História Meu Velho Amigo é Meu Novo Inimigo -- Kim TaeHyung - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, K.A.R.D
Personagens Baekhyun, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jisoo, Jiwoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Lu Han, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé, Shuhua, Soojin
Tags Bts, Imagine Kim Taehyung, Imagine Taehyung, Kim Taehyung, Kim Taehyung (bts)
Visualizações 45
Palavras 868
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Cap.2: ReenContro


Fanfic / Fanfiction Meu Velho Amigo é Meu Novo Inimigo -- Kim TaeHyung - Capítulo 2 - Cap.2: ReenContro

Se passa 1 semana sem falar com o Tae. Estou cansada, de vê-lo e não conversar com o mesmo, as pessoas me humilharem, meu desempenho está em decadência. 

Decidi sair daquele inferno, quer dizer, escola, "Ah mas você é muito burra de deixar tudo isso pra trás" querendo ou não essa é a minha escolha, posso escolher entre melhorar ou piorar, então decidi ir pra uma escola longe dali.

Quero um colégio militar, minha mãe e meu pai aceitaram de boas e nem ligaram se eu não ligava pra nada. 

Só escolhi esse tipo de colégio para eu melhorar e esquecer de tudo o que passei






Seul, 6 anos depois

Finalmente! As aulas na escola militar foram ótimas! Ninguém fazia bullying comigo e aprendi a me aceitar, fiz vários amigos coreanos que realmente ne faziam bem. Hoje em dia tenho 22 anos


Chego em casa e ouço um:

ㅡ OI FILHAAAA ㅡ Minha mãe anda até eu e me abraça

Minha mãe disse que não gostava muito do colégio em que eu estudava a 6 anos atrás quando eu decidi estudar no militar, então compreendi

Almoço e vou tomar banho. Me olho no espelho e sorrio 

Termino no banho frio e me arrumo

ㅡ Mãe? O que a senhora vai fazer hoje? ㅡ eu falo descendo as escadas

Sim, eu mudei de casa e fui para Seul, antes eu morava em Daegu. Minha casa antiga não tinha escadas

ㅡ Vou fazer kimchi!

ㅡ Hmmm, já até estou imaginando o cheiro kkkk

Vou até a geladeira pegar um copo com água e bebo devagar

ㅡ Eu também! ................. Filha, você vai ter que mudar de universidade, seu pai tem que se transferir do trabalho dele. Vamos para Daegu hoje à noiteㅡ ela fala preparando o almoço

Quase me engasgo e começo a tossir

ㅡ O-OO QUEE? NÃO M-MÃE NÃO QUERO IR!

Mamãe se vira com os olhos arregalados

ㅡ Por que S/N? Não vejo nada demais... Espera, é o Taehyung né?

ㅡ Sim...

ㅡ Ah S/N! Deixa de frescura! Ele já deve ter saído de lá da sua escola a anos!

ㅡ A GENTE VAI PRA PERTO DAQUELA ESCOLA??????

ㅡ Calma S/N, vamos pra uma universidadade, se chama Universidade Global Cyber

ㅡ Ah sim, ok então, vou arrumar minhas malas

Subo as escadas e começo a arrumar as malas

ㅡ O que levar? Simm roupas, óbvio, celulaaar, retratos

Pego retratos até que vejo uma lá trás da minha cômoda uma de eu e o Tae, me fez lembrar momentos bons e ruins, mas... ele já me fez bem quando eu mais precisava

O pego e coloco na mala junto com acessórios, roupas, o meu celular, fone, sapatos etc...

Almoço e chega a noite. Pai chega e nos arrumamos para irmos de carro até Daegu

No caminho lembro de Tae, tento tirá-lo da minha cabeça mais não consigo, como ele pode fazer isso comigo? Eu não entendo, suas palavras de raiva me incomodam, eu não choro por ele mais, chorar por homem pra quê?

Chego na casa que parecia ser uma mini mansão. São 4 horas da manhã e vou pra lá cansada, durmo

6:30

O despertador está tocando a 30 minutos e eu não acordei? Muito raro mesmo

Remexo meu guarda roupa e vejo roupas para vestir, pego um suéter xadrez vermelho e uma saia preta não apertada, óculos preto porque ultimamente estou com problemas de visão, prendo meu cabelo com o famoso "rabo de cavalo"

Desço as escadas e dou um bom dia para mamãe o meu pai

ㅡ Bom diaaaaaa

ㅡ Bom dia filha, milagre você acordar de bom humor

ㅡ Pois é kkk ㅡ falo sentando na cadeira da mesa

Termino de tomar café, e vou a pé a Universidade, mamãe me deu o endereço.




Chegando lá, muitos alunos me olhavam e diziam baixo

"Quem será essa estranha?" "Nova aluna? Credo, kkk" "Além de feia se veste mal" "Tomara que ela não dure muito tempo aqui"

Eu não ligava, isso não doía como as palavras do Tae

Vou direto pra minha sala, no lado da minha sala tinha 7 garotos, por sinal bonitos mas não me atraiam, até que vejo um que tem cabelos castanhos e usava brinco, rosto um pouco largo.

Nos encaramos por alguns segundos, ele me parece familiar, mas não consigo lembrar quem é.

O sinal bate e todos foram para suas salas, quem entra na minha é o garoto em que falei e ele senta no fundo da sala

Eu sinto ele me encarar e reviro os olhos




O professor pergunta no meio da aula

ㅡ O que o mercado ou a sociedade ganha com essa Universidade?

Quando eu vou responder

ㅡ Muit...

ㅡ Maior profissionalismo, atualização constante e benchmarking internacional. "O maior investimento que oferece o maior retorno é a educação"

As meninas ficaram caidinhas por ele, aff! Ele roubou a minha resposta!

O olho com raiva e ele me olha sorrindo sem mostrar os dentes mas sem ser sarcástico, como assim?

ㅡ Isso ai V ㅡ uma menina fala com um tom de apaixonada, o apelido dele é V?

ㅡ Muito bem! ㅡ o professor diz

A aula acaba e fico na sala arrumando meus materiais, o V vem até eu

ㅡ Posso ajudar? 

ㅡ Sim, em não me interromper

ㅡ Você mudou bastante... ㅡ ele fala sussurrando e como se me conhecesse

ㅡ O que? Você me conhece por acaso?

Me levanto da cadeira e ele fala no meu ouvido

ㅡ Sim S/N, espero que tenha me perdoado

Ele sai andando com as mãos no bolso

Estou em choque, T-taehyung?


Notas Finais


Eeeeee mais um cap, me falem se está ficando bom pessoas :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...