História Minha Vida Fora de Série - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Minha Vida Fora de Série
Personagens Priscila
Tags Amor, Drama, Livro, Paula Pimenta, Romance, Serie
Visualizações 27
Palavras 1.231
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mil perdões pela demora e pelo capitulo pequeno, mas é pq está bem corrido pra mim...
Espero que gostem
Boa Leituraaaaaa S2

Capítulo 12 - O que eu fiz!?


Fanfic / Fanfiction Minha Vida Fora de Série - Capítulo 12 - O que eu fiz!?

 

 

 

P.O.V RODRIGO

Não, não, não! Eu não acredito que eu fiz isso. Olho para o lado e a vejo coberta por um lençol. Vejo o sol entrando pelas janelas. Visto as minhas roupas e saio imediatamente daquele quarto.

FLASHBACK ON

Minha mãe ainda estava em cirurgia mas sem riscos algum, segundo o médico. Ele nos avisa que apenas um acompanhante poderá ficar com ela, meu pai decide ficar e eu, o Dani e a Dani fomos para o hotel.

Acabo de tomar meu banho e checo ás horas, são 21:10, pego meu celular, deito e apago as luzes. Vejo uma mensagem do Henrique me chamando para uma festa no Royalle

- Coé Rodrigão, vai recusar um convite do seu amigo que você não vê há anos?

- Acabei de deitar Henrique

- Vem logo Rodrigo, faz mó tempo que a gente não sai, a última vez foi na sua última vinda ao Brasil, depois você desapareceu do mapa

- Tô com uma preguiça cara

- Dane-se sua preguiça, eu quero você aqui em menos de uma hora

- E se eu não for?

- Se você não vier eu mando a Fernanda ir te buscar

 - Você não faria isso. Ela é insuportável

- Quer apostar quanto?

- Vai para o inferno Henrique

- Hahaha, tô te esperando. Você tem, deixa eu ver, 56 minutos para estar aqui na minha frente

 

Na primeira oportunidade que eu tiver, eu acabo com a raça dessa bosta. Troco de roupa, me arrumo e chamo um Uber. Realmente fazia muito tempo que eu não o via, a gente se conheceu no Canadá quando ele estava fazendo um intercâmbio, mas depois de uns onze meses ele voltou para o Brasil.

O Uber chegou e o peço para me levar ao Royalle, chego e o pago, pago a entrada e vou a procura do Henrique, mando mensagem, mas ele não vê, começo a procura-lo até que vejo um ser de cabelo loiro agarrando uma menina perto do bar. Só para irritá-lo começo a ligar sem parar e vejo que toda hora eles paravam de se beijar para ele rejeitar a chamada, por fim ele cansou e me atendeu

- Cara, dá para parar de me ligar?

O vejo falando algo com a menina e saindo, vou atrás dele sem que ele perceba.

- Onde você está caramba? – ele continuou falando. Ia continuar zoando a cara dele, mas ele se virou do nada e me viu

- Idiota, você estava fazendo hora com a minha cara, fez de proposito né desgraça

- Mas é claro oras - respondi

(...)

Já eram duas e meia da manhã e o Henrique simplesmente sumiu com uma garota. Venho para o bar e peço uma bebida, logo depois uma mulher chega e se senta ao meu lado.

- Oi, qual seu nome? – a morena de olhos azuis me perguntou

- Rodrigo e o seu?

- Beatriz mas pode me chamar de Bia

- Então Bia, aceita uma bebida?

Ela sorri para mim e assenti para o barmen

FLASHBACK OFF

A última coisa de que me lembro é de estarmos bêbados e de sairmos de lá de Uber e indo para um hotel.

Eu não sei o que deu em mim, nunca fui de conhecer a pessoa no mesmo dia e já ir pra cama com ela. Acho que a carência e a raiva de ver certas pessoas {na verdade UMA} seguindo a vida, me deu a louca e fiz isso.

Volto para o meu hotel e desabo na cama de cansaço

P.O.V PRISCILA

Estou deitada no meu quarto, a Fani e o Leo viajaram depois do almoço, fiquei mal o dia todo pelo fato do Rodrigo ter me ignorado completamente. São 22:10, o que será que ele está fazendo agora? Tadinho deve estar no hospital, isso é horrível (P.O.V autora: kkkkkk, vocês contam ou eu conto? Tadinha é de você que está aí numa cama em pleno domingo ao invés de sair para algum lugar! P.O.V Priscila: Que eu saiba a história é sua, ou seja, você fala o que eu tenho que fazer! P.O.V autora: fala isso de novo que eu faço essa história se complicar duas x mais! P.O.V Priscila: aff)

Depois de tudo aquilo que aconteceu, o Matt veio conversar comigo e me contou tudo

FLASHBACK ON

Estava voltando para o meu quarto quando escuto alguém me chamando

- Pri, me escuta por favor!

Percebo que é o Matt e continuo andando, o ignorando. Ele me chama novamente e percebo que começou a correr, ele me alcança e me vira

- O que você quer? Vai me beijar de novo? – falo revirando os olhos

- Me desculpa Pri, eu fiz no impulso

- Ah é mesmo? – digo o interrompendo e cruzando os braços

- Me deixa explicar por favor

- Argh – tínhamos chegado no meu quarto – entra logo

Ele entrou e se sentou na cama comigo na frente dele

- Pode começar, não estou com tempo

- Bom, foi assim...

*Narração Matheus ON

Eu tinha acabado de levantar e ia em direção a Bruninha, que estava sozinha em um banco mexendo no celular, cumprimentei a Gabi e quando me virei vejo o Alan indo até a Bruna com um enorme sorriso, continuo andando mas ao ver a cena seguinte paro no tempo. O Alan dá um selinho na Bruna e os dois começaram a conversar como se fossem amigos de infância.

Vejo a Pri saindo do seu quarto e indo para o salão, por impulso vou até ela, a viro e a beijo. Ela ao ver o que aconteceu, me empurra e sai correndo. Olho para o lado e vejo a Bruna me olhando com desgosto, resolvo ir para o meu quarto...

*Narração Matheus OFF

- Me desculpa Pri, eu sei que você ficou mal, mas é porque na hora me deu um sei lá o que e eu fiz isso – ele disse abaixando a cabeça

- AIIIIII MEU DEUSSSSSSS – digo pulando e rindo pelo quarto a fora

- Você tem problema? Só pode né – ele diz me olhando com uma cara de (?)

- Ain que bunitin! Você ficou com ciúmes da Bruna

- Ah claro – ele fala ironicamente

- Matheus, pensa comigo, porque você iria me beijar logo após você ter visto a Bruna com o Alan? É logico que você ficou com ciúme

- Nada a ver Priscila, a volta do Rodrigo te deixou com sequelas? – ele diz se deitando na minha cama

- VAI PRO INFERNO

- Só se você for comigo, ah pera, você já está lá

Mando um dedo do meio pra ele e deito na cama do lado dele

- Voltando ao assunto, eu só te desculpo se você admitir que ficou com ciúmes da Bruna

- Mas eu não fiquei caramba

- FICOU SIM – dou um grito com ele

- Fica calma criatura, não precisa gritar

- Eu estou super calma, está me vendo nervosa? Não! Então fica quietinho no seu canto

FLASHBACK OFF

Agora a Bruna com dois gatos babando por ela e eu nem um tô tendo. Estava tão disposta a ter o Rodrigo de volta, mas agora tudo foi por água abaixo. Pelo menos daqui a alguns dias terei uma reunião sobre todo o processo do filme. Isso pelo menos irá me distrair um pouco!


Notas Finais


Vai ter muita confusão daqui a alguns capitulos ksksksk
Comentem o que estão achando por favor
Até o próximo capituloooo
Bjssss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...