História Minha Marrenta - Capítulo 100


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Ciumes, Colegial, Romance
Visualizações 123
Palavras 663
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Ficção Adolescente, Lemon, Lírica, Orange, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura!

Capítulo 100 - Quero te falar!


Fanfic / Fanfiction Minha Marrenta - Capítulo 100 - Quero te falar!

Justin*

-E aí? -perguntei para a Emilly.

-Eu não estou grávida! -falou ela

Ao escutar isso meu coração se encheu de alivio, e ao mesmo tempo de uma tristeza horrível, eu não consegui falar nada para a Emilly, ela olhou para mim, sorriu e me abraçou.

Emilly*

Assim que eu li que não estava grávida uma sensação de alivio invadiu meu corpo, eu fiquei tão feliz com o resultado que eu não conseguia parar de sorrir...Após eu falar para o Jus que eu não estava grávida ele não falou nada, resolvi ir fazer um lanche na cozinha, pois minha barriga já estava roncando de tanta fome, chamei o Jus para ir comigo, mas ele disse que iria para o quarto fazer uns trabalhos da escola...Quando eu terminei de comer eu fui para a sala assistir TV, depois de um tempo a Lari, e o Adam chegaram e começaram assistir, e conversar comigo, quando deu 20:00 horas, eu, o Adam, e a Lari resolvemos pedir uma pizza, assim que a pizza chegou eu pedi para o Adam ir chamar o Jus no quarto, enquanto eu, e a Lari arrumávamos a mesa.

                        .....

-Cadê ele? -perguntei para o Adam assim que ele voltou para a cozinha.

-Ele disse que não estava com fome. -falou Adam se sentando.

-O Jus sem fome? Isso é no mínimo estranho! -falei

Assim que terminamos de jantar o Adam, e a Lari disseram para mim ir para o quarto, que eles lavavam os pratos, eu dei um beijo na Lari e fui para o meu quarto, chegando lá vi o Jus sentando em uma cadeira perto da janela, olhando para o céu, que por sinal estava muito lindo.

-Amor? -falei entrando no quarto e fechando a porta atrás de mim.

-Oi. -falou ele olhando par ao céu.

-Aconteceu alguma coisa? -perguntei

-Não. -falou ele ainda olhando para o céu.

-Como não? Depois que eu te disse que não estava grávida, você se enfurnou aqui no quarto, e não saiu para mais nada! -falei chegando mais perto dele.

-Não aconteceu nada, eu juro! -falou ele finalmente me olhando.

-Você sabe que pode me contar tudo né? -perguntei olhando para ele.

-Eu sei. -falou ele dando um sorriso sereno e me puxando pela mão para sentar no colo dele.

Assim que eu sentei no colo do Jus, nós começamos a olhar para o céu sem falar nada, após alguns minutos assim, o Jus olhou para mim e falou:

-Eu sei que o que eu vou falar agora pode soar um pouco egoísta, mas é o que eu estou sentindo, e eu quero te contar tudo o que se passa na minha vida. -falou Jus me olhando no fundo dos olhos. -Quando você falou que não estava grávida eu senti uma alívio, mas também senti uma grande tristeza, eu sei que você já tinha passado por uma experiência não muito boa com o Damon, e sei também que essa experiência te deixou com um certo trauma, mas mesmo assim eu queria muito ser pai de um filho seu! 

-Jus eu sei que eu tive um trauma, mas não é por isso que eu vou deixar de ser mãe um dia, eu só acho que nós somos muito novos para sermos pais. -falei o olhando no fundo dos olhos.

-Eu sei, eu sei! -falou ele. -Nós ainda vamos ter muitas chances de fazer vários filhinhos no futuro. -falei o beijando.

-Por enquanto nós podemos ir treinando! -Falou Jus me pegando no colo e me jogando na cama com cuidado.

Após transarmos eu e o Jus acabamos pegando no sono.

Justin*

Acordei com o despertador tocando, quando abri os olhos vi que a Emilly já estava quase saindo da cama, quando eu a puxei de volta e falei:

-Amor vamos faltar a escola hoje, quero ficar aqui na cama abraçadinho com você! -falei manhoso.

-Amor... -falou Emilly, quando eu a interrompi.

-Por favorzinho! -falei fazendo biquinho.

-Tá bom .-falou ela se deitando no meu peito.

 


Notas Finais


Gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...