1. Spirit Fanfics >
  2. Minakushi uma história nunca contada >
  3. Ela Pode Morrer

História Minakushi uma história nunca contada - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Esse capítulo vai ser foda só isso que eu tenho a dizer.
Obrigado a todos que tem lido e comentado,espero que estejam gostando.
Entãoooo Fiquem com Capítulo ❤️

Capítulo 20 - Ela Pode Morrer


Fanfic / Fanfiction Minakushi uma história nunca contada - Capítulo 20 - Ela Pode Morrer

Fugaku então em um ato de raiva e desespero, pega Minato pelo colarinho e diz.

Fugaku: A culpa é sua,seu idiota,prepotente. A cada palavra ele subia um pouco mais a mão indo lentamente em direção ao pescoço do loiro,mas antes que algo pior acontecesse Jiraya intervém dizendo. 

Jiraya: Se acalme Fugaku,foi um erro do time em geral. Então ele solta o loiro e diz.

Fugaku: Não sensei,mais uma vez a prepotência e a sensação de intocável do Minato fere alguem,já não bastou da primeira vez? Ele dizia chorando e vendo o loiro indo em direção a Mikoto,então ele a pega no colo e sai no máximo de sua velocidade sem dizer nada. 

Minato pegou a amiga e saiu,ele corria no máximo de sua velocidade,deixando os outros para trás,que também saíram assim que viram o loiro indo em direção a Konoha, mas ele era infinitamente mais rápido que que os dois.

Após aproximadamente três horas correndo ele avista os portões de Konoha,e vai cada vez mais rápido,ele adentra aos portões de Konoha e vai direto para o hospital, e por extrema coincidência quem estava lá retomando as atividades era Tsunade,que de imediato leva ela e Minato vai atrás respondendo algumas perguntas.

Tsunade: O que aconteceu Minato?! Ela dizia de maneira rápida mas sem tirar a atenção da garota.

Minato: Nós fomos mandados em missão,para pegarmos um pergaminho de estratégias,mas era uma emboscada,e eu desviei de um ataque e ela estava atrás de mim. A loira apenas assentiu e continuou analisando os ferimentos.

Tsunade: Mas qual era a arma para ter feito tamanho estrago.  Ela dizia atenta. 

Minato: Era um jutsu,como as correntes de Kushina só que ao invés de retalhar e segurar,ela perfurava e era mais fina e não água como selo. 

Tsunade: Tá bom,agora por favor me licença,vou terminar de analisar e ela passará por cirurgia. O loiro apenas saiu sem discutir totalmente cabisbaixo,mas assim que pôs os pés para fora da sala ele caiu desmaiado. 

Após algumas horas desde após sua chegada,ele acorda e Kushina estava do seu lado,segurando sua mão e assim que ele acorda ela pula em seu pescoço. 

Kushina: Minato!! Que susto eu tomei,nunca mais faça isso está me ouvindo. Ela dizia aos prantos o abraçando. 

Minato: O que aconteceu? Ele dizia visivelmente atordoado,por ter acabado de acordar do seu desmaio. 

Kushina: Você teve um desmaio por falta de chakra e terá que ficar em repouso por alguns dias. Ela dizia com semblante sério,como se aquilo fosse uma ordem,mas Minato logo se lembra de Mikoto e desesperado pergunta a ruiva. 

Minato: Mas e Mikoto?cadê ela? Como ela está? Ele dizia visivelmente agitado e aflito. 

Kushina: Ela está em cirurgia,fique tranquilo,ela está sob os cuidados de Tsunade. Ela dizia um pouco desconfortável,pois mesmo sob os cuidados de Tsunade,ela estava correndo sérios riscos,já que a ferida estava muito feia e ela havia perdido muito sangue.  

Minato: Mas quanto eu fiquei desacordado? Jiraya-sensei e Fugaku já chegaram? No mesmo momento a porta do quarto é aberta e entra Jiraya e Fugaku. 

Fugaku: Onde está Mikoto? E por que você está aí ? Ele diz ainda muito irritado apontando para Minato. 

Minato: Mikoto está em cirurgia e eu tive um desmaio por ter esgotado meu chakra. Ele dizia em tom sério. 

Fugaku: Kushina pode deixar eu conversar com Minato a sós. Ele dizia Ago a mais calmo,e agora estava com a voz tanto quanto mole,como se fosse chorar. 

Kushina: Tudo bem,estou aqui fora. Ela diz olhando para Minato e logo se vira encarando Jiraya e Fugaku.

Fugaku: Você sabe qual o estado dela? Ele dizia tanto quanto aflito e ansioso. 

Minato: Antes de eu desmaiar eu a deixei nas mãos de Tsunade-sama,mas quem sabe mais dos detalhes é Kushina que conversou com Tsunade-sama antes de entrar na sala. Ele dizia com tom preocupado e sério e então minato se surpreende com a atitude do amigo. 

Ao escutar aquilo Fugaku abraça Minato e começa a chorar,Minato fica na defensiva de certo modo mas se solta aos poucos e retribui o abraço do amigo,ele sabia que Fugaku não tinha dito aquilo por mal,por mais que tenha doído muito no loiro,ele sabia que era só porque ele amava Mikoto e realmente o erro tinha sido dele.  

Fugaku: Desculpa Minato,eu não queria ter dito aquilo,eu só estava com medo e com raiva pela situação. Ele diz isso enxugando as lágrimas e saindo do quarto para falar com Kushina.

Fugaku: Kushina,como a Moko está? Ele dizia nervoso e com a voz ainda embargada pelo choro recente. 

Kushina: Ela está na sala de cirurgia,mas fique tranquilo ela está sob os cuidados de Tsunade. Ela havia dito as mesmas coisas a Minato,pois tanto um quanto outro precisavam se acalmar. 

Mas nesse momento,ambos escutam passos vindo do começo do corredor,e ao olharem era Tsunade,que vinha tão em automático,que parecia estar até no modo avião,mas logo volta ao mundo real encarando os dois com uma expressão nada boa. 

Fugaku: Como ela está? Ele perguntou de modo tão rápido que não tinha dado tempo para ela dizer algo,mas logo disse o que já iria dizer,vendo a preocupação do moreno. 

Tsunade: Bem... A cirurgia foi bem,porém ela ainda tem chances de morrer,afinal ela perdeu muito sangue e alguns órgãos sofreram um dano muito severo. No momento ela está em coma induzido e entubada para nós tentarmos mantê-la estável,para que ela não tenha nenhum risco de ter alguma para cardiorrespiratória já que o esôfago dela foi uma das partes mais afetadas,se me dão licença eu vou contar aos pais dela como foi a cirurgia. Ela disse como se fosse um robô e estivesse no automático e como se também estivesse processando a informação que ela acabara de falar. 

Ouvindo isso Fugaku ficou paralisado,ele estava atônito com tudo aquilo, porque se mesmo com o ninjutsu médico da Tsunade,ela aí da corria todos esses riscos então o estrago tinha sido pior do que todos imaginavam. 

Kushina saiu e adentra novamente o quarto com lágrimas nos olhos,já Fugaku saiu do hospital chorando e foi até sua casa. 




                       Continua.......








Notas Finais


Caramba esse capítulo foi tensoooo,e coitado do minato ainda nem sabe a verdade imagina quando souber vai ficar se sentindo culpado mas isso fica pra amanhã.
Obrigado a todos pelo apoio,espero que tenham gostado.
Até amanha❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...