História Minha entrada para o mundo dos doramas - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Ji Soo Kim, Jung Woo, Lee Jong Suk, Park Seo-joon, Park Shin Hye, Yoo Seung-ho
Personagens Ji Soo Kim, Lee Jong Suk, Park Seo-joon, Park Shin Hye, Yoo Seung-ho, Yoon So Hee
Tags Doramas, Romance
Visualizações 21
Palavras 554
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem deste capítulo,e não se esqueçam se deixar a vossa opinião nos comentários do que estão achando Sá Fanfic e qual seria a vossa reação caso acontecesse o que aconteceu à personagem, e ignorem a parte dos reais e Wons, mesmo sendo moedas diferentes, não vou abordar a troca da moeda

Capítulo 5 - Capítulo 5


- (ENG)  De qualquer forma, você vai ter de pagar os 33300 Wons (110 reais)   você vai ficar aqui quanto tempo? 

- (ENG)  Sinceramente nem eu sei

(até que eu consiga ir para casa) 

- (ENG) De qualquer forma, você paga os 33300 Wons por dia, como parece que você não tem dinheiro, você me paga depois 

Eu pensando: Onde eu vou arranjar o dinheiro? 

(ENG) - As suas malas? 

(ENG) - Eu não tenho malas 

(Ele ficou com uma cara de surpreso olhando para mim) 

A única coisa que tinha comigo era mesmo aqueles 80 reais no meu bolso 

(ENG)  - Enfim, vamos para dentro (me disse com o rosto aborrecido) 

(ENG)  -Este é o seu quarto, se insta...  Ah esqueça, você não tem malas, o pequeno almoço vai estar pronto daqui a cinco minutos, então desça 

O quarto era agradável era igual aos que se via nos doramas , quando ele saiu, fiquei pensando como eu ia sair disto, eu nem sei do que poderia chamar, eu nem sei onde estou e como volto para casa, já sentia saudades da minha casa, minha família e meus amigos, será que eles estão bem?? Eles já devem ter sentindo a minha falta e devem estar preocupados, me procurando. 

Desci das escadas, para tomar o pequeno almoço,  me sentei numa cadeira desocupada, quando olhei para meu lado, reparei que quase metade dos hóspedes, eram estrangeiros como eu.  Depois de acabar de comer, sai, não sabia por onde começar, não tinha ideia de como voltar para casa, olhei para o celular "magico", porque ele me tinha trazido aqui??  Se me trouxe aqui, então deve haver uma maneira de me levar de volta. Tentei ligar o celular mas ele já não funcionava. 

Estava andando na rua, até que sem me dar conta, esbarrei me com alguém

(ENG)  - desculp... 

(ENG) - Nos encontramos novamente 

Eu reconhecia aquela vez, já a tinha ouvindo em algum lugar, olhei para ele, era o Lee Jong Suk 

 (ENG)  -Você tem que ter mais cuidado, deixou cair seu celular 

(apanhou meu celular é me devolveu) 

(ENG) -Pegue 

(ENG) -Obrigada 

(ENG) - Você quer almoçar comigo??  

(ENG) -O quê??  

(ENG)  - Confesso que no nosso primeiro encontro, senti interesse em te conhecer melhor, desculpe se estou parecendo estranho

(eu apenas cai em cima dele, como assim?  Mas olhando bem para ele, ele é muito mais bonito pessoalmente) 

(ENG)  Acho que...  Sim (eu não sabia o que dizer, mas também acho que não poderia rejeitar o Lee jong Suk) 

Fomos para um restaurante lá perto de onde estávamos, sentamos nos em uma mesa e ele fez me algumas perguntas 

(ENG) - Você veio morar aqui para a Coreia? 

(ENG) - Não,  como posso dizer??  Estou meio que aqui de passagem?  

(ENG)  - Quando você chegou? 

(ENG)  - Ontem 

(ENG) - Ah, entendo 

Depois de mais algumas perguntas,  demos um passeio por um parque ao lado, conversamos, rimos muito, e passando umas duas horas, ele me levou para "casa:" , posso dizer que me diverti muito e que fiz um amigo novo,ele relamente era muito simpático. 

(Deitei na minha cama)  amanhã terei de procurar por um trabalho para conseguir dinheiro e arranjar uma forma de sair daqui, depois de pensar em tudo acabei por adormecer. 

No dia seguinte, ouvi um barulho  alguém estava a bater na minha porta 








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...