1. Spirit Fanfics >
  2. Minha mommy (História original) >
  3. Capítulo 4

História Minha mommy (História original) - Capítulo 5


Escrita por: BabyCamzCabello

Capítulo 5 - Capítulo 4


Point Of View Lauren

- Dinah , eu já falei que não vou mais ir para a empresa.  - falei pra pela décima vez.

- a empresa é sua, é obrigação você estar lá.  - falou Dinah.

  Nesse exato momento eu estava falando com Dinah , ela que deu a idéia de adotar uma adolescente pra cuidar da minha filha. Dinah é uma grande amiga além de ser promotora trabalhando em minha empresa.

- eu não posso mais Dinah. - falei.

- e porque não?  E a idéia de adotar uma adolescente pra cuidar de Sofia? Você parecia tão determinada.  - falou ela desapontada.

- eu adotei a adolescente, mas tem um problema.  - falei.

- qual o problema?  - perguntou.

- ela tem infantilismo. - falei e ela abriu a boca e logo soltou uma risada.

- você adotou uma menina que tem tesão em se vestir como  bebê? - perguntou Dinah não acreditando.

- não é tesão Dinah. Tenho certeza que ela nem sabe o que é isso. Ela simplesmente gosta de ser tratada como uma bebê e eu não vejo problema nisso. - falei.

- a menina está se aproveitando da sua boa vontade Lauren, que pessoa gosta de ser como bebê?  A realidade é que toda CRIANÇA quer ser ADULTO, hoje em dia crianças de 13 anos nem virgem é mais Lauren, eu e você sabemos que esse mundo tá perdido, eu não sabia que você era tão ingênua a esse ponto. - falou Dinah suspirando.

- vamos conhecer ela e você entenderá o que eu tô falando.

Sai do meu escritório com Dinah e fomos até o quarto da Camila. Bati na porta e logo Camz disse que podia entrar. Entramos no cômodo encontrando a Camila com chupeta na boca, um laço na cabeça,  um vestido rosa sentada no chão fazendo um desenho.  Com certeza quem à olhasse veria uma criança invés de uma adolescente, e como ela não era muito grande, realmente ela parecia uma criança.

- Oi mommy Lóren.  - falou Camz com a voz abafada por causa da chupeta. 

- bebê , essa que está ao meu lado é uma amiga minha. Ela se chama Dinah. - falei.

- Oi. - falou simples e voltou a me olhar com intensidade. 

- menina como você se chama? - pronunciou Dinah.

- Camz se chama Camz. Mas pra você é Camila.  - falou Camz e deu língua pra Dinah a deixando indignada me fazendo rir.

- Eu não entendi nadinha que você Falou.  - falou Dinah provocando a Camz. 

- é porque na sua cabeça deve ter uma bolinha invés de um celeblo. - falou Camz rindo da Cara de brava que Dinah fez.

- você é muito engraçada. - falou Dinah.

- Camz Sabe. - falou Camz com a língua presa entre os dentes fazendo uma careta adorável. 

- certo Camila.  a gente já vai indo. Até depois . - falei dando um beijo na testa dela e me retirando do quarto Com Dinah.  - você viu do que eu estava falando?  - perguntei. 

- ela realmente age como uma criança,  mas talvez o psicólogo mude isso certo?- perguntou Dinah. 

- não!  Eu não vou mudar ela, eu posso lidar com isso, quando ela achar que deve mudar eu estarei ao seu lado pra dar forças entende?! Eu não quero mudar ela e a torna algo que não é.  - falei. 

- tudo bem Laur, eu sempre te apoio  nas suas decisões,  essa não seria diferente.  sempre que precisar eu vou estar aqui viu. - falou ela me abraçando e eu a abracei de volta.

- tá bom. - falei.

- Agora cadê minha bolinha gostosa? - perguntou ela se referindo a minha filha.

- não a chame assim Dinah. Ela está no cercado brincando. - falei.

- vamos Lá que eu quero ver ela. - falou e seguimos pro quarto da minha bebê. 

[...]

Já se passava das 20 horas e nós três já havia tomado banho e jantado, agora estávamos assistindo um filme de animação.  Porém minha filha estava resmungando,  pois ela Queria dormir e mamar, mas eu não queria que Camz visse. Porque? Bom, porque Camz age como um bebê e pode muito bem querer fazer birra pra mamar também. 

Percebi que Camz estava muito entretida vendo TV,  então sem fazer movimentos brusco eu levantei minha blusa e meu sutiã e coloquei meu seio na boca na minha filha e na hora ela chupou com vontade fazendo meu bico doer e sem perceber eu suspirei um pouco alto chamando atenção da Camz. Assim que ela me olhou ficou um ponto de interrogação em sua testa.

- o que Sofia tá fazendo?  - perguntou ela.

- tá mamando pra Dormir. - falei.

- Ooba ! - exclamou Camila.  - Camz vai mamar também.  - falou Camila com seus olhos brilhando. 

- não,  você não vai. - falei.

- por que?  - perguntou ela já com um bico formado nos lábios. 

- porque você já é grande.- falei.

- Camz é grande mas é bebê! Camz também quer. Você tem dois seios , um é da Camz e outro da Sofia.  - falou Camz me faz rir.

- os dois são Dela. Você pode tomar mamadeira Camz. - falei.

- tá bom. - falou Camz com um bico e eu sabia que ela tinha ficado brava, mas eu não podia fazer nada certo? Certo.

Sofia dormiu e eu a coloquei em seu quarto e logo voltei pro meu. Camz já estava dormindo na cama  então desliguei a TV e fui dormir.

   [...]

  Estava dormindo tranquilamente , porém estava sentindo uma pressão em meu seio. Eu abri os olhos lentamente tendo a visão da Camila chupando meu seio bem fraco, como Ela obviamente não queria me acordar , estava apenas chupando ele leve e aquilo estava me deixando excitada,  o meu seio ficou rígido na hora e eu estava me condenando internamente por estar sentindo  excitação por um ato sem maldade da Camz.  Afinal, ela só queria mamar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...