História Minha Doce Submissa (Imagine Justin Bieber) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Austin Mahone, Bella Thorne, Justin Bieber, Miley Cyrus
Personagens Bella Thorne, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Justin Bieber, Miley Cyrus
Tags Amor, Drama, Justin Bieber, Romance, Sexo, Submissão
Visualizações 94
Palavras 783
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii :3

boa leitura😝

Capítulo 6 - Vivendo com o Inimigo


Fanfic / Fanfiction Minha Doce Submissa (Imagine Justin Bieber) - Capítulo 6 - Vivendo com o Inimigo

Uma Semana Depois

Já se passou uma semana que eu o vejo muito pouco. Parece que ele teve o que quis e sumiu.

Meu corpo ainda está com algumas marcas daquela noite. Miley me pergunta sempre sobre isso e quando eu pergunto sobre os seus "brinquedos" na sala, ela fica bravinha.

— Que cheiro é esse? .-digo.

— Que cheiro? .-ela disfarça.

Cheguei mais perto. Peguei seu pulso.

— Você me prometeu, que ía parar de fumar!

Ela revira os olhos.

— Qualé Cyrus, você ficou quase dois anos na clínica! Mais uma vez quebrou sua promessa.

— Você me conhece, sabe que não tem jeito.

— É. Não mesmo.

Subi pro quarto. Peguei minha mala, guardei minhas coisas e desci.

— Aonde vai?

— Sair desse lugar. Não quero viver com minha irmã, fumando maconha.

Saí pela porta, fui até o ponto de ônibus.

— Ei, gatinha, quer ajuda? .-Diz Austin.

— Ah, dá um tempo.-digo revirando os olhos.

O ônibus chega, ele segura meu pulso, pega uma das malas.

— Ele quer te ver.-ele diz me puxando.

— Quem? .-digo, sem entender.

— Seu chefe.

{...}

Depois de entrar no carro de Austin, fomos até a casa de Bieber.

O caminho estava um pouco livre, atravessamos a cidade e finalmente chegamos a grande mansão.

Desci do carro e já vi Bieber na varanda de um dos quartos.

— Vem.

Segui Austin, ele levava minhas duas malas.

Antes de bater na porta, Bieber já veio abrir a porta.

— Olá princesa.-ele diz, sorrindo.

Sorri fraco.

— Soube que brigou com sua amiga.

— Como ficou sabendo?

Ele sorri, mas não responde.

— Bom, provavelmente não tem mais para onde ir, pode ficar aqui. A casa é grande demais pra uma só pessoa.

— Não, não seria uma boa ideia.

— Não vai ter problema nenhum ficar aqui.

— Jaxon! Eu vou te arrebentar seu merda! .-Jazzy irmã de Bieber, desce as escadas gritando.— Oh! (S/n) finalmente mais um mulher nessa casa.-ela diz sorrindo e vem até mim.— Vem! .-ela pega uma das malas e puxa pelo pulso.

— E-Eu..-ela me interrompe.

— Só vou lhe dizer uma coisa. Justin pode ser todo durão, machão, mas ele tem um bom coração.

Sorrio.

— Jazzy! .-o outro aparece.

— Ignora, essa casa tem uma família bem maluca.-ela diz sorrindo.

Jazzy deixou minhas malas no último quarto, ao lado do dela e foi atrás de Jaxon.

QUEM MANDOU ENTRAR NO MEU QUARTO, SUA MALUCA? .-ele gritava.

Os dois discutia na escada. Fui até a porta, só para escutar.

— Chega! Os dois para o quarto, até EU mandar sair! .-Bieber dizia bravo.

Entrei no quarto, fui ao banheiro, fiz minhas higienes, saí dando de cara com Justin arrumando minhas coisas.

— O que está fazendo?

— Arrumando suas coisas.-ele diz sorrindo.— Adorei as lingeries.

Tirei de suas mãos.

— Pode deixar, que eu termino.

Ele sorri de canto e saí.

{...}

Mais tarde, antes de jantar, escutei gritaria, com vozes de homens e uma ou duas mulheres, elas gritavam.

Desci para saber o que estava acontecendo, Bieber me deu olhada que me fez sentir medo. Iria subir, mas as duas moças me chamam.

— Moça.. Por favor! Nos ajude.

Bieber me olhava, como se dissesse “não faça nada.”

— Moça..

Estiquei minha mão para levanta-lá, escutei um estouro de arma. Fechei meus olhos, para não ver o estrago.

— Vá para o seu quarto.-ele diz.

Me virei e corri. Entrando no quarto, tranquei, fui ao banheiro e acabei vomitando de tão nervosa que fiquei.

— E-Ele matou.. Sem nenhum motivo.. Não posso ficar aqui.. Não depois disso.-digo a mim mesma.

Escuto batida na porta.

— Abre a porta, por favor..-ele diz, batendo suavemente na porta.

Saio do banheiro.

— Me deixe explicar..-ele diz baixo.

Fiquei quieta.

— E-Eu..-ele tenta dizer, mas faz uma pausa.— Vamos jantar fora? Te conto tudo que precisa saber.. Não precisa ter medo.

Não respondo. Ele bate com força, me assusto e me afasto da porta.

— Tudo bem. Não vou lhe obrigar a nada, mas desça para poder jantar.. Irei pedir algo, os dois adolescentes são quebrando a cozinha quase.-ele diz e escuto soltar um riso baixo.

{...}

Fui tomar um banho longo, ao terminar coloco um moletom e uma calça de moletom, abri a porta do quarto e desci em silêncio.

Chegando na sala, Jaxon e Jazzy estavam assistindo tv, Bieber não estava por ali. Mas, tinha uma mulher limpando a pequena poça de sangue.

Andei até a cozinha, peguei as panelas, ingredientes e comecei a preparar o jantar.

Minutos depois, os dois aparecem sorrindo.

— Hmm.. Que cheiro delicioso! .-diz Jaxon.

— Receita brasileira.-digo sorrindo.

— Nunca comi, comida brasileira.-diz Jazzy.

— Vocês vão amar.

Ao terminar, arrumei a bancada, coloquei as coisas em cima.

— Pronto! Devorem.-digo sorrindo.

Justin apareceu com duas pizzas em mãos.

— Olha a pizza! .-diz, entrando na cozinha.

O olhei com os olhos arregalados, gelei.

— Oh, fez janta? .-ele diz sorrindo.

Nem parece aquele maluco, que atirou em duas mulheres mais cedo.

— E-Eu fiz.. Não achei que íamos comer pizza, então fiz uma comida brasileira bem simples.

Ele sorri.

— Está com um cheiro ótimo.-ele diz sorrindo.


Notas Finais


BIEBER ESTÁ NOIVO, MEU DEUSS😍😍

tudo bom?

até a próxima :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...