História Minha militar durona -Kasper - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Jormungand, Jormungand: Perfect Order
Personagens Personagens Originais
Tags Jormungand
Visualizações 9
Palavras 803
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - I like black


 

Havia acabado de entrar no navio, finalmente descansar meu Deus nunca tinha pensado numa missão tão cansativa é manter ele vivo . 

Kasper se virou sorrindo, como normalmente ele fazia eu andei até ele, o admirando parecia tão lindo vê ele a noite com o mar sua pele é tão branca e a noite é tão escura eu amo o preto porque é a cor que mais combina com ele, seus olhos me desejavam parecia esplandecente , ardente o seu desejo.

Alice: eu posso tirar uma foto?

Ele sorriu sem entender

Kasper: porque?

Alice: quero guardar de recordação , você está lindo desse jeito.

Eu levantei meu celular que estava no modo avião e tirei uma foto, meu Deus eu nunca tinha pensado dele nessa forma.

Kasper: você tem sua foto agora vamos transar um pouco ?

Eu sorri 

Alice: eu sei, onde vamos? Tem alguma ideia nova?

Kasper : tenho uma idéia . Ele pegou algemas e uma chave 

Alice: me diga ? Disse feliz e animada 

Kasper: me siga . Disse ele misterioso eu amo esse seu lado, agora estou louca de vontade

Segui ele.

Kasper: Chiquita vou ficar ausente por alguma tempo, ok?

Chiquita deu uma piscada para mim: ok se divirtam um pouco ela merece, derrubou um hind E .

Ele me levou até um contêiner

Kasper : vamos fazer aqui.

Alice: Amazing, você vai me algemar?

Kasper: sim.

Eu sorri , eu nunca deixaria outri fazer isso .

Ele abriu o contêiner estava vazio, limpo mais vazio havia apenas o chão , uma barra na abertura uma lâmpada era um ambiente hostil mais eu estava tão excitada que seria interessante transar naquele local

Ele tirou a camisa mostrando seu peito para mim , que peitoral lindo passei a mão sobre ele .

Tirei minha blusa e meu sutiã, tirei logo a calça ficando só de calcinha para ele , fechei o contêiner e dei meus pulsos para ele. Que me prendeu da maneira mais sexy 

Colocou num local onde eu não podia abaixar os braços

Kasper.... Gemi .

Ele me beijou me devorando , parecia muito enlouquecedor aquilo , descendo meu corpo beijando 

Kasper: Alice, você não sabe o quanto eu imaginava você assim.

Ele tirou minha mão de cima me prendendo bem no início da barra de ferro

Olhou bem nos meus olhos , 

Kasper: eu quero entrar em você 

Alice : Kasper..... Disse praticamente querendo que ele entrasse 

Kasper: eu trouxe hoje. Me mostrando a camisinha 

Alice: Kasper eu não quero, confio em você estou tomando remédio, além de que quero sentir você dentro de mim .( Crianças é importante o uso da camisinha para não ocorrer a gravidez indesejada ou doença sexualmente transmissível)

Kasper: você é incrível.

Ele tirou minha calcinha e beijou minha entrada, pegou seu membro e entrou , enquanto abria bem minhas pernas.

Ah... Kasper 

Ele fazia com bastante força era brutal, e ao mesmo tempo da muito prazer ... Suas enroscadas estavam mais fortes até que ele gozou.

Kasper: venha vamos mudar de posição. ele me colocou numa forma de quatro só que eu estava presa no chão

Alice: Kasper... Tentei o beijar mais as correntes não me deixavam, ele se aproximou e me beijou .

Levantei minha bunda e logo ele entrou novamente, podia sentir ele entrar até meu limite meus cabelos suavam ...

Ah... Alice você é tão gostosa que parece quanto mais eu te fodo mais quero estar aí dentro .

Eu gozei meu corpo ficou um pouco mole devido aquilo, ele levantou minha bunda beijou minhas costas, entrou novamente com mais força não pude controlar meu gemido gozei novamente

Ele me levantou me tirando do chão me prendendo mais em cima beijou entre minhas pernas eu gemi já estava sem força , ele beijou subindo para os meus peitos brincando com a boca com um e massageando o outro 

Kasper não me torture....

Ele entrou lentamente, ei que maldade, ele foi bem de vagar eu gemia enquanto ele assistia minha reação ele retirou de dentro de mim me pegou a chave da algema me soltando eu o olhei não pensava em mais nada o joguei no chão e subi sobre seu membro cavalgando muito gostoso bruto e rápido até que ele gozou e eu também

Coloquei na boca, chupando ele .

Kasper: eu acho que vou lhe amarrar mais vezes .

Eu olhei brava e continuei chupando e o masturbando até que ele gozou na minha boca eu engoli e mostrei a ele o meu botão 

Alice: falta aqui .

Ele colocou dois dedos entrando com seu pênis na minha buceta 

Você .... Ah.... Ah entrou até o final suas bolas batiam aí era realmente grande e gostoso ... Dentro de mim só ele me faz senti assim .

Ele gozou tirando e enfiando no outro, no meu botãozinho há 

Ele foi entrou e depois puxou tudo até senti suas bolas batendo na minha buceta

Alice: quero seus dedos aqui também. Ele colocou sentia que quando eu terminasse ele entrou todo até desmaiei de cansaço .






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...