1. Spirit Fanfics >
  2. Minha paixão secreta por Deidara-Kun >
  3. Extras: Universo alternativo

História Minha paixão secreta por Deidara-Kun - Capítulo 23


Escrita por:


Notas do Autor


Sim, eu sei, são muitos extras, só que assim é uma maneira divertida que eu retrato a fic, pra não ficar tão chato.
Sorry os erros e boa leitura.

Capítulo 23 - Extras: Universo alternativo


Deidara acorda com Tobi o chamando.

Tobi: Acorda, Deidara-Senpai, acorda! O Pain tem uma missão pra gente!

Deidara: Cadê a Kiara?

Tobi: Tá fumando maconha? Não tem nenhuma Kiara aqui!

Deidara: *pensando* C-como assim?

Tobi: Vem, vamos logo!

Eles chegam na sala, e Pain está esperando eles.

Pain: É uma missão de alto risco, pois vocês tem que capturar alguém forte para ser cobaia de um teste de selamento da 2 caudas. Vocês tem 15 dias.

Eles saem da casa, Deidara faz um pássaro de argila e sobe em cima.

Tobi: Espera, Deidara-Senpai!

Deidara: *pensando* Até aqui ele fica irritante. Sério mesmo?

Deidara: Tá bom, sobe aqui!

Passaram-se algumas horas, e eles estavam numa loja de dangos.

Tobi: Ei, Deidara, olha aquilo ali! Parece muito com a sua arte!

Deidara: Hm.

Tobi: Será que seu estilo tá sendo... imitado?

Deidara: Tobi...

Tobi: Vish Maria!

Deidara: VOCÊ TÁ MORTO!!!

Deidara explode Tobi, o fazendo voar pra longe.

Deidara: *pensando* Eu acho que eu peguei um pouco pesado com ele, vou lá ver onde ele caiu.

Ele corre até onde Tobi caiu, e vê uma mulher de cabelos vermelhos curtos e olhos pretos cuidando dele.

???: O que aconteceu com você?

Tobi: Meu amigo me explodiu e eu saí voando. Ah, oi Deidara!

Deidara: Vê se dá próxima vez não me irrita.

Tobi: Moça, esqueci de perguntar seu nome.

Hakary: Meu nome é Hakary Misaishy, tenho 36 anos.

Deidara: *pensando* O mesmo clã da Kiara. Será que é alguma parente?

Hakary: Hm, esqueci os meus medicamentos na minha casa, e como seu amigo está um pouco ferido, se não curarmos seus ferimentos eles podem infeccionar. Vamos a minha casa, é perto.

Tobi levanta e vai andando atrás de Hakary, Deidara vai um pouco depois.

Deidara: *pensando* A Kiara me disse que a mãe dela tinha morrido, isso daqui com certeza é um Tsukuyomi Infinito ou um universo alternativo.

Hakary: Chegamos. Sejam bem vindos.

Depois que ela disse aquilo, uma garota baixinha, de cabelos extremamente longos e olhos vermelhos vestido um kimono verde claro sai correndo atrás de um gato laranja e branco.

???: EMI!!! VOLTA AQUI!!! VOCÊ VAI TOMAR BANHO SIM!!!

Hakary: Kiara, deixa eu adivinhar. Problemas com a Emi de novo?

Kiara: Sim, ela não quer tomar banho! Eu ainda perco a paciência com essa gata!

Deidara: *pensando* Tenho certeza, é ela! O mesmo clã, aparência idêntica e a personalidade explosiva, mas doce ao mesmo tempo e o nome é o mesmo.

Kiara: São novos pacientes, mãe?

Hakary: Sim, mas o que aconteceu?

Tobi: Primeiramente, pra não ser tão complicado, eu sou o Tobi, e esse é o Deidara. Meio que eu irritei ele e acabei voando para longe da loja de dangos devido a uma explosão.

Kiara: Haha, foi apenas um pouco de arte o que aconteceu. A arte é algo destrutivo, que faz você e os outros ficarem pasmos diante daquilo. Enquanto os outros ficam chocados, você aprecia a beleza daquilo que você fez com apenas suas mãos.

Tobi: Você falando parece o Deidara, toda hora falando que a arte é a própria explosão.

Deidara: É porque é verdade, a minha opinião sobre arte é essa.

Kiara: Que bom, pelo menos alguém me entende!

Deidara: *pensando* Até a opinião dela sobre arte é a mesma. Mesmo sendo um universo alternativo, a personalidade dela continua a mesma.

Kiara: Mas voltando ao assunto dos ferimentos do Tobi, eu posso curar eles? Eu também sei Ninjutsu médico, já estou melhorando.

Hakary: Hm, eu acho que é melhor não, mesmo sendo ferimentos leves. Deixe que eu cuido disso, mas eu sei que um dia você irá ser uma médica ninja até melhor que eu.

Kiara: Certo. Enquanto isso, eu vou ir atrás da Emi, ela pode se perder, e ela realmente precisa de um banho.

Deidara: *pensando* É minha chance de falar com ela.

Deidara: Espera, eu ajudo com a gata. Eu já tive um gato também (mentira), sei como é.

Hakary: *pensando* Sinto algo estranho nos interesses daquele loiro com a minha filha. Não vou atrapalhar, eu também percebi algo nela.

Eles saem porta afora a procura da gata.

Kiara: Então quer dizer que você também gosta da verdadeira arte, não é mesmo?

Deidara: É, eu achei que eu fosse o único que entendesse, mas pelo visto você também entende.

Kiara: Você usa que tipo de jutsu?

Deidara: Eu uso minha própria arte, explosões.

Kiara: Eu uso jutsus de sangue, e também levito coisas e pessoas.

Deidara: Eu tô vendo sua gata, ali perto da pedra.

Kiara: Já sei!

Ela levita a gata, mas seu jutsu falha na metade e a gata cai em cima de Deidara. Ele segura a gata, mas ela arranha sua cara e seus braços.

Deidara: Aiii! O que eu te fiz?

Ele solta a gata, e ela desce dos seus braços e sai correndo até a casa de Kiara.

Kiara: Vem comigo, eu vou tentar curar esses arranhões, desculpa por ela, Emi anda difícil nesses últimos dias.

Deidara: Não foi nada, pelo menos conseguimos pegar ela. Não precisa se preocupar comigo.

Kiara fica brava e dá uma porrada no loiro.

Kiara: EU TÔ FALANDO SÉRIO ARROMBADO, SE ISSO INFECCIONAR VOCÊ PODE PEGAR DOENÇAS!

Deidara: *pensando* Sim, ela continua com seus socos fortes.

Deidara: Calma, não precisa ficar brava comigo! Você fica fofa brava, e provavelmente você não gosta que te chamem de fofa.

Kiara: Você me chamou de... fofa?

Ela fica um pouco corada e dá outra porrada nele.

Deidara: Aiii! Pra que agredir? Eu só falei a verdade, você é fofa mesmo!

Kiara: Agora você me irritou!

Ela dá uma porrada forte nele, o fazendo voar e bater as costas numa árvore. Ele desmaia.

Kiara: Merda, acho que eu matei ele!

Ela leva ele de volta pra casa.

Hakary: Filha, o que aconteceu?

Kiara: Ele me chamou de fofa, e eu odeio isso!

Hakary: Ok, então já que você feriu ele, você que vai curar os ferimentos dele. Boa sorte. Eu só acho que ele tá interessado em você.

Kiara: Espero que ele não me chame de fofa de novo, se ele falar que eu sou fofa eu mato ele.

Kiara usa um jutsu médico nos ferimentos dele. Deidara acorda depois de um tempo.

Deidara: Eu morri e fui pro céu, pra ter um anjo lindo desses na minha frente?

Kiara: Não, sou só eu mesmo. Você dormiu o resto do dia, agora já é de noite. Nem a Emi é tão preguiçosa. Mas seus ferimentos são sérios, você e o seu colega vão ter que dormir aqui. Mas só tem uma cama, e ele já dormiu.

Deidara: Só podia ser o Tobi, folgado pra caralho. Se ele tá ocupando a cama reserva, eu tô dormindo onde?

Kiara: Na minha cama, onde mais?

Deidara cora ouvindo aquilo.

Deidara: Mas você não acha perigoso dormir com um cara estranho que você acabou de conhecer?

Kiara: Você pensaria duas vezes antes de tentar alguma coisa, lembra que eu te fiz desmaiar só com um soco?

Deidara: Calma aí, eu não vou tentar nada!

Kiara: Então vai um pouco pro lado, já tá tarde.

Ela deita do lado dele.

Deidara: *pensando* Até em um universo alternativo ela confia em mim, acho que eu vou testar essa confiança um pouco mais.

Ele envolve os braços protetoramente ao redor dela. Ele percebe um movimento dela e ela vira de frente pra ele, encostando a cabeça no seu peito. Ele dá um beijo na testa dela.

Kiara: Boa noite, arrombadinho.

Deidara: Boa noite, fofa.

Kiara: Você não quer levar outro soco, quer?

Deidara: ...

Kiara: Tô brincando, eu gosto disso.

Em seguida Deidara dá um beijo na menor.

Kiara: Eu sei, também acordei num lugar diferente, vi minha mãe e percebi que estamos num universo alternativo. Daí eu quis saber onde você estava, então mandei Yanne para localizar seu chakra, e descobri que você estava no esconderijo da Akatsuki. É tudo um genjutsu, Itachi deve estar querendo nos enganar, conheço os amigos que tenho. Mas eu sei que quando acordarmos vamos estar lá.

Deidara: Eu sabia que era você, só pelo seu jeito. Mas se estávamos um dia inteiro num genjutsu, quem tá cuidando das meninas?

Kiara: Eita porra, não pensei nisso!

Passam alguns minutos e eles adormecem. Quando acordam, de manhã, eles estão no próprio quarto, e Tobi, Itachi e Konan estavam rindo deles.

Kiara: Eu vou matar vocês, seus arrombadinhos!

Konan: Relaxa, amiga! Foi só zueirinha!

Kiara: Cadê? Onde elas estão?

Tobi: O que?

Kiara: As minhas filhas, quem mais?

Konan: Estão lá fora, vem ver.

Kiara e Deidara se levantam da cama e vão até a sala. Lá Midori e Maya estavam brincando.

Deidara: Graças a Jashin não estão brincando de lutinha. Vai que uma delas faz algum jutsu.

Kiara: Como assim brincar de lutinha? O que aconteceu quando eu saí e deixei você cuidando delas?

Deidara: Longa história, haha!




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...