1. Spirit Fanfics >
  2. Minha vida confusa >
  3. Capitulo 8

História Minha vida confusa - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


oiiii
tava sumida ne?
foi mal ai:(
nao estou com o meu cell pq ele nao esta funcionando, estou postando os capituos pelo notebook e como so tem um em casa pra duas pessoas usarem, fica dificil de eu colocar um capitulo novo, mais vou postar sempre que eu puder

boa leitura!!

Capítulo 8 - Capitulo 8


Fanfic / Fanfiction Minha vida confusa - Capítulo 8 - Capitulo 8

No dia seguinte todos agiram como se nada tivesse acontecido, tirando duas pessoas que foram suspensas, Rengoku ficaria mais tempo suspenso por ter começado a briga, um dia a mais que Tomioka, eles poderiam escolher se ficariam nos alojamentos ou iriam para casa, ate a suspensão passar, aparentemente eles preferem ficar nos dormitórios, talvez por causa da família ou ate mesmo para ficarem informados das aulas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

-Vou colocar as duplas

 

(Aula de geografia, ainda bem que sou bom nessa matéria, não vou ter que ficar sem graça por não saber de nada)

 

-Kamado tanjiro-kun...

 

(Oh ou)

 

-Shi-shinobu-san??? *diz Tanjiro de boca aberta*

 

-Somos um dupla, infelizmente *diz Shinobu com o sorriso de sempre*

 

-Ahm...

 

Quando eu olhei para a quadro vi nossos números, queria não ter vindo hoje, vou morreeer~

 

(...)

 

-Você quer ajuda?  (que eu me lembre ela não é boa nessa materia)

 

-Da sua ajuda eu não preciso Tanjiro-kun!*continua com o mesmo sorriso*

 

-t-ta bom...então...

 

Shinobu não me deixou ajuda-la, no final a maioria das respostas dela estavam erradas, depois de geografia teve, sociologia, história e biologia, onde fiz dupla com Genya, foi bem divertido, terminamos rápido as atividades e então ficamos conversando, senti o olha do Sanemi me fuzilando por estar com o seu irmão, Genya percebeu e o repreendeu com um biquinho com o semblante de não estar gostando do que o irmão estava fazendo, então o Shinazugawa mais velho voltou sua atenção para o livro parecendo que não estava entendendo nada. Logo chega o intervalo eu iria me sentar com Genya, Zenitsu, Inosuke, Sabito, Aoi e Nezuko, aparentemente Aoi não esta com raiva de mim, ela diz que sabe como é não saber dizer por que não quer ficar com a pessoa, pelo menos ela e as tri gemias (primas das kochous) não estão zangadas comigo

 

 

*Na cantina*

 

 

-Nezukoooo-chaaaaaann~~

 

-Ah? *diz Tanjiro olhando na direção da voz*

 

-Aahhh!! oni-chan ele ta atrás de mim de novo!!*diz Nezuko correndo*

 

Nezuko acaba ficando sem ter pra onde correr quando fica encurralada pelas mesas, se virando e vendo que Zenitsu já está bem perto dela

 

*Nezuko balança a cabeça negativamente*

 

*Tanjiro põe-se na frente de Nezuko impedindo de Zenitsu chegar perto dela*

 

-Zenitsu! pare de correr atrás dela!

 

-... –Tan...ji...ro...kun....~~

 

-De novo não.. *diz Aoi*

 

-Vai começar.. *diz Genya colocando a mão no rosto e abaixando a cabeça*

 

-Começar o que? *diz Sabito sem entender nada*

 

-Isso *Genya e Aoi apontam para o trio *

 

-Vamos ser amigos, Tanjiro! * Nezuko, Tanjiro e Zenitsu começam a correr em circulos*

 

-Nós já somos, Zenitsu, por favor, pare de correr atrás da gente!

 

-Deixe-me me casar com a Nezuko, Tanjiro!

 

-NUNCA!! *diz tanjiro e nezuko ao mesmo tempo*

 

-Ah, vá! não seja assim, Tanjiro!

 

-Corre Nezuko !

 

-Tanjiro~ !

 

-Para com isso! *Diz tanjiro empurrando a irma para ela correr mais rápido*

 

-Aaahhhhhh *todos param de correr com o grito de Inosuke*

 

 *Inosuke dá uma cabeçada nas costas de Tanjiro*

 

-P-pra que você fez isso?

 

-Aaaahhhhhhh *e voltam a correr*

 

-Para de perceguir a gente, Inosuke

 

-Eii, seus imbecis, parem com essa porra, AGORAA!!

 

-Ahh –todos pararam e se esconderam de Sanemi os irmãos Kamado se esconderam atrás de Genya

 

-Irmão pega leve com eles *diz Genya nervoso com os braços pra frente como se quisesse manter o irmão longe*

 

-Eles fazem essa porra todo ano QUER QUE EU PEGE LEVE?

 

-b-bem...

 

-como se ele não procurasse briga todo dia*Nezuko sussurra pra Tanjiro*

 

-O QUE VOCE DISSE ONI?

 

-Por que você sempre chama ela de oni?

 

-POR QUE EU QUERO, NÃO ME ENXE

 

-Ele fala tão alto que quando as pessoas não sabem o meu nome elas me chamam de oni ou a garota que o Shinazugawa Sanemi odeia

 

-Desculpa por isso Nezuko eu vou falar com ele *diz Genya cabisbaixo*

 

-Não você sempre fala com ele e nada muda dessa vez eu que vou falar com ele *diz Nezuko confiante* -vamos ter uma longa conversa Shinazugawa Sanemi

 

-No final das aulas...vou te matar

 

-Ce-certo...*Nezuko diz já sabendo de sua possível morte*

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O intervalo acabo com todos indo para suas respectivas sala, Nezuko foi para a sala dela chorando de medo, antes da aula começar Zenitsu me disse que ouviu os Shinazugawas conversando, os irmãos Shinazugawa não dormem nos dormitórios, Genya mora no apartamento de seu irmão. Sanemi desse a Genya que ele não o esperasse para ir pra casa, acho que tenho que rezar pela Nezuko, já que eu não sou nada fã da Nezuko estar em um lugar sozinha com o Sanemi, não que eu não goste dele, só não quero ele com a minha irmã, tenho um pouco de medo dele machuca-la, por que eu conheço sua fama de pegador e por seu recorde de brigas e suspenções, com certeza ele não é mais virgem, já que eu o já flagrei no beco....

 

-Aula de historia, abram o livro na página...

 

-Aatchim...

 

-Hahahahahahahaha.....*risadas fortes da turma*

 

Todos da sala riram do espirro de Uzui, que soou bem alto e grave pela sala toda, acho que por ele ser grande de mais

 

-Pode continuar professor – frase dita entre risadas alheias da turma

 

-Ah..certo – com o olhar assustado o professor se virou para o quadro é verdade que ele tem um aluno que é maior que ele em tamanho – abram nessa página...

 

Entendo o que o professor e algumas pessoas que ainda estão em choque  estão sentindo, Uzui senta atrás de mim, eu literalmente dei um pulo de susto e ainda estou com o coração acelerado

 

-Professor não tem essa página no meu livro

 

-Ah sim é verdade que alguns livros estão com páginas faltando...mais alguém não tem essa página?

 

*alguns alunos levantam a mão*

 

-Para os que não tem, façam duplas...só os que não possuem essas páginas!

 

*as conversas começam*

 

-Você tem essa página, Tanjiro?

 

-Ah, tenho sim

 

-Acho que to sem sorte hoje

 

-Hihi...

 

Todos prestaram atenção na aula já que o professor passava pelas bancas olhando para cada aluno, no final da aula o professor passou um trabalho em dupla/individual sobre: falar sobre a era taisho. acho que vou fazer sozinho mais talvez eu pergunte ao sabito se ele quer fazer comigo, já que zenitsu e inosuke vão fazer juntos

 

 

*A noite no dormitório*

 

 

(Vou aproveitar que o Sabito ta aqui pra perguntar a ele)*somente sabito e tanjiro estão no quarto*

 

-Ei Sabito

 

-Ah? oi Tanjiro, você não vai tomar banho não?

 

-Ah...vou sim... – a primeira coisa que ele pensa é no meu banho? Infim... – bem eu queria saber se você quer fazer aquele trabalho da era taisho comigo?

 

-Eu fiquei em que posição?

 

-O que?

 

-Bem... eu sei que eu não fui sua primeira opção

 

-3º lugar...

 

-Que amigo em...mas não vai dar, vou fazer com Giyuu, o professor deixou

 

-Ahh...ta bom..(ele vai fazer com aquele cara?)

 

-Vou pro banho, você devia ir também

 

-Eu vouu

 

*Sabito sai em seguida entra Uzui*

 

-Merda!, merda!...

 

-O que foi?

 

-Eu molhei meu casaco*Uzui aponta para suas costas encharcadas*

 

-Como voc...

 

-Nem pergunte...hoje realmente não é meu dia...*Uzui tira o moletom*

 

(Eu estou sentindo minhas bochechar queimarem, além de alto ele é bem musculoso, suas costas são bem definidas, pera, por que eu to pensando isso?)

 

-Ah você já tem dupla? eu to sozinho

 

-Ah?

 

-Pro trabalho

 

-Ah..é.. (não faz mal né) não tenho não, quer fazer comigo?

 

-Quero sim, valeu!

 

Dei um sorriso pra ele e quando ele se virou de novo vi alguns hematomas pequenos na tarte de cima de suas costas

 

-Uzui como você caiu?!

 

-Hum? Já disse pra não perguntar

 

-Você caiu de costas? So me responda isso

 

-Sim...como você sabe?

 

-Você ta machucado

 

-Serio?! nem percebi

 

-Deixa eu cuidar de você, se não pode doer muito quando você for deitar

 

-n-não precisa...

 

-Mais eu quero, por favar, eu me sentiria mal em te deixar assim

 

-Se você insiste tanto, não tem como eu recusar...

 

Tanjiro pediu para que Uzui sentasse em algum lugar para que ele pudesse passar um creme que sua mãe insistiu que ele levasse, Uzui sentou na cadeira da escrivaninha e deixou sei casaco no chão perto da cadeira. Delicadamente o ruivo começa a passar o creme nos hematomas de Uzui o mesmo segurava alguns gemidos de dor

 

-Se tiver doendo muito eu posso esperar um pouco

 

-Não, pode continuar

 

-Tudo bem então...

 

-Você tem irmãos Tanjiro?

 

-Tenho cinco, sou o mais velho dos seis, a segunda mais velha, Nezuko, estuda aqui mais ela é de outra sala (por sinal como será que ela está?)

 

-Ah sim eu já vi ela, ela estava te procurando, por que você não tinha ido pra aula, afinal porque você não foi mesmo?

 

As lembranças daquele dia fez o porto de Tanjiro tremer, não foi um dia agradável para ele e lembrar do acontecido o fez paralisar. Uzui percebendo a expressão de angustia de Tanjiro e se virou para o mesmo levando uma de suas mãos a cabeça do menor acariciando-a que o encarou com o semblante mais relaxado ao toque

 

-Não precisa me contar se não quiser, era so pra me distrair da dor *Uzui da um sorriso amigável a tanjiro*

 

-...obrigado...

 

O albino começou a abafar a cabeça do menor como se agora ele tivesse que cuidar de seus machucados, ambos não sabendo como ocorrera mas querendo mesmo assim cuidar um do outro

 

-Eu escorreguei no pano de chão e cai de costas deixando as minhas pernas pra cima, a única coisa que saio da minha boca foi: Ai caramba! -Frase dita em um tom engraçado fazendo tanjiro rir, o maior ficou feliz de alegrar o garoto rindo junto do mesmo

 

Os olhos de Tengen mudam, seus olhos fúcsia transpareciam luxuria, ele não faria nada ao Kamado, aquele ruivo o tinha encantado primeiro com sua beleza em seguida sua gentileza e bondade, tudo naquele garoto o encantava, ele sabia o que acontecera no banheiro no dia em que Tanjiro faltou pela primeira vez, ele avia visto o Kamado e Tomioka, quando ia fazer algo a respeito eles avia se separado, e Tengen podia enxergar a mão de Tomioka molhada por um liquido amarelo, ele não sabia se o garoto estava com vontade ou se avia feito para se livrar do moreno, ele se escondeu enquanto Tanjiro saia correndo do banheiro em pleno choro quando foi atrás dele ele pode ouvir a vos de Rengoku e de Tanjiro dentro do quarto, ao que lhe parecia Rengoku estava confortado a Tanjiro, Tengen então prefirio ir para a sala de aula quando voltou para o quarto não sabia o que dizer ao mais novo, ele pensara que se tivesse sido mais rápido poderia ter evitado aquele acontecido, ele se culpou por não ter o defendido e gostou da atitude de Kyojuou, ele estava incentivado o amigo na roda que avia se formado pela briga, ele queria que esse momento dele com o Kamado não acabasse mas tudo que é bom dura pouco

 

-Você ta me encarando a um tempão com esse sorrisinho ai, ta me assustando...*tanjiro diz com a boca entre aberta e uma de suas sobrancelhas erguidas*

 

-Ah? o que? Serio? Nem percebi

 

-Hehe você tava me assustando

 

-Foi mal hihi

 

-Ta tudo bem

 

-...Tanjiro você é um doce sabia? -Uzui deposita um beijo na cabeça de Tanjiro que pousa sua mao no local do beijo com as bochechas meio rosadas e um sorrisinho bobo

 

-Bem deixa eu terminar de passar esse creme em você...

 

Quando Tanjiro ia pegar o creme ele escorregou no casaco de Uzui que estava no chão fazendo com que ele caise para frente, Tengen tentou segura-lo mas Tanjiro tinha sido mais rápido fazendo com que ele caísse de joelhos no chão inclinando sua cabeça para frente, deixando sua boca a poucos centimetros de distância da intimidade de Uzui, deixando ambos avermelhados, Tanjiro segurava forte a calça de Uzui o mesmo já podia sentir algo crescendo entre suas pernas, nenhum dos dois se moviam, estavam paralizados, logo a porta do quarto se abre, Kyojuro os olhava boquiaberto

 

-De-desculpa...*Rengoku fecha a porta*

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

*Bônus do próximo capitulo*

 

-E então oni vamos conversar... antes que eu te mate *Sanemi diz com um sorriso malefico*

 

Os únicos pensamentos de Nezuko eram que o deus shinigami (deus da morte) não estivesse de olho nela

 

-s-sim...

 

 

 

 


Notas Finais


Demorei mas ta ai
espero que tenha ficado bom
se tiver algum erro de digitação me perdoem
o que vocês acham que vai acontecer com a Nezuko?
deixem nos comentários adoro ler o que vocês acham da historia!

vejo vocês no próximo capitulo
besus! chau-chau!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...