História Meus Quinze Anos - MILEVEN - - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Eleven (Onze), Mike Wheeler
Tags Stranger Things
Visualizações 99
Palavras 308
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Então gente, estamos perto😭💙

Capítulo 6 - Uma declaração mais que sentimental


Fanfic / Fanfiction Meus Quinze Anos - MILEVEN - - Capítulo 6 - Uma declaração mais que sentimental

Era finalmente quinta, Hopper me deixou falta a aula, até que enfim, um dia comendo eggos e sem vê aqueles trogloditas, eu sair a manhã inteira com a Kai, e a tarde fiquei com Nancy, Jonathan, Steve,Mike, Lucas, Max, Dustin e will, a noite eu e Hopper fomos jantar com a tia Joyce, o Will e o Jonathan, parece que a coisa vai ser seria mesmo, até que chegámos em casa.  

- foi o melhor aniversário que eu já tive, na verdade, dos meus 13 para baixo, eu nem sabia quando tava completando ano - sorrio triste - bom, eu vou dormir. 

- espere! - ele me impede de andar - Temos algo para conversar - diz ao aponta para o sofá, assim que eu me sento, ele faz o mesmo - Jane, você sabe que é uma filha para mim, não sabe?

- Sim. 

- hoje ... Hoje o Wheeler veio aqui, pedir minha permissão para te namorar! - arregalo meus olhos - eu dei, desde de que você aceitasse. 

- eu .... - eu estava imensamente feliz, bem, eu não sabia exatamente o que era namorar, essas coisas o Hopper não me ensinava, mas mesmo assim, devia ser algo especial - eu ...

- Eleven? Eu permito, desde que você nunca, NUNCA me esconda nada, você esta crescendo, e eu tenho que aceita isso, sabe, quando a Sara morreu - suspiro triste - eu achei que não tinha motivos para viver mais, só que ai, Deus me trouxe você, e eu, eu não estou disposto a te perder, eu não quero e não vou perder a minha outra filha - a essa altura ele já chorava, quem sou eu para falar de choro? Eu também estava chorando, ele me abraçou fortemente e eu retribuí-  eu te amo, filha!

- Eu .... Eu te p-pa- ... Eu te amo papai!❤😭


Notas Finais


Estamos chegando ao fim😢💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...