História Minha princesa, está bem? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 21
Palavras 446
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


ORAORAORA
Sim, mais uma história triste pra listinha q
Espero que gostem, boa leitura

Capítulo 1 - Capítulo Único


Olá minha princesa, está bem?

Já faz um tempo que está descansando. Estou preocupado, julguei que estava brincando quando me falou que adorava umas boas horas de sono. Tenho falta de te contar histórias antes de você ir dormir como todas as noites.

Minha princesa, está bem?

Parece que está num momento difícil. Eu noto os pesadelos, as angústias que aparenta esconder toda a vez que fecha os olhos com força, e os sustos que me dá toda a noite que você parece ter ido embora.

Minha princesa, está bem?

Era apenas um dia ensolarado em fevereiro; começava a ficar frio em junho, e então vieram as flores de primavera em setembro. Assim foi o decorrer por vários anos, e eu me pergunto: como sua mente, tão inocente e frágil, ficaria alegre caçando ovos de páscoa? Ou como se divertiria com suas amigas em fantasias do Halloween? Ou como – aposto – que ficaria encantada ao ver as decorações de natal?

Minha princesa, está realmente tudo bem?

Minha pequena, tens sorte, pois entre eu e você, és a única que aparenta estar “estável”. Não saberia te explicar como as coisas estão difíceis; não saberia te explicar como sua mãe estava zangada conosco a ponto de ter saído de casa; não saberia te explicar direito sobre os seus avós terem ido embora, e não saberia te dizer se minha esperança continua tão forte como antes depois de tantos anos sem você, minha caçula.

Minha princesa, você vai partir?

O médico havia me dito várias vezes que se você não melhorasse logo o procedimento teria que acabar. Mas, minha vida, realmente tens que partir? Já não conheço mais tua face de tanto que mudaste; não consigo mais ver os pequenos dedinhos que tinhas de quando eras um bebê; não consigo nem ao menos medir sua altura depois de tanto tempo que cresceste. Por isso, me questionei: seria mesmo essa a hora de ir embora? Eu respeito a tua escolha, mas sei bem que, mesmo que não estejas aqui, te tornarás a estrela mais brilhante que se poderá contemplar no céu.

Dias foram se esgotando… Eu fui percebendo como melhoravas, como te mostravas o motivo, agora, da minha felicidade e de toda a minha fé. Pois, depois de tantos acontecimentos, foste a única que não me abandonaste; foste quem eu sempre pude segurar a mão.

Foram-se os meses de você tentando fazer fisioterapia, e que eu sentia que minha vida novamente tinha algum motivo. Porém, foi quando você acordou daquela cama velha, cercada de remédios, que você sorriu tão largo ao ponto de mostrar as suas maravilhosas covinhas.

 

Foi nesse dia, que eu pude ver…

Que a minha princesa estava bem.

 

 


Notas Finais


obrigado por ter durado até aqui
super meta 12 fav em pessoal conto com vocês uhuuu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...