História Mil e Uma noites - Park Jimin (Reescrevendo) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé
Tags Black Pink, Bts, Drama, Hot, Imagine, Park Jimin, Romance
Visualizações 212
Palavras 1.380
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


olha eu de volta, falei que voltaria!

sente esse cheirinho? de novo? yesssss! garanto que ( para mim) agora está bem melhor o contexto e o desenrolar da história, e etc. claro que vai mudar, mais não algo trágico.
Eu realmente espero que gostem❤

- Inspirado na novela Mil e Uma noite
- Reescrevendo, Novo contexto.

Beijo nas nadegas e boa leitura xuxu♡

Capítulo 1 - Mil e uma Noites - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Mil e Uma noites - Park Jimin (Reescrevendo) - Capítulo 1 - Mil e uma Noites - Prólogo

           ~ Mil e Uma noite 1 ~


Park Jimin já batia seus pés freneticamente no chão, Estava nervoso, todos já estavam sentados sobre a grande mesa de vidro esperando para que começasse.

- Essa reunião já deveria ter começado! - Dita Rápido e Grosso 

A mulher de saia que vinha até seus joelhos cor branca, Uma camisa social preta, e saltos não tão altos da mesma cor. Andava os extensos corredores da empresa em passos rápidos, Pois, Estava atrasada para a reunião. 

- Bom dia Senhorita S/n - Um dos que andavam por ali a comprimenta 

- Bom dia senhora Kyong - Ela Responde a mulher de meia idade em um tom doce, apesar de estar atrasada. 

A mulher de longos cabelos pretos adentra a sala sorrateiramente pedindo licença, já sentiu os olhos de seu chefe queimarem sobre si.

- Você não tem despertador em casa? - Dita Rude 

- Tenho sim, Senhor. - Responde calmamente 

- Pois então, Trate de chegar na hora!

- Não se repetirá, me desculpe - Diz caminhando até seu devido lugar, logo após se sentar recebi um sorriso de Jisoo, sua amiga de trabalho, retribui e coloca seu notebook sobe a mesa, abrindo-o.

- Pois bem, vamos começar - Dita Jungkook afastando aquele pequeno ar tenso. 

- Como sabem muito bem nossa empresa ganhou a concorrência de Busan, o projeto Gwangan é nosso. Obrigada a todos pelo trabalho duro que tiveram! - Dita jimin ainda se mantendo um pouco sério e rolando seus olhos à todos que estavam presentes ali.

- Eu também quero agradecer a todos, vocês trabalharam muito bem - Jungkook parabeniza sorridente - Mas quero agradecer principalmente a arquiteta Kim S/n, que nos ajudou a ganhar esse importante projeto com sua contribuição... - Olha para a mulher que apenas balançou a cabeça

Jisoo sorria animada para a amiga em sua frente, como um "Parabéns", a mesma apenas tinha um pequeno sorrisinho fechado, não parecia muito alegre. 

- Como vocês também sabem, devemos a ela o prêmio de arquitetura da fundação Akitegcheo com o projeto de passagem entre espaços - Jeon dita com um pequeno sorriso 

- Sim, parabéns mais uma vez - Dita o Loiro direto 

- Obrigada - S/n Agradece, e todos batem palmas em comemoração pelo trabalho duro que todos presentes ali tiveram.

- Bom senhorita S/n, ja que ganhamos graças ao seu trabalho e idéias, seria bom se nos desses os detalhes 

- Claro senhor Park - Ela diz sem traço de nervosismo ou surpresa, apenas se levanta e vai até o pequeno telão que ficava a frente de todos. 

- Bom, como vemos aqui o projeto da ponte de Gwangan Cobre um comprimento total de 7,420 m... - Enquanto a mulher de longos cabelos negros e encaracolados nas pontas, uma roupa totalmente decente e formal, uma maquiagem coreana quase nem visível, e de um corpo levemente definido, explicava tudo claramente e sem nervosimos algum. todos à olhava atentos e prestando toda a atenção, realmente aquele projeto não era nada fácil, reconstruir a ponte. 

...

- Chegueiii -  Diz após entrar dentro de casa, retira seus sapatos e vai até o quarto de sua filha. A qual estava sendo posta para dormir. - Oiee - Dita exalando agora um lindo sorriso enquanto tirava o casaco e ia até sua pequena na cama.

- Oie mamãe - A pequena de Longos cabelos castanhos diz manhosa com um sorrisinho banguela. 

- Como você está meu amor? - Pergunta acariciando levemente o rosto da filha com um sorriso doce

- Estou muito bem, hoje eu e a Tia Hyo fomos no parquinho 

- Sério? e como foi lá? 

A mãe conversava com a filha enquanto a cuidadora estava logo atrás, olhava sorrindo.

- Bom... algumas crianças não quiseram brincar Cumigo omma - Dita fazendo uma leve expressão triste

- Porque não minha querida? 

- Disseram que eu sou doente, e poderiam ficar também... mas mamãe, eu não liguei assim como a senhora disse. 

Saber sobre aquelas coisas que sua pequena tinha que passar era realmente triste, seu coração apertava da pior forma possível, sua filha sofria de uma doença, e mesmo não sendo contagioso, outras crianças a ignoravam e excluia. até mesmo decidiu tira-la da escolinha por conta de maus tratos e apelidinhos maldoso. 

- Você sabe que não é meu amor, você é a princesa da mamãe e do papai, ele brilha lá encima enquanto cuida de você - Diz com uma voz melancólica, tentando acalmar o coraçãozinho da pequena.

- Eu sei mamãe - Ambas sorriam, mas são atrapalhadas pelo toque do celular da kim. a mesma se levanta e vai até a sacada do quarto atendendo o telefone

                        - Alô? 

        - Boa Noite Senhorita Kim

 - Ah, Doutor Namjoon. algum problema?

- Poderia vir aqui no hospital agora?

        - Ah, algum problema?

- Bom, Encontramos uma doadora que estávamos procurando...

assim que o doutor da a notícia o sorriso mais lindo daquela noite, de esperança e alegria, se abre lindamente. A mulher poderia chorar ali mesmo de tanta alegria que invadiu seu coração, era um milagre, olhou para cima olhando todas as estrelas brilhantes, pareciam estar mais lindas naquela noite gélida.

        - Estou indo agora mesmo!

Dita feliz e desliga o aparelho, vai até perto da filha e da cuidadora sorrindo 

- oque foi S/n ? - Hyo pergunta enquanto lia um livro para a pequena que estava deitada. 

- Uma doadora Hyo, Finalmente encontraram! - No exato momento, até mesmo Hyo sorri alegre - Eu tenho que ir no hospital, me desculpe sei que já está na hora de você ir para casa, mas...

- Aigo, deixe de bobeira vá logo, vá! - A cuidadora diz sorrindo 

- Obrigada 

Após por novamente seus pequenos saltos, a mulher pega as chaves do carro e monabra o mesmo até o hospital do centro da Cidade, um dos melhores, onde sua filha fazia tratamentos. 

... 

- Ela era bonita, não acha? - Dita Jeon mudando radicalmente de assunto, para quem estavam falando dos constragimentos quandos jovens, para falar sobre a nova Arquiteta da empresa. 

- Não vou mentir, é mesmo. - Jimin é sincero enquanto toma um pequeno copo de Whisky puro, ambos estavam se "divertindo" em um bar famoso da cidade. dentro daquele empresa Jimin se demonstrava autoritário, mesmo dando pequenas escapadinhas com algumas funcionárias, mas era apenas sexo casual. 

- Ela parece ser tão fria... 

- É 

- Sabe irmão, sei que depois daquilo você nunca mais quis entrar em outros relacionamentos e etc. mas poxa, já se faz anos desde disso, não acha que está na hora de parar de agir como um adolescente desnaturado? 

- Qual é Jungkook, virou meu pai agora? não preciso de ninguém estou muito bem assim! - Franze o cenho olhando para as ruas movimentadas. realmente se irritava com as exigências de seu amigo, sem tirar de sua família também. 

- Aish cabeça dura! quero sobrinhos... - Dita já sabendo que possivelmente irá levar um bela bronca de seu Hyung

- Pois então peça para seu irmão, ou faça-os você mesmo! - Retruca sério fazendo o moreno soltar um sorriso alegre, resultando de um Jimin revirando os olhos.

... 

Após estacionar no estacionamento do Hospital, entrou na sala de espera já sendo atendida por um sorriso da funcionária. 

- S/n, como vai? - Comprimenta 

- Bem e você Kyung? 

- Estou bem também, deseja ver o doutor Kim, certo? 

- Sim!

- ele no momento está na sala de pediatria, pode esperar ele aqui se quiser... 

- Não, Tudo bem, eu vou até lá. - Sorri já indo até o elevador

S/n já era bem conhecida ali, a cada corredor que passava era recebida com um Oi, eram tantos tempos indo até lá para cuidar de sua filha, que se familiarizou.

olhou o médico pelo vidro da sala, ele estava com seus óculos preto de grau, cabelo levemente platinado, seu jaleco branco impecável, e um fato que a fez rir foi que ele estava com nariz vermelho de palhaço, pelo oque a morena via pelo vidro, a criança iria tomar Injeção. foram alguns minutos de palhaçadas até Finalmente escutar o grito, mas que logo foi compensado por um pirulito em forma de coração. 

O Kim sorri após ver que estava sendo observado, faz um gesto com as mãos para que a mulher esperasse, pois o mesmo estava assinando a caderneta da criança e ela apenas assenti. 





Notas Finais


está aí eeeeeehhhh
ain como amei escrever ❤
( Eu falei que as coisas iriam mudar)
Eu espero que gostem❤
desculpe algum erro!

~ Não Seja Um leitor fantasma abiguinhu ~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...