História Minha vida dupla segunda temporada:A vida dos gêmeos. - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hidan, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kankuro, Kiba Inuzuka, Konohamaru, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Pain, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shikamaru Nara, Shizune, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Visualizações 13
Palavras 783
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Hentai, Josei, Luta, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiii gente tudo bem ? Espero que sim bom está aqui o capítulo pra vocês.

Capítulo 11 - Amigos.


Fanfic / Fanfiction Minha vida dupla segunda temporada:A vida dos gêmeos. - Capítulo 11 - Amigos.

Eu estava saindo do bar quando Tadashi veio atrás de mim e disse :

—Vou com você não posso deixar uma dama indefesa sair na rua essa hora sozinha .

—É muito mas fácil eu te defender do que você me defender afinal fui eu que desarmou dois bêbados loucos que iriam se matar.

—Tá eu sei mas mesmo assim eu vou com você.

Eu pedi um Uber e nós fomos embora pedi pra o cara parar um pouco mas afastado do local onde a máfia fica e o resto do caminho nós pegamos pelo o mato .

Chegamos ao local e vi minha mãe e Konan na porta ela correu pra abraçar o filho e minha mãe pergunta:

—Cade os meninos?

—Estão bêbados .

—Você sempre fica com eles por que voltou?

—Tem sangue no meu cabelo.

—Nagisa espero que não tenha feito merda.

—Não relaxa eu só desarmei dois bêbados que iriam se matar e agora eu vou tomar banho.

Eu entrei e tomei meu banho eu tinha um trabalho essa noite era matar um gerente de banco corrupto que estava desviando dinheiro para uma pequena máfia inglesa.

Só queria saber com quem eu iria fazer essa missão os meninos está todos bêbados meu pai e minha mãe tem que ficar Mei é Misaki estão de guarda tio Neji saiu em missão com a tia Tentem tio Shikamaru e Tia Temari também estão em missão e o resto tem que ficar pra tomar conta do lugar.

Fui até a sala de minha mãe e perguntei:

—Com quem eu vou fazer essa missão?

—Com Tadashi ele voltou e precisa de treino ele vai com você.

—Tá que hora a gente sai ?

—2:00 da manhã.

—Ok.

—Toma cuidado minha filha.

—Pode deixar.

Eu saí da sala dela e fui até o arsenal meu pai que estava de guarda lá e eu digo:

—Cade a minha ponto 40?

—Tá aqui —ele diz jogando ela pra mim—E eu já limpei ela pra você.

—Valeu pai e me dá uma 3.8 também que o Tadashi vai comigo.

—Então o filho da Konan voltou nossa dá última vez que eu o vi ele mexeu no meu revólver e estragou não fasso ideia de como ele fez isso mas tudo bem.

—Eu lembro você ficou puto me dá a minha espada também.

—Olha a boca suja .

—Até parece que você não fala palavrão.

—Mas eu sou adulto.

—Tchau pai já é 1:56 to indo.

—Não esquece a munição —ele diz jogando três caixinhas pra mim.

—Obrigada pai.

Eu cheguei na saída e Tadashi já estava lá eu jogo a 3.8 pra ele e nós saímos e ele pergunta:

—Por que você tá levando uma espada?

—Eu gosto me sinto mais segura e caso a munição acabe nem tudo está perdido.

—Você tá namorando o Shikadai né ?

—É nós começamos a namorar tem pouco tempo .

—Pelo visto ele gosta muito de você por que eu estou proibido de te encostar .

—Os garotos me tratam como se eu fosse um objetoas eu entendo que ele não fez por mal .

Então ele me olha nos estávamos no meio do mato e ele me encosta em uma árvore e fala no meu ouvido:

—Eu jamais te trataria como um objeto.

—Tadashi que porra é essa ?

—Você sabe que sempre foi a mais bonita entre as garotas e que a maioria dos garotos gostam de você eu não sou diferente eu não sou de ferro Nagisa .

—Me solta Tadashi eu amo o Shikadai.

Quando eu disse aquilo ele começou a beijar meu pescoço e então ele diz:

—Você vai esquecer dele quando estiver gemendo o meu nome.

Eu dou um chute em sua perna e ele cai no chão :

—Lembra do que eu disse que aconteceria se você me tocasse de novo? Eu só não te mato aqui e agora porque não quero ter que realizar missão sozinha .

—Eu não vou desistir Nagisa .

— Ah é então você vai ter que continuar tentando no inferno—eu peguei a espada e coloquei no seu pescoço.

Eu guardei a mesma e sai andando que merda meu melhor amigo tentou me estuprar no meio do mato não dá pra conviver normalmente com alguém que fez isso.

Nós chegamos ao local era uma casa bem bonita quase uma mansão o jeito mas lógico pra não ser pego era pular pelo muro do vizinho de traz e entrar então eu fiz isso e a pessoa que eu tentei matar também . A casa tinha uma sacada e foi por lá que eu entrei dei um tiro no cara graças a Deus ele não era casado por que se não havia grandes chances dele ter filho e traumatizar crianças não é legal haha como se eu ligasse .

O sangue começou a escorrer e sujar o lençol eu gostava de ficar vendo aquela cena e pensava menos um no mundo.

Nós fomos embora e Chegamos a máfia eu tomei banho eu fui dormir .


Notas Finais


E aí gostaram ? Espero que sim bjosss.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...