História Minha amada "Neko" - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Denki Kaminari, Eri, Iida Tenya, Itsuka Kendo, Katsuki Bakugou, Kyoka Jiro, Midoriya Izuku (Deku), Momo Yaoyorozu, Muscular, Personagens Originais, Ryuko Tatsuma (Ryukyu), Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki, Tomura Shigaraki, Tsuyu Asui
Tags Female Master, Midoriya X Neko
Visualizações 125
Palavras 2.235
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fluffy, Hentai, Lemon, Shounen
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom! Eu tirei essa história de um hentai que uma amiga me mostrou, mas, não seu o Author, original, mas, qualquer mérito vai pra ele.

Capítulo 1 - Capítulo único.


Pov's Shino Sosaki On


QUE!? - Gritei incrédula para minha amiga Ryuku, ou Pixie-Bob - Ficou louca!? Eu não posso fazer isso!!!


Claro que pode! - eu corei com o que ela falou - você já não “joga xadrez” - ela disse nosso código secreto, para fazer sexo - a mais de sete anos! E ele vai vir para aqui, por cinco dias! Imagina cinco dias fazendo sex… “Jogando xadrez”


Ah, vai caçar marido! - Eu falei irritada, com vergonha, e imaginando as cenas


Se fosse tão fácil - ela falou rindo da minha cara.   


Mandalay Off


Pov’s Midoriya Izuku On


Termino de arrumar minha mala, e começo a andar em direção a cozinha. Amanhã eu vou voltar para o acampamento de treinamento, pois vou visitar o Kouta-kun.


Quando chego na cozinha, vejo, Lida e Todoroki, soando frio, e todos os nossos outros colegas vidrados na televisão.


O que houve? - eu perguntei, e todos parecem me ignorar. Então, decidi olhar pra televisão, e começo a suar frio. A manchete dizia “Endeavor mentiroso, três alunos da U.A derrotam Stain!”


Flashback On.


Todoroki, mandou uma mensagem falando qual sua localização, estou indo até lá, ele jamais faria isso aleatoriamente.

Deku off


Pov’s Author Omnisciente On


Midoriya, usando seu Full Cowling em 12% chega em um beco, e vê tanto Lida, quanto Todoroki, paralisados no chão, e um herói, na parede também paralisado, Stain, perto de assassinar, Lida. Midoriya, avança e um velocidade, quase não perceptível ao olho humano, e então.


ARGH! - Stain, recebeu um soco tão forte no rosto, que fez ele sair voando e bater na parede, destroçando a mesma.


Vocês estão bem!!? - Ele pergunta para seus amigos, mas, Todoroki, ignora e logo diz.


Midoriya, ele ingere o sangue, e então paralisa suas vítimas! - Todoroki, fala a individualidade de Stain, - Cuidado!


Uma faca, vôou em direção ao rosto do Esverdeado.


A faca, atravessaria a cabeça de qualquer ser humano normal, mas, ela se quebra ao bater de frente com o rosto do esverdeado.


Quando Midoriya, olha na direção do assassino de heróis, ela já está a centímetros dele, quase o perfurando com uma espada.


Stain, acerta a katana, no pescoço do menino esmeralda, que, intacto, devolveu o soco de Stain, com um soco no estômago, que fez ele bater em uma lata de lixo.


Só isso? - Midoriya, se aproxima do assassino de heróis, que tenta se levantar, mas, sente que foi paralisado.


Midoriya, usando a individualidade de sua amiga, a qual tem uma amizade bem colorida, Kaminari, e dá um choque muito forte no vilão, o fazendo ficar paralisado, então, Midoriya, faz se punho ficar com 30% do One for All, e desfere um soco, contra o estômago do vilão, que desmaia.


Lida, e Shoto, mal conseguiram segurar o vilão, já Midoriya, o derrota com uma facilidade de dar medo


O grande assassino de heróis, Stain, derrotado com tanta facilidade.


Flashback off


Todos olhavam os três alunos, que estavam estagnados “como a polícia deixou isso vazar!!” É o que os três garotos pensam, Aizawa, está prestes a voar no pescoço de seus alunos, mas, muda de ideia quando, a televisão diz isso


Mas, o pior! É Midoriya Izuku! - todos viram o rosto para a televisão - que não apenas, escondeu a informação de que praticamente sozinho e facilmente derrotou Stain, também, fora descoberto que vilões, como Muscleman, Gentle, Lê Blava e Carnificina, também foram derrotados por ele, não só isso! Como aparentemente, ele fora um dos cinco responsáveis pela queda tanta da Yakuza, quanto da liga dos vilões. - na cabeça do esverdeado apenas se passa uma musiquinha “♬vou processar, vou processar ♬” All Might, que também está no recinto, cospe sangue, Bakugou, parece que vai avançar no pescoço, do Esverdeado. Midoriya, Todoroki e Lida, se entre-olham, e suspirou pesadamente, apenas esperando.


Aizawa, olhou  para seus alunos, principalmente para Midoriya, e ”disse” - COMO É QUE É?


(...)


Midoriya, tem que enfrentar um belo castigo assim que voltar para sua casa, ele irá virar herói profissional em uma semana! Isso não cairá bem.


Midoriya, chega na instalação das Wildcats, chegando lá, duas pequenas figuras vem em sua direção.


Mestre/Pai! - os dois pequenos disseram ao mesmo tempo, e pularam no pescoço do Esverdeado, o abraçando, logo sendo retribuído.


Os dois pequenos são, Kouta e Eri, Midoriya, prometeu treinar, Kouta, assim que os pais dele foram mortos, e ele é praticamente pai de Eri, só não é literalmente, já que não pode adotar ainda, mas, fará isso em pouco tempo.


Oi! Como estão? - os dois disseram em uníssono


Bem! - e então saíram dos braços do maior.


Pai! Vem! Eu quero te mostrar os desenhos que fiz! - A pequena Eri, puxava o braço direito do maior


Não! Eu quero mostrar meus movimentos de luta! - O pequeno Kouta, puxava o braço esquerdo do maior.


Calminha vocês dois! - Sosaki, interrompeu os dois - vocês têm tempo para fazer tudo, agora vão terminar seus deveres, eu quero falar com o Midoriya - os dois menores, saíram de lá, cabisbaixos.


Olá, Mandalay, tudo bem com você? - a “neko” confirmou, mas, seu olhar simpático, logo muda para curiosidade.


É verdade? - Midoriya, ficou confuso - o que disseram ontem no noticiário - Midoriya, suspirou pesado, e afirmou. Mandalay, ficou irada. - o que você fez foi, irresponsável! Egoísta! Burro! Precipitado! - cada adjetivo é um cascudo - E! E… E heróico - ela disse se retirando do local. Os dois menores voltaram, correndo.


(...)


O dia fora maravilhoso, para Midoriya, seu pupilo e sua “filha” foram de modo fofo uns demônios.


A tela do celular do Midoriya, se acende, indicando, que chegou uma nova mensagem. Ele pega e olha, e vê que é da própria Mandalay.


Mandalay:“Midoriya, venha no meu quarto, eu preciso de um favor seu”

00:13


Estou indo: Midoriya

00:13


Midoriya, se levanta, vestindo uma longa calça branca de dormir, e uma camiseta, preta. Ele vai até o quarto da “neko” que está acesa, ele abre, e vê Sosaki, usando uma blusa grossa de algodão, que cobre seu pescoço, e uma saia preta.


Posso ajudar? - Midoriya, pergunta para Shino.  


Sim, pode - A “neko” aceitou a ideia da amiga. - sabe, desde que eu adotei Kouta, a cerca de sete anos, eu não mais… “joguei xadrez” - ela fez aspas no ar, Midoriya, ficou confuso - e sabe, seu professor, me pediu, que eu te punisse, enquanto você está aqui - Midoriya, suspira pesado.


Então, você terá que fazer sexo comigo - Midoriya, tenta raciocinar o que acabou de ouvir.


O-oi!? Como é isso aí!? - Midoriya, perguntou exasperado.


Isso mesmo - Mandalay, disse.


A-acho melhor não - Midoriya, diz, e Mandalay, fica um pouco desesperada.


Ah, vamos! Por favor, eu preciso! Eu não faço isso a quase oito anos! Você não sabe!? Eu te ensino - Mandalay, começou a despejar, Midoriya, ri um pouco.


Não, não! Eu não sou virgem, na verdade pelo contrário - ele sussurra essa parte para ele mesmo, se lembrando de quando transou com Kaminari… e com Todoroki… E Bakugou, e Tsuyu, Jirou, Momo, Kendo, Nacune, Midnight, Tangela… E só - mas, eu perco o controle, quando… Você entendeu


Ah, só por isso? - Mandalay, riu um pouco, é muita sorte, já que ela gosta de ser dominada.


Você não entendeu - Midoriya, tenta argumentar, mas, é interrompido.


Midoriya, eu estou com tesão, com muito tesão, então, eu não dou a mínima - A “neko” atacou os lábios do esverdeado de modo desesperado, Midoriya, retribui o beijo, e então diz.


Eu te avisei - ele puxa Mandalay, pra cima, que entrelaça as pernas no quadril do garoto, que a segurou pelas coxas. O beijo é quente e molhado, os seios da mulher estão sobre o peitoral malhado do garoto, a mulher tira a camisa do garoto.


O menino a coloca na cama, os beijos, e a mão boba da garota, já está enlouquecendo o garoto, que retira a blusa, da “neko” e vai descendo os beijos, e deixando belos chupões pelo pescoço da menina, Midoriya, sente o bico do peito da neko, duro, então, ele abocanha, o seio da mulher, que geme em reação a isso, ele dá chupões lá, aproveitando o leite da gata.


Mandalay, já está sentindo a ereção do rapaz, então, ela trata de começar a descer, a calça dele, Midoriya, ainda dando pequenas mordidas, nos seios da menor, que está gostando muito disso.


Midoriya - Mandalay, diz, e o esverdeado a olha - quero que prove meu outro tipo de leite, Midoriya, sorri, e fica de joelhos na cama, retirando, a saia da gata, que não usa calcinha, o dando visão da maravilhosa vagina da menor, que já está lubrificada, então, ele se ajeita no meio das pernas da menor, ele dá um último olhar de sanidade,  e Mandalay, percebe que não vai conseguir parar… E nem de longe ela quer.


Midoriya, abocanha a vagina,  da menor, que solta um gemido, caloroso, Midoriya, começa a passar a língua por toda e extensão, da menor, enlouquecendo a mesma


Ahh - Midoriya, começa a lentamente enfiar a língua na vagina da garota, arrancando mais gemidos dela.


Mandalay, está enlouquecendo, o garoto, está fazendo isso tão lentamente, que faz a gata sentir cada centímetro de sua vagina, ela mal começou, e já quer gozar. Midoriya, retira, a lingua da vagina da menor, que dá um gemido de contragosto, e então, Midoriya, enfia toda sua língua, de uma vez.


AH - Um gemido de surpresa, então, Midoriya, começa a brincar com a vagina da gata - Ah, AhhhAAmh, Você faz isso mu… Muito bem!, - então a gata goza, na boca do maior, que engole de uma vez.


Midoriya, então, sem esperar mais, tirou sua calça, e não precisou tirar sua cueca box, para que a gata tivesse visão do pênis ereto, do garoto, que bate no joelho do mesmo, ela fica de boca aberta, e quando o garoto tira a cueca, o pênis do menino, bate no umbigo da gata, ignorando os quase trinta centímetros de diferença.


É melhor ficar de quatro, - a gata, ainda olha o pênis do garoto - confia em mim, é melhor, pra você. - a gata obedece a dica do maior, e fica de quatro.


Midoriya, tem visão das duas entradas da gata, então, ele segura seu pênis, e encaixa na vagina de menor, ele vai enfiando lentamente, a gata geme sem abrir a boca.


O pênis do garoto, parece nunca acabar.


18 centímetros: Mandalay, segura seus panos com tanta força, que os rasgou.


22 centímetros: o corpo da gata, quer que o invasor saia de lá, mas, a sensação é tão inexplicável, que a gata não faz nada.


26 centímetros: a gata já geme, e o maior ainda nem começou a se mover.


Aos 28 centímetros, a gata, segura o pênis do garoto, impedindo que entre mais, nada tão grande já entrou na garota, o ato da mulher, incomoda, o garoto, que prende o braço da mulher, nas costas da mesma, e por garantia, ele faz o mesmo com o outro braço, prendendo os braços, da mulher, a impedindo de fazer algo. Ela fica com o rosto no colchão.


O Esverdeado, enfia os 31 centímetros, a mulher, já está respirando rapidamente. O garoto, se aproxima do ouvido da mulher, o mínimo movimento no pênis do garoto, já faz a mulher gemer alto.


Você vai amar isso - ele sussurra, no ouvido da gata.


Midoriya, volta a sua posição, original, e começa a se movimentar, mas, não pra frente e pra trás, mas, fazendo círculos, quase rebolando, a mulher, ama a nova sensação, o pênis do garoto, rodando na vagina da mulher. A mulher já geme alto, e o garoto, ainda nem, começou a se mover para trás.


Ele, depois de um tempinho fazendo aquilo, começa a ir para trás, e pra frente, ainda lentamente, sempre que falta cinco centímetros para o pênis entrar inteiro, ele enfia todo de uma vez, fazendo a mulher gritar.


Depois de um tempo, o garoto, começou a se movimentar rápido, fazendo a mulher gritar.


A cama rangendo, o esverdeado gemendo, e a mulher gritando, é o único som que ecoa pelo quarto.


A mulher goza, no escroto do garoto.


Eu vou gozar! - Midoriya, diz, e Mandalay, que já está próxima, de mais um orgasmo.


Go… Goza em mim! - o último centímetro de sanidade. Retirou  o pênis da vagina, e voou nas costas da mulher, que gozou novamente, no escroto do garoto.


(...)


Mandalay, está, no box, se lavando, enquanto o esverdeado, está na jacuzzi, com água até o nariz, respirando por guelras.  


Desculpa - Midoriya, disse, quando Mandalay, saiu do chuveiro, com as pernas um pouco bambas - eu perdi o controle… De novo.


Mandalay, dá uma risada baixa - bom, eu não te desculpo, pois, foi uma das melhores noites da minha vida. - Midoriya, cora. - agora, me dá uma ajudinha, eu vou cair.


(...)


Cinco anos depois.


Shino, depois de mais uma noite com o seu noivo, Midoriya, acaba de receber uma ótima notícia.


Midoriya, Midoriya - ela balança seu noivo, o atual símbolo da paz, que acorda, e olha pra ela.


O que houve? - ele pergunta se sentando na cama, a noiva, faz o mesmo.


Eu preciso te dizer uma coisa… - ela olha para baixo, imaginando as possíveis reações do seu amado. Ele segura na mão da mais velha, com um sorriso. Então, ela sorri e diz - eu estou grávida



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...