História Midnight Killer - Capítulo 45


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Amor, Assassino, Bangtan Boys (BTS), Crime, Exclusão, Hoseok, Imagine, Jimin, Jin, Jungkook, Mistério, Morte, Namjoon, Perseguição, Policia, Taehyung, Yoongi
Visualizações 18
Palavras 2.228
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 45 - Book


Fanfic / Fanfiction Midnight Killer - Capítulo 45 - Book

-Jungkook, fala comigoooooo! - Puxei o braço do maior

Jungkook apenas me ignorava e isso já durava desde o momento em que saímos do hospital. Ele estava me Ignorando, fingindo que eu nem estava ali, isso tudo porque eu tinha chamado ele de senhor.

-JEON JUNGKOOK! - Jimin gritou vindo atrás de nós dois

-QUE? - O mesmo finalmente virou-se, quebrando o seu próprio silêncio

-Se você não fazer algo para que a S/N se cale, eu próprio terei que tomar decisões que você não vai gostar. - Jimin sorriu de canto, logo levando um tapa na cabeça 

-Eu ainda estou aqui! - Momo falou - Mas eu tenho que concordar, a S/N não se cala desde que saímos do hospital, por sua causa. 

-Jungkook... - Falei fazendo beicinho para o mesmo e chamando a sua atenção 

Mais uma vez Jungkook virou suas costas para mim e começou a caminhar para dentro da casa. 

-JUNGKOOK QUAL O PROBLEMA EM EU TER TE CHAMADO DE SENHOR? - Gritei, cruzando os meus braços em frustração 

-EU SOU SEU AVÔ POR ACASO? TENHO CARA DE VELHO? - Jungkook virou-se, mostrando a sua cara de mal 

-Pelo amor de Deus, CRESÇAM! - Yoongi revirou os olhos, passando por todos ali

-Ouviu Jungkook? - Olhei para o mesmo estreitando os meus olhos

Jungkook aproximou-se com sua figura imponente e quando estava próximo o suficiente, abaixou o seu rosto ao meu nível. Quando eu pensei que ele ia me beijar ou algo do género, não, ele foi até o meu ouvido e roçou seus lábios no local. 

Se eu não dissesse que meu corpo todo tinha arrepiado, eu estaria mentindo. 

-Venha ter comigo ao quarto... - Sussurro em um tom rouco e provocativo 

Observei o seu corpo distanciar-se e seu rosto carregar um sorriso de canto em seus lábios. 

-Ah mas... O que eu fiz? - Falei incrédula 

Mesmo assim, fiz o que Jungkook mandára, fui até o seu quarto e ao entrar o olhei em confusão. 

Fui caminhando até ficar frente a frente com o maior que estava sentado na cama. 

-Você ficou mesmo com raiva por eu ter te chamado de senhor? - Perguntei soltando um suspiro - Sabe... Eu estava brincando, eu - 

Acabei sendo interrompida ao sentir um puxão em minha cintura, fazendo meu corpo cair sobre o colo de Jungkook. 

-Isso era só uma desculpa pra poder te castigar. - Falou com um sorriso em seus lábios

-Que? - Olhei para o mesmo confusa

-Agora... Deita no meu colo, gatinha... 

|Jimin|

-Então Jimin, o que me diz? - Sr. Wang falou pela chamada

-Bom... Se o senhor conseguir cumprir aquele que nos promete, temos um acordo. 

-Para mim isso é um sim, então, temos um acordo. Amanhã de manhã tomarei conta de limpar qualquer pista que leve a vocês e o cadastro criminal de Jungkook. - Sr. Wang falava em um tom alegre 

-Certo, mais alguma coisa que deva saber? - Perguntei andando pela sala às voltas

-Ah sim... Como não tenho nenhum trabalho para vocês, você estão livres para fazerem aquilo que quiserem até que eu diga o contrário. Só não tentem chamar muito a atenção. 

-Claro, eu irei falar com os restantes. - Um pequeno sorriso tomou conta de meus lábios 

-Tenha uma boa noite, Jimin. 

-Você também, Sr. Wang. - Terminei a chamanda

Olhei para o meu lado direito, ao me aperceber de outra presença na sala, vendo Momo encostada na parede, me olhando com um sorriso em seus lábios. 

-Então? 

-Temos acordo com o Sr. Wang. 

-Sério? - Momo aproximou-se com um sorriso ainda maior em seus lábios 

Apenas acenti com a cabeça, vendo a menor envolver seus braços ao redor do meu pescoço. Trouxe seu corpo contra o meu, colocando minhas mãos sobre a sua cintura. 

-Você fez o certo, ele é uma pessoa confiável. - Momo passou sua destra pelos meus fios de cabelo

-Eu sei... Mas ainda não consigo engolir o facto dele ter abandonado S/N... - Olhei para a menor em meus braços 

-Ele o fez para a proteger, confia nele. - A mesma sorriu 

-Eu confio, só não acho certo o que ele fez. 

-Esquece isso Jimin, você viu a felicidade dele ao ver a própria filha. Além do mais, ele vai trazer muitos benefícios para nós e talvez qualquer dia, você se torne o braço direito dele. - Fechei meus olhos ao sentir suas carícias em meu rosto

-É talvez um dia... Mas agora eu tenho que avisar os restantes das novidades. 

-Eu vou chamar os que estão lá em cima. - Momo revirou os olhos ao referir-se a S/N e Jungkook

-Cara... Eles formam um casal bem estranho. - Soltei uma risada

-Nenhum deles tem um cérebro, estava esperando o que vindo deles? - Momo retribuiu a risada, soltando-se de meus braços - Eu vou indo. 

Apenas acenti e segui a direção oposta, indo chamar os restantes dos meninos que estava pela casa. 

|S/N|

-Eu ainda não acredito que você fez aquela cena toda só para ter uma desculpa pra bater na minha bunda. - Cruzei os meus braços 

-Eu sabia que se pedisse com carinho, você não ia me deixar, teve que ser... 

Olhei para Jungkook, estreitando os olhos e ergui as minhas mãos em confusão. 

-Eu não te entendo, nada mesmo. Oh... 0 neurónios. 

Logo devíamos a nossa atenção para a porta ao escutar uma batida nela. 

-Jimin quer todo o mundo lá em baixo, agora. - A voz de Momo ecoou pelo quarto

-Estamos indo. - Olhei uma última vez para Jungkook antes de abrir a porta e sair - Você me paga... 

Jungkook simplesmente deu uma risada e por mais que eu quisesse evitar, acabei sorrindo ao ver o seu sorriso. 

Saímos do quarto, indo até a sala onde já estavam maior parte dos meninos e Momo. 

-Aconteceu algo, Jimin? - Perguntei ao descer 

-Sim, mas é algo bom. - Sorriu - Eu vou contar quando Namjoon aparecer. 

-Eu estava arrumando o carro, me desculpem. - Namjoon falou ao entrar na sala

-Bom, agora que estão todos aqui, eu quero dizer que... Agora trabalhamos para o Sr. Wang. Eu fiz um acordo com ele e como condição, teremos qualquer pista de assassinato, que aponte para nós, limpa tal como a ficha criminal de Jungkook. Além disso, ainda podemos fazer o que quisermos até que o Sr. Wang diga o contrário. - Jimin tentou explicar 

-Por outras palavras, férias, sem qualquer preocupação em sermos pegos? - Taehyung perguntou

-Exato, mas nada de causar muitas confusões. - Jimin falou encarando principalmente Yoongi 

-Está olhando para mim, porque? Eu vou passar meu tempo todo dormindo... 

-Era só isso, podem voltar ao que estavam fazendo. - Jimin terminou, saindo da sala com Momo

Olhei para Jungkook com um sorriso em meus lábios. 

-Isso significa que... 

-Podemos passar mais tempo juntos e finalmente podemos trabalhar em controlar essa segunda identidade em você. - Jungkook completou sorrindo tanto como eu 

Em um impulso, envolvi meus braços ao redor de Jungkook, sendo retribuída no instante a seguir. 

-Eu prometo que antes mesmo que possamos voltar a trabalhar, nós vamos ter conseguido controlar essa psicopata dentro de você. - O mesmo soltou uma risada no final 

-Ei...! - Olhei para o maior sorrindo - Promete? 

-Prometo...

Alguns dias depois... 

-Amor, você já está aí faz uma hora, vamos logo. - Jungkook falou envolvendo seus braços ao redor do meu pescoço 

-Só mais alguns segundos, eu estou quase terminando. 

Apenas escutei um suspiro sair da boca de Jungkook e logo após seus braços distanciaram-se de meu corpo. 

-Eu vou colocar as coisas no carro, quando estiver pronta, me ligue. 

Soltei o ar pesado dentro de mim ao escutar a porta do quarto ser fechada com um tanto de força. 

Eu e Jungkook tínhamos planeado passar algum tempo juntos, mas fora do país e praticamente ele foi o único a planear para onde iríamos e onde ficaríamos, as típicas coisas para uma viagem no estrangeiro, e isso estava deixando Jungkook frustrado e não era pouco. 

Ele pensava que eu não me importava com essa viagem, até porque isso tomaria uma grande passo na nossa relação e a tornaria mais forte, já que pelo tempo que estaríamos a sós, poderíamos recuperar todo o nosso tempo perdido. 

Durante esses dias, desde o momento em que Jimin reuniu todos na sala, eu venho a me isolar, mas não por um motivo ruim, muito pelo contrário. A realidade era que eu estava passando todos os meus últimos dias e noites aqui, nessa mesa, escrevendo sem parar, tentando atingir o meu sonho de já à muito. 

Sim, eu também pensava que tinha me esquecido dele, tal como todos os outros. Mas não, cada momento pelo que passei só me deu mais força para eu cumprir esse meu sonho e agora que estava prestes a terminá-lo, pude finalmente voltar a respirar própriamente. 

Fechei o livro do qual eu tinha ilustrado a própria capa e escrito, colocando nele todo o meu corpo e alma. 

Voltei a soltar um suspiro pesado e deixei minhas costas deslizarem pela cadeira da qual eu tinha passado as últimas horas sentada. 

Reuni forças para me levantar e peguei a única bolsa que Jungkook tinha deixado para trás. Coloquei minha carteira e celular, os guardando na mesma e peguei no livro que tinha deixado sobre a mesa. 

Caminhei para fora do quarto, indo a encontro de Momo que encontrava-se sentada em um dos sofás da sala com Jimin ao seu lado.

-Momo. - Chamei a sua atenção, fazendo a mesma se levantar do sofá 

Desci as escadas rapidamente e quando estava frente a frente com a mesma, estendi o livro à sua frente. 

-O que é isso? - Momo pegou no objeto, o observando atentamente - Não me diga que é... 

-É ele mesmo, eu sei... Eu também pensei que nunca mais iria realizar o meu sonho. - Sorri fraco 

No segundo após, pude sentir seus braços envolverem-se ao redor do meu corpo. Retribui o abraço, apertando um tanto o seu corpo e sem notar, acabei deixando uma lágrima escorrer pelo meu rosto

Momo acabou notando isso e afastou-se apenas o suficiente para encontrar os meus olhos marejados, igual aos que ela carregava em seu rosto. 

-Own... Não chora, minha cenourinha. - Momo falou, limpando as lágrimas que escorriam pelo meu rosto - Eu vou divulgar esse livro com todo o gosto e orgulho do mundo. - Sorriu ao tentar segurar as suas lágrimas 

-Obrigado, Momo... Eu não poderia pedir por uma melhor amiga melhor do que você. - Voltei a abraçar o seu corpo fortemente 

Meu olhar acabou por cair em Jimin que sorria largamente ao ver aquele momento, mas poucos instantes depois, o mesmo fez sinal para a porta. 

-Eu já liguei, ele está te esperando. - Jimin falou de maneira silenciosa

Respondi com um "obrigado" e logo soltou-me de Momo. Voltei a sorrir para a mesma, uma última vez, antes de sair do local. 

Sai da casa, limpando o meu rosto. Notei que o carro preto de Jungkook já estava à frente do local, como Jimin tinha dito. Abri a porta do carro e entrei, logo sendo recebida com um Jungkook sério encarando a estrada à sua frente. 

-Jungkook eu... - Tentei começar uma conversação, logo sendo interrompida

-Nós precisamos de falar...- Soltou um suspiro

Apenas acenti, esperando ele dar a próxima palavra. 

-O que está acontecendo com você? Durante os últimos dias você vem me ignorando, quase não dorme de noite, come pouco e sempre que eu tento puxar algo assunto você responde com um "Uhum", tudo por causa de um livro? Eu não sei que importância tem aquele livro, posso até estar errado, mas eu acho que não mereço ser tratado como nada... - Jungkook falou de uma vez só, sem ao menos parar para respirar 

-Eu sei que errei e não devia ter te ignorado, por mais importante que fosse aquele livro. Me desculpa... Eu prometo te recompensar durante esse tempo fora, eu sei que você escolheu tudo perfeitamente, por isso nem me preocupei muito. Desculpa. - Olhei em seus olhos, falando com toda a sinceridade que conseguia reunir

-Me fala... O quão é importante aquele livro. - Jungkook falou retribuindo o olhar 

-Aquele é o meu sonho, de anos atrás... Lembra de quando eu trabalhava naquele Jornal? Meu sonho era divulgar algo grande, de preferência uma história que pudesse cativar as pessoas e não só fazê-lo por dinheiro. Eu sei que mesmo assim não deveria ter te ignorado e... - Respirei fundo e funguei ao sentir uma lágrima escorrer de meu rosto

Observei a mão de Jungkook que agora pousava sobre a minha e a segurava de maneira firme. Minha cabeça continuava baixa até o momento em que Jungkook levantou o meu rosto com seus dedos. 

-Porque você não me falou antes? Você sabe que eu te apoiaria o máximo que eu pudesse... 

-Eu sei... Eu estava focada demais em escrever o livro ao invés de tentar me justificar. 

Senti os lábios do maior entrarem em contacto com os meus, em um selar demorado e carinhoso. 

-Eu entendo e eu te desculpo, vamos aproveitar cada momento juntos daqui para a frente, hm? - Falou ao quebrar o beijo e olhar em meus olhos

Apenas afirmei com a cabeça, deixando um sorriso tomar conta de meus lábios ao fazê-lo. 

-Preparada para os melhores momentos da sua vida? - Jungkook falou voltando a sua atenção para o carro, mas mesmo assim, sem soltar de minha mão 

-Sempre. 








Notas Finais


Esse foi o capítulo, espero que tenham gostado desse pequeno momento entre os casais da fic. Vejo vocês em um próximo capítulo. Bjos, amo vocês! 💕



|Outras histórias|

Kim Taehyung-One shot:
https://www.spiritfanfiction.com/historia/video-games--one-shot-11577288

Min Yoongi-Long_Fic:
https://www.spiritfanfiction.com/historia/my-masters-secrets-11577640


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...