1. Spirit Fanfics >
  2. Minha luz. >
  3. Capítulo 18

História Minha luz. - Capítulo 18


Escrita por:


Capítulo 18 - Capítulo 18


Eu e Gaara trocamos mensagens todos os meses desde que operei, faltava apenas dois meses para nos vermos e eu estava muito ansiosa para o dia chegar. Contei para ele sobre minha conversa com a Hokage e ele disse que estará comigo qual que seja minha decisão, mas que era para eu pensar bem sobre o assunto.

Voltei finalmente fazer missões, mesmo que sejam missões nível D para genins já era um começo. Três vezes por semana ajudava Konohamaru, Moegi e Udon a treinar, ia para academia ajudar Iruka sempre que podia e voltei a visitá-lo com bem mais frequência do que fazia, ele parecia contente com isso.

Era noite e Ino estava fora em uma missão então resolvi jantar na casa de Iruka.

-Olá Azumi entra. Veio jantar?-Fiz que sim com a cabeça.-Só esquentei o que havia do almoço, Naruto saiu para outra missão junto da equipe sete, então não fiz janta para eu comer sozinho.-Iruka coçou a cabeça e deu um sorriso sem jeito.

-Não tem problema, e quando ele volta?

-Amanhã pela manhã.-Iruka montou um prato de comida para mim e outro para ele.

-Ah. Tem problema se eu dormir aqui hoje? Ino também está em uma missão e não estou muito afim de ficar sozinha hoje.

Iruka riu.-Olha só quem também está carente, geralmente você gosta de ficar sozinha.

-Se não quiser que eu fique pode falar.-Mostrei língua para ele.

-Assim você me chateia essa também é sua casa nem precisa pedir para ficar. E o melhor de tudo é que amanhã é sábado e você pode me ajudar arrumar a casa.-Revirei os olhos.

-Está bem.

Depois de jantarmos fui até a lojinha do lado e comprei um pote de sorvete para nós. Sentamos em frente a televisão e atacamos o sorvete.

-E então quando seu namorado volta a Konoha?-Iruka perguntou sem tirar os olhos da TV.

-Ah, logo. Ele pretende passar a mudança de ano aqui.

-Legal, poderemos fazer um jantar de virada de ano, com meus futuros genros.

-Quem sabe com meu futuro padrasto também.-Coloquei uma colherada de sorvete na boca esperando uma resposta afiada de Iruka mas ele não disse nada. Quando o olhei ele estava com as bochechas em chamas.-Quer me contar alguma coisa?-Me virei arqueando a sobrancelha.

-N-não.

-Senhor Umino eu não nasci ontem, vaaai me contaaa.-Olhei com olhos piedosos para ele.

-Está bem, eu e o Kakashi nos aproximamos bastante desde o dia que ele me fez companhia lá no hospital quando você foi operada e...

-Espera aí, você não me contou isso.-Ele corou.-Já fazem quatro meses e você NÃO me contou, que tipo de filha eu sou para você?-Iruka gargalhou com meu drama.

Ele me contou do dia no hospital e de como Kakashi foi gentil com ele aquele dia, fiquei boquiaberta.

-E eu acho que estou mesmo gos-gostando dele. Nos encontramos praticamente todos os dia depois que saio do serviço e, com exceção dos dias que ele sai em missões,  ele me acompanha até em casa... Já pode parar de sorrir como uma boba.

-Vocês já se beijaram?-Falei o agarrando pelos ombros.

-NÃO.

-Poxa, tirou todas minhas expectativas de uma só vez. O que vocês precisam é...-Alguém bateu na porta, olhei para o relógio e já eram quatro e sete da manhã.-Quem será tão tarde, pode deixar que eu abro.-Me levantei e fui até a porta, Naruto entrou se arrastando para dentro de casa, o ajudei a entrar e ele se jogou no sofá.-Pensei que chegaria pela manhã. Quer comer alguma coisa?

-Não obrigado, eu só preciso... dormir.-Assim que terminou de falar caiu no sono.

-Acho melhor ir dormir também terminamos de conversar amanhã.

-Lá vai você de novo fugir do assunto né.-Dei lhe um beijo no rosto e acabamos todos dormindo na sala mesmo.

No dia seguinte acordei com o Naruto puxando meu cabelo aparentemente ele caiu do sofá o que não é uma novidade, Iruka ainda dormia espichado no chão com o braço jogado sobre minha barriga. Senti um calor no peito vendo aquela cena, eu realmente tenho uma bela família, esse pensamento rapidamente passou quando Naruto puxou meu cabelo com força e eu dei um grito.

-O quê foi?-Iruka acordou assustado.

-ESSE IDIOTA QUE QUASE ARRANCOU MEU CABELO.-Naruto abriu os olhos rapidamente, me soltou e voltou dormir se virando para o outro lado.-Agora me lembrei porque não podemos dormir perto um do outro, tenho dó da Hinata.

Iruka se levantou bocejando e se espreguiçando.-Já são dez da manhã vou me levantar.

-Eu também vou.

Tomamos café da manhã e começamos a faxina em casa.

-Levanta Naruto, preciso limpar a sala.-O balancei para que acordasse e ele resmungou alguma coisa.-Anda logo LEVANTA.-Fui até varanda pegar um balde com água e quando voltei ele ainda estava no mesmo lugar.-ACORDA LOGO NARUTO JÁ É MEIO DIA.-Ele se sentou e coçou os olhos.

-Não precisa gritar.

-Agradeça por eu não ter lhe jogado um balde d'água, anda me dá licença preciso limpar aqui. E seu quarto ficará por sua conta hoje.

-Meu quarto está perfeitamente limpo.

-Desde a última vez que Azumi o limpou você nem sequer o varreu, pode tomar café e começar a limpá-lo.-Naruto abriu a boca para falar algo mas deixou para lá.

Acabamos os afazeres dentro de casa e resolvemos lavar a varanda também.

-Ei Azumi.

Me virei para ver o que Naruto queria.-O que é?-Assim que fiz a pergunta ele me tacou um balde cheio de água com sabão, cuspi varias bolhinhas e Naruto caiu na gargalhada.-ORA SEU BAKA.-Peguei o balde com água que iria usar para enxaguar a varanda e fui revidar mas...

-O almoço já está pronto, quando terminarem...-Iruka entrou na frente no mesmo momento em que joguei. Naruto riu ainda mais alto e eu prendi o riso.-Ora vocês dois.-Iruka pegou a mangueira para nos molhar tentamos correr mas acabamos caindo devido o sabão jogado no chão, no final ficamos todos ensopados e com dor de barriga de tanto rir.

Tomamos um banho antes de ir comer.

-Ah é quase me esqueço. Convidei toda equipe sete para jantar aqui hoje.

-Temos que ir ao mercado então.

-Isso significa que o Kakashi também virá.-Naruto cutucou Iruka.

-Naturalmente que sim, afinal ele também é da equipe sete.-O loiro fez cara feia e voltou a comer.

-Tinha graça quando você ficava nervoso.-Ri baixinho dos dois.

Depois do almoço fomos os três ao mercado e depois fui para minha casa, mas disse que voltaria para ajudar Iruka com o jantar.

-Nossa pensei que havia se mudado para casa do Iruka de novo.-Ri com a cara de ciúmes da Ino.

-Ora você me abandonou ontem.-Fiz bico e me joguei ao seu lado na cama.

-Tive uma ordem direta da Hokage não é algo que se possa ignorar.-Ela me mostrou a língua.-Vamos fazer um churrasco na casa do Shika hoje, vai ser coisa rápida mas vai ser divertido.

-Poxa amiga eu adoraria, mas tenho um jantar marcado.

-Viu só, agora nem tenho mais lugar em sua vida.-A agarrei pela cintura e fiz cosquinha em sua barriga, sei que ali é seu ponto fraco.-Para com isso sua idiota.-Ino lacrimejava de tanto rir.

-Você é muito exagerada.

Passamos o resto da tarde deitadas conversando sobre tudo e nada ao mesmo tempo.

 

Quando anoiteceu Azumi foi ajudar Iruka com o jantar como havia prometido, levou uma peça de roupa para se arrumar quando terminassem de o fazer.

Ao terminarem Iruka foi tomar um banho e Azumi foi se trocar.

Batidas na porta, Sakura e Sasuke estavam esperando do lado de fora.-Entrem.-Azumi sorriu e eles entraram.-E o Kakashi não vem?

-Atrasado como sempre.-Sakura franziu a testa.

-Vem o Naruto está lá em cima terminando de se arrumar.-Subiram as escadas e entraram no quarto do Naruto que estava de bermuda procurando uma camisa para vestir. Azumi e Sakura sentaram na cama e Sasuke começou a bisbilhotar o quarto do Uzumaki.

-Pensei que seria bem mais bagunçado confesso, até que está bem arrumado.-Sasuke falou impressionado.

-Você tinha que ver como esta...-Naruto jogou a toalha no rosto de Azumi.-Ei.

Mesmo do quarto dava para ouvir alguém bater à porta.

-Kakashi deve ter chegado, se arrume rápido molenga.

-Tá, já vou, já vou.

Quando finalmente saíram do quarto e começaram a descer a escada se depararam com Iruka encostado na parede e Kakashi se apoiando em sua frente com um braço na parede e a testa colada na de Iruka, seus lábios estavam a poucos centímetros de distância. Todos prenderam a respiração, Naruto tampou a boca do Sasuke para que não fizesse barulho e Sasuke também tapou a boca do Naruto com sua mão, Azumi e Sakura fizeram a mesma coisa, e eles começaram a voltar cuidadosamente para trás.

-Os garotos estão ali né?-Kakashi perguntou enrubescendo.

-É... os garotos estão ali.-Iruka parecia frustrado e constrangido.-Podem descer.

Todos começaram a descer sem jeito.

Naruto:No-nossa como vocês estão bonitos hoje hein.

Sakura:A-atrasado como sempre não é Kakashi, v-você não tem jeito mesmo.

Azumi:A gente estava lá em cima n-nem reparamos que já havia chegado.

Sasuke:En-então já estamos todos reunidos, v-vamos jantar?

Falaram todos ao mesmo tempo forçando um sorriso.

 

O clima no começo do jantar ficou um pouco estranho mas depois começamos a rir e conversar sobre vários assuntos.

-Estava muito bom o jantar obrigada pelo convite, mas agora preciso mesmo ir embora,. Aliás temos um compromisso juntos não é mesmo meninos?-Sakura falou se dirigindo a porta e sorrindo para os rapazes.

-Não me lembro de ter marcado algo hoje.-Naruto coçou a cabeça na tentativa de lembrar algo. Sasuke e Sakura quase caíram para trás com a lerdeza do loiro.

-Mas você é um cabeça oca mesmo, já se esqueceu que me contou hoje de manhã que teria de ajudar a Sakura e Sasuke com aquele problema.-O empurrei até a porta para que não falasse mais nenhuma outra idiotice. Iruka estava completamente constrangido com a cena ao contrário do Kakashi que mesmo envergonhado parecia se divertir.-Eu também já vou, Ino está extremamente sensível hoje e deve estar me esperando.-Dei um beijo no rosto de Iruka e aproveitei para cochichar em seu ouvido.-Divirtam-se.-Senti suas bochechas esquentarem.-Até mais Kakashi Sensei.

-Até mais Azumi.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...