1. Spirit Fanfics >
  2. Midoriya: O Guardião do One For All >
  3. Uma Conversa com o Kirishima

História Midoriya: O Guardião do One For All - Capítulo 6


Escrita por: RipNewgate

Capítulo 6 - Uma Conversa com o Kirishima


*Narrador on*

Midoriya estava na sala de descanso após ter mandados todos os alunos da sua sala para a enfermaria, quando ele ouve alguém entrando e quando vê ele percebe que era o All Might, que provavelmente tinha ido falar com o esverdeado, logo em seguida o Kirishima também estrou na sala e então eles fecharam e trancaram a porta, em seguida os dois rapazes foram e se sentaram no sofá que ficava na frente do midoriya e então se inicia uma conversa entre os três.

- opa – falou o Midoriya

- oi - falou o kirishima

- oi – falou o All Might – bem eu vim te apresentra o meu sucessor – falou All Might

- esse cara ai é o seu sucessor? – perguntou o midoriya

- sim – respondeu o All Might

- certo... o vermelhinho – falou o Midoriya

- sim? – respondeu o kirishima

- foi mau por mais cedo... eu deveria ter me segurado mais – falou o midoriya

- pera... você tava se segurando? – perguntou o Kirishima

- sim, tava me segurando bastante, mas eu deveria ter me segurado mais para vocês terem pelo menos me acertado – falou o Midoriya

- ohh que legal, você é tão forte assim?! Que legal! – falou o kirishima – você é tão másculo! – o kirishima completou

- calma ai rapaz, se exalta não – falou o midoriya

- o midoriya está certo, não se anime tanto – falou o All Might – mas bem, o Midoriya vai te treinar quando eu não estiver disponível – falou o All Might olhando para o Kirishima

- então se tu tiver um problema pode me chamar que eu te ajudo – falou o mdoriya

- bem eu vou indo, vou deixar vocês conversando para se conhecerem melhor – falou o all might que se levantou e foi embora da sala

- bem, vamos começar, eu vou fazer uma pergunta – falou o midoriya – pronto? – perguntou o midoriya

- sim! – respondeu o Kirishima

- por que você quer ser um herói? – perguntou o midoriya

- eu quero ser um herói... pois eu quero proteger a todos, não quero que ninguém se machuque – falou o midoriya

- que sonho lindo – falou o Midoriya – mas como eu disse, isso não passa de um sonho de criança – falou o midoriya

- como assim? – perguntou o kirishima

- posso te contar uma curiosidade? – falou o midoriya

- sim – respondeu o kirishima

- ser herói não é tudo isso não – falou o midoriya

- o que você quer dizer com isso? – perguntou o Kirishima

- sabe eu tenho 24 anos de idade, eu sou uma geração mais novo que a Rumi, que é a heroína de rank 5 e uma geração mais velho que o Hawk que é o rank 4 – falou o midoriya

- aonde você quer chegar? – o Kirishima questiono

- sabe quantos dos meus amigos que eu fiz aqui na U.A  eu vejo por ai trabalhando como herói? – falou o midoriya

- eu não sei – respondeu o kirishima

- 0 – falou o midoriya com uma cara seria

- eles desistiram de trabalhar como heróis? – perguntou o Kirishima

- quem dera... – falou o midoriya – eles sofreram as mortes msis dolorosas que eu consigo imaginar – o midoriya completou

- eu... sinto muito... – falou o kirishima

- você não precisa sentir nada – falou o midoriya – eu só quero que você saiba, que esse caminho que você quer seguir é muito arriscado e você vai perder muitas pessoas, amigos, conhecidos, parentes, e desconhecidos – falou o midoriya – é impossível salvar a todos – o midoriya completou

- claro que é possível salvar a todos, o all might vive salvando a todos – falou o kirishima

- mais um iludido pela mídia – falou o midoriya

- em? – faloi o kirishima

- nem o all might consegue salvar a todos, porém isso a mídia esconde para o povo ter esperança no símbolo da paz e também para mais pessoas se inspirarem nele para se tornarem heróis – falou o midoriya

- então você está me falando para desistir? – perguntou o kirishima

- não, eu estou te alertando – falou o midoriya – eu quero que você saiba em que boraco você ta se metendo... essa frase pode ser usado de tanta formas.... mas enfim, você ainda quer ser um herói? – perguntou o midoriya

- bem... – falou o kirishima meio hesitante – sim! Eu farei o impossível ser possível – falou o kirishima com um sorriso no rosto

Na mesma hora que o esverdeado ve isso, vem em sua mente memorias de quando ele se formou na U.A, isso faz com que uma lagrima caia do olho direito do Midoriya e então o mesmo sorri e então começa a falar

- certo garoto, eu vou te treinar da melhor maneira possível- falou o midoriya

- obrigado! – falou o kirishima 

- certo, agora vai lá se encontrar com seus amigos e deixa eu trabalhar – falou o midoriya

- ok, e obrigado de novo – falou o kirishima saindo da sala

- é marco.... parece que eu encontrei sua copia... – falou o midoriya sozinho

Logo em seguida o midoriya sai da sala e começa a ir em direção a saída da escola, já era por volta das 4 horas da tarde e ele tinha que biscar a Eri na escola, ele foi andando tranquilamente até lá e quando chegou percebeu que tinham vários pais e responsáveis esperando no portão, ele apenas decidiu esperar, todos que estavam ali ficaram encarando o esverdeado o que incomodava o mesmo, mas não tinha muito o que ele pudesse fazer. Depois de alguns minutos as crianças foram liberadas e então o midoriya vai até a Eri e a abraça, ele pega ela no colo e então começa a ir para sua casa

- ei papai, olha o que eu fiz hoje! – falou a pequena mostrando um desenho

- você que fez? Está muito bonito – falou o midoriya sorrindo

- sério?! – perguntou a Eri

- sim, muito – falou o midoriya – você faz algum amiguinho? – perguntou o midoriya

- sim – respondeu a pequena

- sério?, que bom qual o nome do difunto... quero dizer amiguinho – perguntou o midoriya

- o nome dele é kota! – falou a Eri – ele é muito legal – falou a pequena

- sério? – perguntou o midoriya

- sim!, ele consegue disparar água pelas mãos – faou a Eri

- ele parece legal, quero conhecer ele um dia – falou o midoriya...

 

Fim Do Capitulo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...