1. Spirit Fanfics >
  2. Minha vida incrível !! >
  3. A noite que marcou minha vida.

História Minha vida incrível !! - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


🐼 Desculpem a demora!
Espero que gostem 😄

Boa leitura💋

Capítulo 10 - A noite que marcou minha vida.


Fanfic / Fanfiction Minha vida incrível !! - Capítulo 10 - A noite que marcou minha vida.

ELENA ON 

         A casa de Fernando é muito bonita, grande e com um jardim de rosas na frente que me deixou encantada com a beleza das flores apesar de que a chuva anda estava muito forte eu consegui observar cada uma delas que chamava a atenção com suas cores atraentes.
   A sala é muito espaçosa e aconchegante meus olhos percorriam a cada detalhe da casa, estava bastante concentrada que nem percebi quando meu chefe colocou sobre mim uma toalha para que pudesse me secar.

Elena: Pode me mostrar o quarto em que vou dormir?

Fernando: Claro! Venha é por aqui.

          Subimos a escada e seguimos em direção a um corredor escuro e em questão de segundos ele acendeu as luzes, pude ver então algumas portas fechadas ele me levou até a terceira e a abriu.

Fernando: Esse é o quarto, fique a vontade. — Ele sorri e eu o correspondo.

Elena: Pode me emprestar uma roupa sua para poder me trocar, não posso ficar com essa ela está encharcada.

Fernando: É mesmo você pode pegar um resfriado vou procurar uma blusa minha que fique boa em você, em pouco tempo estarei aqui de novo. Aproveite e tome um banho, deve ter uma toalha no banheiro. — Dito isso ele sai do quarto.

          Vou até o toalete e entro em baixo do chuveiro, a água quente em contato com meu corpo me causando arrepios, enquanto ela cai penso sobre tudo que está acontecendo comigo primeiro a morte da minha mãe, logo depois minha viagem e agora estou na mesma casa que meu patrão no qual faz questão de deixar claro o quanto me deseja.

Fernando: Elena! Você está no banheiro?

Elena: Sim, pode deixar a blusa sobre a cama eu já vou sair do banho. — Depois que falei isso escuto a porta se fechar, espero que ele realmente tenha saído nunca se sabe o que se passa na cabeça dele.

          Espero um pouco em silêncio para ver se escuto algum barulho. Saio de lá em direção a blusa azul de manga deixada sobre a cama, me visto e volto para sala.

Fernando: Uau! Daria tudo para todo dia acordar e ver você com uma blusa minha. — Ele me olha e solta um sorriso malicioso.

Elena: Pode parar com isso senhor Fernando! — Faço uma expressão seria.

Fernando: Impossível, você não se olhou no espelho? Vestida dessa forma é tentador de mais para que eu apenas olhe e fique calado.

Elena: Apenas deci para avisar que estou indo dormir.

Elena: Quer que eu lhe acompanhe? Ou melhor, que conte histórias para você?

Elena: Adoraria!

          ELENA OFF

          FERNANDO ON

       Essa garota não sabe como quem está brincando. Me sento em uma poltrona na sala e falo.

Fernando: Realmente você iria adorar ouvir minhas histórias.

Elena: Melhor não estou cansada, quem sabe outro dia. — Ela sorrir e caminha em minha direção.

Fernando: Não deveria me provocar dessa maneira.

          Elena se senta em meu colo de frente para mim encaixando suas pernas em minha cintura, me encara com um sorriso safado e logo depois sussurra em meu ouvido.

Elena: Boa noite chefinho! — A voz doce e encantadora se mistura com uma respiração ofegante me levando a outra dimensão. Ela se movimenta lentamente em meu colo me fazendo dar um leve gemido, nesse momento Elena se retira de cima de mim e caminha até as escadas de uma forma provocante.

Fernando: Você não pode me deixa desse jeito e sair como se não tivesse feito nada. — Simplesmente me ignora e sobe as escadas.

       Alguns minutos depois meu telefone começa a tocar e vou atende-lo.

Desconhecido: Ele está indo para a sua casa, não deve demorar muito.

Fernando: Que bom! A minha secretária acabou de ir dormir, farei o serviço no seu lugar já que você não conseguiu.

Desconhecido: Ele desconfiou da armação e não apareceu, a culpa não foi minha chefe.

Fernando: Obrigado por ter me informado.

           Desligo o telefone e vou até o meu quarto, pego meu revólver e espero aquele idiota chegar.

    [CAMPAINHA]


           Foi mais rápido do que pensei, vou acabar logo com isso de uma vez por todas, abro a porta e dou espaço para ele entrar.

Fernando: John! Não esperava uma visita sua a essa hora.

John: Desculpa o horário é que precisamos conversar.

Fernando: Tudo bem, vamos para a varanda lá teremos mais privacidade.

          FERNANDO OFF

          ELENA ON

         Parece que a chuva está cessando, mas mesmo assim não consigo adormecer, vou até à janela do quarto e fico mexendo no meu telefone depois de um tempo observo a vista, quem é aquele homem falando com Fernando? Eles parecem discutir sobre algo, o que é aquilo na cintura dele? Não, não pode ser! Pego meu telefone e começo a filmar o que está acontecendo.
         Fernando pega a arma e dispara em direção ao moço desconhecido lhe acertando precisamente, ele dar um sorriso e começa  carrega o corpo para a parte de trás da casa, mas antes de ir ele olha para a janela onde estou e me ver, paralisada com o meu celular em minhas mãos sua expressão é de raiva.
             Quando percebi que estava vindo para dentro consegui voltar ao normal, corri o mais rápido possível para trancar a porta.

Fernando: Elena! Abre a porta agora. — Ele bate com força.

            Meu coração acelera e o medo me invade, me tranco no banheiro e ligo para a polícia. No início eu estava com medo, mas agora estou apavorada tudo que está acontecendo tem que ser apenas um pesadelo, nada disso pode ser real.

Fernando: Eu disse para você abrir, mas parece que a minha querida secretária não me escutou direito. Será que vou ter que quebrar a porta do banheiro também Elena? — Como assim ele conseguiu colocar a abaixo aquela porta? Isso é impossível!

Fernando: Elena eu te avisei que essa sua curiosidade iria trazer grandes problemas e aqui estamos.

Elena: Por favor Fernando! Não faz nada comigo, eu te imploro. — Lágrimas escorrem pelo meu rosto, o medo é cada vez mais presente entre essas quatro paredes.

Fernando: Não chora Elena, pode sair daí prometo que não vou te machucar eu nunca seria capaz de te fazer nenhum mal.

Elena: Você promete?

             ELENA OFF

                      [CONTINUA...]


Notas Finais


🐼Deixa aqui nos comentários se gostou do capítulo de hoje.

Não sejam leitores fantasmas👻

UM ABRAÇO APERTADO E UM XERU NA TESTA😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...