História Minha Dançarina Perfeita - Capítulo 27


Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Annie Leonhardt, Armin Arlert, Connie Springer, Eren Jaeger, Historia Reiss, Jean Kirschtein, Mikasa Ackerman, Sasha Braus, Ymir
Tags Annie X Armin, Aruani, Policial, Romance
Visualizações 99
Palavras 1.150
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Para vocês não ficarem confusos:

Annie e Armin se conheceram entre março e abril. Entendo que o tempo está passando muito rápido, mas se acostumem , é que eu não gosto de relacionamentos que se avanção em tão pouco tempo ( nada contra, eu só não gosto) por isso tento passar o máximo de messes possíveis, para entenderem que annie e armin convivem entre si por muito tempo. Bom isso.

Boa leitura!!!

Capítulo 27 - Mau entendido!


Fanfic / Fanfiction Minha Dançarina Perfeita - Capítulo 27 - Mau entendido!

             Pov Armin:

Já está fazendo praticamente um ano que eu e Annie estamos juntos e confesso.

Esses estão sendo os meses mais felizes da minha vida!


Acordo e olho para Annie.


Acho que olhá-la enquanto dorme já virou habito.


Ela estava abraçada no seu travesseiro com um sorriso bobo no rosto enquanto dormia.


Que fofa!


Me aproximo dela e aliso a sua bochecha. Ela abre os olhos lentamente e olha para mim.

- Vai ficar todo dia me olhando enquanto durmo? - ela pergunta fechando os olhos.

- Vou! Você fica linda quando está dormindo. - falo e ela ri.

Ela se senta na cama e se espreguiça.

- Acho que vou fazer omelete hoje, ou você quer outra coisa? - ela pergunta se levantando e olhando para mim.

- Não! Gosto do seu omelete. - falo sorrindo.

Ela segue em direção a cozinha e eu me levanto e vou em direção ao banheiro.

Faço minhas higienes e sigo em direção a cozinha e vejo Annie quebrando os ovos em uma tigela.

- Armin você pode pegar o orégano na geladeira para mim por favor. - ela fala ligando o fogo.

Vou em direção a geladeira e pego o saquinho de orégano e lhe entrego.

- Obrigada! - ela fala e eu aproveito sua distração e bato no seu traseiro.

- Ai! Seu ... - ela morde a língua e respira fundo.

- Te amo também meu lírio! - falo sorrindo para ela.

- Não entendo essa mania que vocês homens tem de bater na nossa bunda. - ela fala colocando o omelete no prato.

- Simples! É gostoso bater e deixar marca! - falo e ela cora.


Você não entende que eu faço tudo isso só para te ver nervosa Annie?


                      ...

Eram 19:40 combinei de pegar a Annie assim que ela saísse do trabalho, já que eu vou sair mais cedo hoje.

- Fala Armin! - escuto a voz do Eren na porta e olho para a mesma o vendo encostado na parede.

- Eren que surpresa te ver essa hora, geralmente você sai ás 18:45. - falo deixando o relatório que eu estava finalizando de lado.

- Quis ficar para te contar uma surpresa. - ele fala se sentando na cadeira á minha frente.

- Que surpresa? Não me diga que engravidou alguém? - falo sorrindo com sarcasmo.

Ele olha para mim e sorri .

- Não me diga que? - falo espantado.

- É tio Arlert, o machão aqui vai ser papai. - ele fala sorrindo.

- Quem você engravidou seu mulherengo? - falo sério.

- Avisa a Annie sobre isso, Mikasa quer convidá-la para o chá de bebê quando ela fizer oito meses. - ele fala calmamente.

- VOCÊ ENGRAVIDOU A MIKASA? - Grito espantado.

- Ei, ei, ei abaixa a voz! - ele fala balançando as mãos. - Sim! Nós estamos bem ansiosos pela descoberta, Mikasa principalmente.

- Ainda não me caiu a fixa de que você está calmo com isso, se me lembro bem sua preocupação sempre foi de engravidar alguém. - falo o olhando desconfiado.

- Pessoas mudam Armin, Mikasa me ensinou isso. - ele fala e eu fico de boca aberta.

- Quem é você e o que fez com o Eren que eu conheço? - pergunto olhando para ele surpreso.

- Muito engraçado Armin! - ele fala rindo sem vontade.

- Bem ... Meus parabéns papai! Espero que a Mikasa te deixe assim manso para sempre. - falo e ele revira os olhos.

- Obrigado! Mas e você? Quando vai engravidar a loirinha? - ele pergunta sorrindo desafiando-me.

- Não começa Eren! - falo fechando a cara.


Não se pode nem brincar mais!


                      ...

Eu já tinha buscado Annie no trabalho e ela propôs fazermos um passeio pelo parque para relaxarmos um pouco.

Também contei a ela sobre a gravidez de Mikasa e ela ficou muito feliz pela amiga, mas disse que quando visse o Eren o mataria.

Coloquei uma calça jeans uma camisa branca, um casaco xadrez azul e um ténis preto com azul.


Annie estava linda como sempre!


Ela usava uma calça jeans, uma blusa branca, um casaco social preto e uma bota marrom.

- Armin esqueci o meu celular já volto! - ela fala correndo em direção ao elevador.

Me encosto no meu xodó e espero Annie voltar.

- A quanto tempo Armin! - escuto a pior voz do mundo.

- O que você quer Carly? - pergunto me virando para ela.

- Conversar, olha eu sei que fui rude com você, reconheço o meu erro, mas foi um momento de raiva, eu fiquei louca quando você me disse que estava namorando aquela...

- O nome dela é Annie! - falo sério.

- Eu não me importo com o nome dela, só quero que você me dê uma última chance . - ela fala se aproximando de mim.

- Carly quando você vai entender que eu amo a Annie? - falo a olhando com repreensão.

- Eu sei que você sente saudades de mim, dos nossos momentos juntos, das nossas noites de amor, do meu beijo ... - ela fala agarrando a minha camisa e me puxando, em seguida ela beijando.

Tento empurrá-la, mas ela segura a minha nuca me forçando a continuar com a boca na sua.

- Estou atrapalhando?


Meu senhor por favor não!


Impuro Carly com força e olho para Annie.

Seu olhos estavam com lágrimas, mas seu semblante era sério.

- Annie! - falo e ela limpa as lágrimas que escorriam dos seus olhos.

- Desculpe por ter os interrompido! Podem continuar. - ela fala correndo em direção ao elevador.

- Annie espera! - falo me preparando para correr atrás dela.

Mas sinto Carly segurar o meu braço.

- Deixa ela! - ela fala.

- ME SOLTA! - grito e ela solta o meu braço com medo.

Corro em direção ao elevador, mas ele já tinha subido, sigo em direção as escadas e subo o mais rápido que consigo.

Cheguei no meu andar quase morrendo por culpa da asma, mas abro a porta e corro em direção ao nosso quarto, mas não à vejo então sigo em direção ao seu antigo quarto.

- Annie! Annie por favor me deixa entrar! - falo me ajoelhando na porta.

- ME DEIXA EM PAZ! - ela grita e pela sua voz ela está chorando.

- Annie, meu lírio por favor vamos conversar! - falo sentindo as lágrimas caírem dos meus olhos.

- Nunca mais me chame assim! - ela falou e senti a tristeza na sua voz.

- Minha vida por favor não chore, não gosto de te ouvir chorando. - falo abaixando a cabeça.

- Sai daqui Armin! SAI DAQUI! - ela grita e me levanto.

Caminho em direção ao nosso quarto e me jogo na cama e abraço o seu travesseiro deixando minhas lágrimas o molharem.


Isso não pode estar acontecendo!


Pov Armin off.



Continua...

   


Notas Finais


Desculpem eu sei! Carly é uma galinha. Desculpem mesmo, mas a historia precisa de um clima dramático. Mikasa grávida hen?! Não digo nada.

Bem... Até segunda!

Obrigada por lerem!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...