nós vamos conquistando mais aos poucos
Amos vcs ❤️❤️❤️❤️❤️
Desculpem os erros ortográficos
Boa leitura ❤️❤️❤️❤️❤️❤️

Capítulo 3 - Third Chapter


Fanfic / Fanfiction Meu Querido Serial Killer (Imagine Félix) - Capítulo 3 - Third Chapter

~21:27 p.m~

Félix: Não demorou muito pra você descobrir...

Olho pra porta e vejo Félix ali

S/N: Lee Félix que porra é essa?

Digo tentando secar as lágrimas, mas não funcionou, eu não conseguia parar de chorar

Félix: Eu acho que não preciso explicar...você já está vendo

S/N: Meu Deus....eu sou casada com o maior filho da puta que já vi nos meus 5 anos de carreira

Félix: S/N por favor vamos conversar

S/N: Vamos conversar o cacete Félix!! Você quer mesmo que eu me sente no sofá e tome uma xícara de café com um Serial Killer? Que pode apontar uma arma pra minha cabeça a qualquer momento?

Félix: Eu nunca faria isso...

S/N: E COMO QUER QUE EU CONFIE EM VOCÊ? VOCÊ É UM LIXO, UM LIXO QUALQUER QUE TÁ SENDO PROCURADO NO PAÍS INTEIRO PORRA

Félix: S/N por favor não grita...

Ele diz chegando mais perto

S/N: Não chega perto de mim Félix, você é um covarde que mata mulheres sem elas terem feito nada pra você e depois some com o corpo delas

Félix: Mas por favor, me deixa te esclarecer as coisas

S/N: Eu vou ser a próxima vítima?

Digo enquanto me aproximava dele

S/N: Vai me matar e sumir com o meu corpo pra mim não contar nada pra ninguém?

Félix: Eu nunca faria isso com o amor da minha vida

Dou um tapa em seu rosto fazendo ele colocar a mão na onde eu tinha batido

S/N: Se você for homem de verdade vai ter coragem de repetir isso

Félix: Eu nunca machucaria o amor da minha vida

Dou outro tapa em seu rosto fazendo ele fechar os olhos

Pego uma arma que estava ali perto e aponto pra ele falando

S/N: Vai pra sala agora

Félix: Abaixa essa ar...

S/N: VAI PRA SALA AGORA E ERGUE AS MÃOS

Ele ergue os braços e vira de costas

Coloco a arma em sua costa e falo

S/N: Anda

O mesmo começa a caminhar e nós fomos pra sala

Ele senta no sofá e eu ainda apontando a arma pra ele vou até a gaveta e pego uma fita

Prendo as mãos e os pés dele

Deixo a arma na mesa e falo

S/N: Desde quando faz isso?

Ele permanece em silêncio e abaixa o olhar

Pego a arma de novo e aponto pra ele

S/N: Desde quando faz essa covardia?

Félix: Sempre foi um hobbie

S/N: Como pode chamar um crime de hoobie seu doente mental?

Félix: Eu já te expliquei, pode me soltar?

S/N: Ainda não terminei o assunto

Vejo se arma estava carregada e continuo com ela apontada pra Félix

S/N: O que faz com o corpo das mulheres que mata?

Félix: Não sou eu que sumo com os corpos

S/N: Então quer dizer que não trabalha sozinho?

Félix: Não...

S/N: E com quen trabalha?

Félix: Não vou dedurar eles, se quiser atire em mim agora

Continuo mirando nele mas não consigo atirar

Largo a arma e me levanto da cadeira

Coloco a mão no cabelo e solto um longo suspiro

Vou até Félix pegando a arma novamente assim que ele levanta

S/N: Eu mandei você levantar?

Félix: Se você realmente tiver coragem você vai atirar em mim

Ele chega mais perto me fazendo colocar a arma em seu peito

Apenas o encaro tentando achar coragem para puxae aquele gatilho

S/N: Seu merda...

Falo isso soltando a arma

Mesmo com as mãos presas Félix segura meu rosto e fala

Félix: Eu juro que posso te explicar tudo isso, mas primeiro você me solta

Puxo seu braço chegando mais perto de seu rosto e falo

S/N: Só se eu trocar a fita pela algema 

Félix: Me desculpe por isso meu amor...

S/N off

Félix on

Digo isso soltando seu rosto e em um movimento rápido viro ela de costa e seguro seu pescoço a enforcando

Ela se debateu muito até parar e eu perceber que ela estava desacordada

Suspiro profundamente e sento no chão com ela nos braços

Solto a fita da minha mão com os dentes e em seguida solto também a fita dos meus pés

Pego S/N no colo e vou pra dispensa

Pego uma corda e amarro suas mãos em seguida pendurando a corda e um prego na parede que estava lá fazia tempo

Volto pra sala e pego a arma colocando ela no bolso

Me sento no chão da dispensa vendo minha esposa ali

Me doía vê-la assim mas ela precisa me escutar

Seu celular toca e eu o tiro do bolso da calça dela vendo que era Jungkook

Desligo a tela e deixo tocar

Quebra de Tempo

Depois de um tempo sentado no chão S/N finalmente acorda 

Me levanto e a mesma diz

S/N: Vai mesmo me deixar amarrada desse jeito?

Félix: Você precisa me escutar

S/N: EU NÃO QUERO OUVIR NADA DE VOCÊ SEU LIXO

Félix: S/N tenha paciência por favor, eu tô com a sua arma, se você fizer gracinha eu não vou ter dó de atirar

Vejo ela parar de se debater

S/N: Você não teria coragem

Félix: Se eu não tivesse coragem eu não mataria tanta gente

Ela finalmente fica quieta e eu vejo que ela raciocinou um pouco e viu que eu não estava de brincadeira

Eu nunca atiraria na minha esposa, mas tinha que por medo nela pra assim ela me escutar 

Félix: Vai me escutar agora?

Ela não diz nada, apenas me encara

Félix: Sim meu amor, você realmente é casada com um assasino, desde pequeno eu sempre gostei de armas, eu fundei a empresa pra você não pensar que eu era um qualquer, apesar de você ser policial e me procurar eu juro que sempre te amei e nunca tocaria em você sem você deixar ou querer, eu juro, como eu já te disse eu não trabalho sozinho mas não vou dedurar com quem trabalho, eu te peço que me perdoe por mentir pra você

Digo isso vendo os olhos dela marejarem 

S/N: Como você quer que eu te perdoe Félix? Você mentiu pra mim durante 3 anos, como quer que eu confie de novo em você?

Félix: Eu juro que daqui pra frente nunca mais vou mentir pra você, mas pra isso dar certo você vai ter que sair da polícia

S/N: O que?!

Félix: Se você me perdoar vai ter que sair da polícia

Falo isso me aproximando dela segurando sua cintura 

S/N: Eu nunca disse que te perdoaria 

Não respondo nada apenas beijo ela

Logicamente no início ela não retribuiu mas depois cedeu ao beijo 

Nos separamos quando o ar fez falta e ela fala

S/N: Poderia me soltar por favor? Prometo que não vou te bater

Penso na idéia por alguns minutos e falo

Félix: Se tentar me bater lembra que eu tô com a arma

S/N: Juro que não vou te bater 

A encaro por alguns segundos e solto a corda de onde ela estava presa fazendo S/N relaxar os músculos do braço

Solto seus pulsos e pra minhas surpresa ela me abraça

S/N: Não consigo não te perdoar...eu te amo muito

Félix: Obrigado meu amor...obrigado

Nos separamos e ela fala

S/N: Eu realmente preciso sair da polícia?

Félix: Sim...

Ela fica quieta por alguns segundo e fala

S/N: Preciso dar uma volta pra pensar

Félix: Tá chovendo e já é madrugada S/N

S/N: É melhor ainda

Félix: Estou confiando em você de que você não vai na delegacia me denunciar 

S/N: Pode deixar 

Ela diz isso e dá um beijo na minha bochecha em seguida saindo da dispensa

Félix off

S/N on

Saio da dispensa vendo a chuva forte que caía e passo pela piscina indo pro portão e saindo de casa

Voltei a chorar pensando que só podia estar louca por perdoar o maior Serial Killer que ja tinha visto

A chuva molhava meu cabelo e minha roupa mas eu não me importava

Eu sabia pra onde ir por uma fração de segundos

Na delegacia denunciar meu marido

Mas eu não podia fazer aquilo

Eu iria me sentir culpada o resto da vida

Comecei a andar pra lugar nenhum até parar em uma pracinha que nunca tinha visto

Sento em um banco e pego meu celular com a tela molhada

Ligo ele e vejo que Jungkook havia me ligado

Talvez eles tinham descoberto uma pista qualquer que novamente não nos levaria a lugar nenhum

Meu coração apertava ao saber que se queria meu marido ao meu lado eu teria que deixar o emprego que sonhava desde pequena

O que vai ser da minha vida depois disso?









Continua????


Notas Finais


Espero que tenham gostado 💫❤️
Até o próximo capítulo ❤️💫


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...