1. Spirit Fanfics >
  2. Meu vazio preenchido >
  3. Trailer (capítulo bônus)

História Meu vazio preenchido - Capítulo 39


Escrita por:


Notas do Autor


Surpresa:3

Capítulo 39 - Trailer (capítulo bônus)


Fanfic / Fanfiction Meu vazio preenchido - Capítulo 39 - Trailer (capítulo bônus)

uma calma e bela manhã, ink o 1° rei, junto de error seu esposo e o 2° rei haviam saido naquele dia tão belo, junto de seus guardas, para resolverem alguns problemas misteirosos que vem acontecendo, reclamações de moradores e etc.
                  -paper jaaaam!!..... filhoo!! Vem cá!!-grita chamando por paper jam, imaginando que o pequeno esqueleto poderia estar entre aquelas árvores gigantes daquela imensa floresta-mas onde é que aquele menino se meteu?-sussurra para si mesmo, indo em direção ao seu marido.
                   -error..onde é que o seu filho esta?-olha para error preocupado, e ao mesmo tempo impaciente.
                  -deve estar lendo um livro por ai, ou sei lá-não da muita atenção para o que ink diz, já que estava se focando em resolver as preocupações do reino-... que tal aqui? Parece liso.. não possui fronteiras...-mostra o exato local em um mapa, que circula toda aquela Região, ao qual estavam acampando, com suas tropas e soldados.
                  -tck.....-se irrita um pouco, se virando e batendo o pé para se afastar de error, mas muda completamente sua expressão ao ver paper jam andar em sua direção-pj!! Ai está!!-corre até paper jam, o abraçando preocupado.
                  -a onde é que você estava mocinho?-para de abraçar paper jam, já mostrando sua cara de bravo, afinal, havia avisado seu filho para que não fosse tão longe, ou nem mesmo para que fosse a algum lugar ao qual estava fora do campo de visão de ink.
                 -alí-aponta para um tronco de árvore bem no fundinho das árvores, local este que havia uma luz própria iluminando o tronco, perfeito para fazer uma boa leitura-eu estava lendo esse livro-olha para o livro que segurava entre sua cintura e seu anti-braço.
                   -oh!.... isso é muito bom filho... e... que livrinho você estava lendo?-sorri, tentando ver qual era o livro que seu filho estava tão focado em ler,esperando ser algo fofo, como livros sobre plantas ou animais.
                   -mil e uma facadas.. é um livro muito interessante, dos meus temas prediletos, terror e suspense... eu recomendaria o senhor ler também pai-mostra o livro bastante determinado em contar sobre sobre sua história.
                    -ah! Haha!.. p-pode deixar meu amor... eu vou ler sim-olha diretamente para error, irritado, já esperando que a idéia fosse dele.
                    -ink logo vai até error, irritado é claro, enquanto o bugado, tinha acado de terminar de conversar com alguns guardas, e estava olhando um mapa-huuh... com licença meu bem!mas será que podemos ter uma pequena conversinha?-permanece parado batendo o pé no chão encarando error com uma cara nada boa.
                     -depois, agora não, estou ocupado...-sem nem mesmo olhar para ink, responde de uma forma como se fosse a resposta que dava para qualquer coisa que ink lhe viesse dizer.
                     -ink logo se irrita ainda mais e força o mapa que error estava vendo, o força até bater na mesa-aah! Mas você vai é conversar agora!-sua voz realmente ja estava deixando bem na cara o nível de raiva que ink estava tendo, e error pelo estresse e custume, ainda não havia percebido.
                     -ink, eu tenho coisas mais importantes para fazer do que ficar me impressionando com uma criança que esta tentando ler!!-bate as mãos na mesa, já se alterando com ink.
                     -muito bem!!! Ja chega!! Error Comyet Blood Scream!!! Eu não me casei com você, para que me deixasse de lado!!!-vira seu rosto triste e com raiva, tanta raiva que fica incapacitado de chorar, ou de dizer qualquer outra coisa.
                     -sigh-tem razão..... eu não devia colocar o me trabalho acima da minha família dessa maneira.... eu.... eu me dexei levar pela pressão... me desculpa meu amor-abraça ink por trás, lhe dando beijos na bochecha e pedindo desculpas por ter se deixado levar pela responsabilidade de seus deveres, acima de seu próprio amor por ink.
                    -error, por que você deu aquele livro para o pj?-olha para error ja mais tranquilo, por conta de seus pedidos de desculpa.
                    -que li-aaah, o mil e uma facadas? Aquele livro é bom à beça!-sorri até mesmo pensando em relelo novamente.
                    -por que foi que deu esse livro para o pj? Ele é de terror error!-encara error ja se irritando novamente.
                    -mas eu não dei o livro para ele, foi ele que pegou-ergue os braços, dizendo de uma forma como se não fosse lá grande coisa.
                    -então por que não tirou dele?!-bate o pé se irritando mais.
                    -por que ele não deixou!-está tentando ao máximo não se meter em uma outra briga.
                    -ele não deixou, ou foi você que não quis?-cruza os braços vendo que error faz uma cara de "estou sem saída" como durando os 8 anos de casados fazia quando o mesmo cometia alguma merda.
                    -as duas coisas...... aah! Vai ink! Qual é! Ele adorou o livro! Não para de ler nem por um segundo!-aponta para paper jam, que estava sentado no chão, lendo o livro concentrado.
                    -eu sei! Mas tinha que ser de terror error? Ele é uma criança! Não tem idade para ler essas coisas!
                    -confie em mim meu amor, vai ficar tudo bem...ele é nosso filho, não vai sentir medo de uma história fictícia-puxa ink para mais perto de seu corpo, o abraçando pela cintura, e começando a dar leves beijinhos e sua bochecha.
                    -haha!ok, ok! Talvez tenha razão... mas se ele for dormir no nosso quarto por que esta com medo do livro, eu juro que você dorme no quintal-sorri para error que logo revira os olhos, ambos acabam tendo sua atenção tirada um do outro, pelo som de trovão e nuvens cinzentas se aproximando.
                     -(vai chover? Que.... estranho..)-pensa olhando para o céu,estranhando um temporal chuvoso neste dia, que tinha plena certeza de que faria sol, o resto da semana.
                     -chama o pj, eu vou avisar a todos para que entrem em suas tendas-antes de soltar seu amado, lhe da um selinho, e vai em direção aos cidadãos e aos guardas para lhes avisar sobre a chuva e lhes ordenar para que se abrigassem.
                     -Pj.. vamos filho, vai chover, você vai acabar ficando resfriado se ficar aqui fora-se abaixa para falar com seu filho, que até então, estava tão concentrado lendo seu livro que nem havia se tocado sobre a repentina chuva que estava a caminho.
                     -ok-se levanta, colocando algo para marcar a pagina do livro que estava, esperando ink o pegar no colo, que foi o que fez, após pegar paper jam no colo, ink se vira e caminha até as tendas.
                     -... AAAAAAH!!!!!-paper jam solta um enorme grito ao ver um demônio gigante aparecer dentre as árvores, que corresponde ao grito de paper jam com um enorme rugido.
                     -INK!!!!-ao se virar pelo susto com o grito de seu filho, e do demônio, grita em nome de seu esposo, que também se vira assustado, e para proteger seu filho, usou seu corpo.
                     -logo error age, indo em direção ao demônio que estava prestes a atacar ink, arranhando suas costas, porém antes das garras da besta tocarem em ink, error o protege, levando um enorme arranhão em suas costas, ao qual faz o bugado berrar de dor, logo os guardar e soldados começaram a agir, atirando no demônio, e laçando cordas para tentar prende-lo.
                      -error!! Puta merda!! As suas-é interrompido por error, que parecia ter dificuldades em falar, por conta da enorme dor em suas costas.
                      -me escuta!! Leve os cidadãos para um lugar seguro!, se ficarem aqui.... hn.... vão... morrer!! E principalmente, leve o Pj para algum lugar afastado daqui!, eu vou segurar essa coisa por um tempo!-olha para o céu, vendo que a chuva já estava começando a cair, e a ficar forte.
                      -... me promete!... que NÃO vai morrer!!!-se nega a sair do lugar antes que error prometece que não morreria de forma alguma.
                     -INK!!-olha irritado para ink, que logo confronta os olhos de error.
                     -ink agarra com sua mão esquerda a roupa de error, aproximando seus rostos, com raiva-ME PROMETE!!!!-utilizando o outro braço para segurar paper jam, que estava apenas olhando tudo ao seu redor, em específico, seus pais.
                     -hunf-eu prometo.... eu amo vocês..-abraça tanto a ink, quanto a paper jam, que ao se soltarem de error, vão até os cidadãos.
                     -ink chama todos em uma canto, abrindo rapidamente um portal, vendo que o demônio viria na direção de todos, apressou seus súditos, antes que o demônio chegasse até eles, error o havia segurado por uma de suas caldas, e o jogado para trás, o que lhe deu tempo suficiente a ink, para que colocassem todos para dentro do portal, em seguida, o mesmo entra, mas ainda não fechando o portal para que pudesse voltar.
                     -todos estavam assustados e em crise de pânico, ink levou alguns minutos para acalmar a todos, chamou mais guardas para que ficassem de olho nos cidadãos, e tentassem de todas as formas os acalmar, estavam dentro do castelo, na sala do trono e a chuva forte com raios e trovões não ajudavam em nada.
                     -Pj! Você vai ter que ficar um tempo aqui ok? Eu vou ajudar o seu pai! Por favor! Por favor! De maneira alguma! Saia deste castelo!! Me entendeu?!!-olha de um modo desesperado para seu filho, que tranquilamente balança a cabeça afirmando as ordens de ink, que corre até o portal.
                      -ah....... eu perdi o livro....-olha para suas mãos, se tocando de que o livro ao qual ainda não havia terminado de ler, já não estava mais consigo.
                      -ink ao entrar no portal, logo, o fecha, se espantando com o silêncio, e implorando para que error ainda estivesse alí, ink sai de trás das árvores, indo em direção a onde estavam as tendas, a chuva não ajudava muito, ao finalmente encontrar o local, tudo o que vê, são corpos despedaçados no chão, nas árvores, sangue para todos os lados, árvores queimada, ou quebradas, e as tendas completamente destruídas, tudo estava destruído, porém o que lhe deu mais medo, foi ver que error não estava lá.
                        -ERROR!!!!..... ERROR!!!-grita e grita repetidas vezes o nome de error, na esperança de que o mesmo gritasse de volta, que reagisse ou que localizasse o local, caso tenha ido para longe e se perdido, mas ink não houve nada, nada além do barulho forte da chuva e dos trovões.
                          -ERROR!!.... E-para de falar ao olhar que pisou sem querer em alguma coisa, olhando para baixo, vendo que era o livro ao qual paper jam estava lendo, manchado de barro, agua e um pouco de sangue, na hora, ink se abaixa triste, pegando o livro em seus braços, e o abraçando, dizendo em um tom baixo o nome de seu amado, no meio daquela chuva tão intensa quanto suas próprias emoções .
              


                     -É, essa é a história onde tudo começou! Quando eu ainda tinha 8 anos, naquele dia, era para ser um dia feliz, afinal, ao chegar no castelo, meu pai iria me dizer que estava grávido... Ah! Eai! Haha! Deixa eu adivinhar! Você não está entendendo nada não é? Bom, vou explicar, muito prazer, meu nome é paper jam! E essa  vai ser a história do meu inferno! Hahaha!! Engraçado não? A vida adora pregar peças... só que..a diferença...


   É que ninguém acha graça.


゜*☆○o。..:*・*:..。o○☆*゚゜*☆○o。・*:..。o○☆


Faaaaaala ai meus caros!! Como estão?!! Eu sei, eu sei! Vocês devem queres saber o que é que esta acontecendo!! Calma! Deixa eu explicar!


▪️esse trailer/capítulo bônus é feito para avisar sobre a 2° Temporada de meu vazio preenchido, ao qual o protagonista irá ser o paper jam!sim meus caros, a história continua!.


▪️essa história esta marcada para ser lançada, no dia 17 de novembro desse ano (ÓBVIO né)


▪️como deu para notar, será feito com um novo estilo de escrita, os desenhos continuaram aparecendo para ajudar a vocês leitores com a sua imaginação!.


🚫aviso sobre outros projetos🚫


▪️para quem gosta das minhas histórias, saibam que meu vazio preenchido não será a única história que eu vou ter criado/vou criar, eu ja estou produzindo uma fanfic de countryhumans, e mais uma de errink, e possivelmente, haverá também de Dustberry.


▪️o link da história da 2° temporada ficará aqui↓️


2°Temporada =

▪️repetindo, a história só será lançada no dia 17 de novembro, então, o link da história só irá estar aqui neste dia, se quer acompanhar a 2° temporada, então apareça neste capítulo, nesta exata data, que o link vai estar aqui ok? Se não estiver de manhã, estara a noite, ou de tarde, então fique [email protected]


▪️ "ah, mas eu ainda tenho dúvidas sobre a história, e sobre esse cap bônus" pode fazer suas perguntas a vontade aqui, que eu lançarei um cap/ask, ao qual possivelmente usarei desenhos, e também terei a participação de uma amiga ao qual ja apresentou alguns desenhos nos capítulos, para quem não sabe, ela é a criadora da personagem Demônio/Succubu dessa história, que é a Merry Demonic,


▪️ Para vocês do spirit, não se preocupem que também serão respondidas suas perguntas, infelizmente, sem os desenhos, mas fique a vontade para tirar as dúvidas. 


Notas Finais


Então é isso meus caros, caso tenham alguma dúvida podem perguntar,que no próximo cap, elas serão respondidas, muito obrigado a todos que acompanharam essa história maluca até aqui, eu vejo vocês em breve, até ヾ( ̄▽ ̄)Bye~Bye~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...