História Miraculos Zuera de Irmãos - Capítulo 30


Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Tags Romance
Visualizações 33
Palavras 1.484
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


O tão esperado hot chegou meus coelhinhos, bom... Uma parte hehe... Mais so aviso uma coisa antes de tudo

Eu nunca escrevi um hentai na vida, se ficar uma merda já sabem pq

E tbm hj eu to meio na bad, espero que isso n atrapalhe

Capítulo 30 - FESTA DO PIJAMAA!!


             Autora pov 

Todos estavam se divertindo com seus sorvetes nesse dia ensolarado de 25 graus, todos curtiam felizes pelo plano ter dado certo, pelo intercâmbio que logo fariam, e principalmente pela festa do pijama que seria nesse msm dia.

            Telefone toca

Mari: acho que é o seu Lu

Lucy: só pq tem Faded como toque?

Chat: Faded? Que música é essa?

Mari e Lucy: NÃO ACREDITO

Adrien: pra que esse escândalo?

Mari: como vcs n conhecem Faded?

Lucy: conhecem Alan Walker?

Tikki: AMO DMS ESSE CARA!!

Tini: as músicas deles são lindas!

Alya: tem um ritmo que agrada meus ouvidos

Julia: as traduções são melhores ainda... EU AMO ESSE CARA

Meninos: quem é esse?

Lucy: - vai no YouTube e coloca a música Faded e os coloca para ouvir - nunca viram ou ouviram essa música em algum lugar?

Chat: nop 

Adrien: no

Outros: não 

Lucy: krl, mais e o Ed Sheeran, esse vcs tem que ter escutado em algum lugar 

Mari: pelo amor de Deus

Paulo: esse eu já ouvi falar

Plagg: eu tbm, mais nunca escutei nenhuma de suas músicas 

Alya: Lucy, vc n tinha um celular pra atender?

Lucy: AI MEU PÂNCREAS EU ESQUECI

Todos riem

Lucy: alô? Oi mãe... tô aqui na sorveteria perto do centro... estou com o pessoal... sim eles estão aqui tbm... vamos acabar aqui e estamos indo pq?... Vc vai viajar assim derrepente? ... Emergência com o vovô?... Quando a senhora ficou sabendo?... Foi a tia Rita que ligou né?... Quando vcs voltam?... Tá, mãe, a Anny está ai?... Ata, vlw, boa viagem, bjs, tbm te amo, tchau

Mari: o que o vovô tem?

Lucy: aquela msm dor no pulmão de novo...

Mari: espero que ele melhore...

Lucy: eu tbm Mari... n quero que aconteça o que aconteceu com o paizinho... - sem que elas percebam já estam chorando

Chat: e-ei... o que foi Princesa? - abraça ela e faz carinho em seus cabelos encaracolados

Adrien: fique calma My Lady - abraça ela apertado

Tini: estão melhores?

Lucy: sim... - limpa as lágrimas 

Tikki: querem contar pra gente?

Mari: tudo bem... - limpa as lágrimas - quando nós éramos pequenas, com mais ou menos 7 anos, nos íamos muito a casa do paizinho no Brasil, ele era nosso padrinho e morava lá com a mãezinha e o Júnior...

Lucy: ficavamos la um mês com eles e depois voltávamos pra cá, uma vez que estávamos lá, o paizinho ficou doente... De um problema respiratório, era uma doença rara e na época eles n podiam pagar o tratamento... Então ele... Ele...

Mari: ele faleceu... Deixando a mulher e o filho... A mãezinha entrou em depressão e teve que fazer tratamento... O Júnior? Bom... Teve que morar com os avós pq a mãezinha n tinha mais condições de cuidar dele sozinha...

Lucy: depois de tudo isso nos n íamos mais com frequência pra lá, tanto pelo estado da mãezinha quanto pela saudade do paizinho...

As meninas fazem um abraço coletivo e logo os meninos tbm entram

Julia: estão melhor?

Mari: graças a vcs...

Lucy: sim, estamos melhor

Alya: querem ir embora?

Lucy: queremos a ajuda de vcs para arrumar a casa, hj é a festa do pijama hehe

Mari: vamos passar no mercado e comprar tudo que temos direito hehe

Meninos: bipolares...

Lucy e Mari: CALADOS!! 

Meninos: h-hai 

Meninas: PARTIU MERCADO!!

Meninos: adeus dinheiro...

        Quebra de tempo

Chegando a residência dos Dupain - Cheng as meninas começaram a arrumar as coisas enquanto os meninos descansavam, já que quiseram ser cavalheiros e carregar as comprar até a casa (Meninos: MENTIRA, AUTORA FILHA MÃE, VC NOS OBRIGOU / Lady: obriguei, E SE N CALAREM A PORRA DA BOCA FAREI COMPRAREM O MERCADO PRA MIM E AINDA SERVIREM DE ESCRAVOS PESSOAIS DEPOIS DE TORTURAR VCS 10 VEZES ANTES MSM DE MATA - LOS IR NO INFERNO BUSCA - LOS E MATA - LOS NOVAMENTE / Meninos: pulicia pulicia) com tudo pronto só faltava os pijamas de Tikki, Tini, Alya, Julia e Anny que sumiu desde ontem.

Lucy: podemos emprestar a vcs, n precisam ir buscar na casa de vcs

Tikki: é rapidinho 

Mari: mais ta de noite, n é bom sair sozinha 

Lucy: se vcs n querem pelo menos chamem os meninos para n ter que irem sozinhas 

Julia: nem é tão longe assim men 

Lucy: n interessa, O CAMBADA, CHEGA MAIS

Lucas: que foi?

Mari: seguinte, Paulo, Plagg, Nino e Lucas 

Lucy: vcs vão com as 4 aqui até a casa delas e se quiserem passem em suas casas para pegar algo de que precisem para dormir

Julia: sabia que podíamos ir sozinhas?

Lucas: ta de noite, é perigoso andar sozinha

Nino: ainda bem que n sairam, quem sabe o que poderia ter acontecido?

Plagg: pode deixar, vamos com vcs

Paulo: é mais seguro, assim ninguém corre o risco de nada

As quatro coram 

Alya: já que n tem outro jeito, vamos logo

Os oito saem em direção às suas casas deixando os quatro la sozinhos

Mari: LUCYYYYYYY!!!

Lucy: QUE É SANTANAS EU TO DO SEU LADO

Mari: vamos fazer um bolo estilo gêmeas Dupain - Cheng? - sorriso sapeca

Lucy: hehe, só se for agora - sorriso sapecamente sapeca (Lady: eu sou tão, mais tão, mais tão... nem sei uma palavra para descrever uma pessoa que inventa palavras mais esquisitas igual a mim. Ah lembrei RETARDAMENTE IDIOTA)

As duas pegam todo o necessário para fazer o bolo e começam seu preparo

          Quebra de tempo

Com o bolo já pronto agora só faltava rechear e decorar. Depois de tudo pronto Mari se sentou na sala com seu namorado e Lucy subiu até seu quarto a procura do seu

             Mari pov (Lady: quem nunca vai escrever Mari e escreve Mário? Rsrsrsrs saudades do meu Super Nintendo, meu Ps2 ;-; , que saudade ;-;)

Me sentei com Adrien no sofá e passei a alisar seu peitoral, o motivo? Parece que estou lavando roupa, a sensação é ótima. Ficamos nisso até ele começar a descer sua mão de minha cintura a minha coxa, admito, gostei dms, aquela mão forte me acariciando, me sinto nas nuvens, coro levemente com o que pensei.

Sai levemente de seus braços, ele, claro n entendeu nada, me sentei em seu colo e o beijei levemente, ele pareceu meio surpreso, mais logo tratou de retribuir e me puxar para mais perto. O beijo estava tão intenso, tão feroz, tão quente, tão selvagem que o ar logo acaba e nos separamos.

Adrien: adoro vc ousada assim... fica tão excitante... - sussurrou em meu ouvido, com sua voz rouca e sedutora

Mari: olha quem fala... - puxo seus cabelos 

Ele desce seus beijos para meu pescoço mordendo levemente me fazendo soltar um gemido baixinho. Estava prestes a tirar minha blusa quando ouso a porta da padaria sendo aberta. O que significa que o pessoal já voltou.

Adrien tbm percebe, nos separamos corados pelo que poderíamos ter feito se n fosse pela porta, logo tratamos de nos recompor e fingir que nada aconteceu.

       Enquanto isso no quarto 

               Lucy pov 

Subi as escadas atrás de Chat para chama - lo pra comer o bolo, entrei no quarto e n vi nem sinal dele. Caminhei em direção ao banheiro, escutei o chuveiro sendo desligado e a porta sendo aberta.

Lucy: então vc estava... ai... - travei, meu Deus do céu, eu sei que meu namorado é um Deus grego, mas, KRL, que tanquinho delicioso

Chat: gosta do que vê?

Lucy: bem... e-eu... err... bolo... - coro violentamente

Chat: - ri e vem em minha direção, se aproximando perigosamente de mim - n precisa dizer, eu já sei o que quer dizer - me puxa pela cintura e cola meu corpo ao seu 

Lucy: vc está molhado - coloco minhas mãos em seu peitoral e tento me afastar, o que n da muito certo já que ele me joga em minha cama e deita sobre mim

Chat: tenho certeza que vc n se importa com isso, n é msm? - sussurra em meu ouvido, sua voz rouca e sexy me faz estremecer

Lucy: convencido...

Chat: o convencido que vc ama 

Lucy: quem disse?

Chat: eu disse, e isso basta - antes que eu pudesse dizer qualquer coisa ele me cala com um beijo molhado, sedento e feroz, entrelaço minhas mãos em seus cabelos dourados os puxando levemente.

Quando o ar se foi, nos olhamos ofegantes, ele me dá seu típico sorriso de canto e logo desce seus beijos para meu pescoço o mordiscando e dando cupões leves que por sorte n deixariam marca.

Acaricio seus cabelos levemente enquanto ele distribui beijos por meus pescoço, o que me faz soltar gemidos baixos. Continuariamos nossa brincadeira se n fosse por vozes nos chamando la em baixo. Chat resmunga e sai de cima de mim.

Lucy: teremos outras oportunidades, n fique assim - o abraço por trás 

Chat: tem razão, da próxima vc n vai escapar - ele me coloca em seu colo me fazendo sentir sua ereção o que me faz corar até o último fio de cabelo - isso é o que vc faz cmg Princesa - dizendo isso me beija uma última vez e segue até o banheiro para se trocar

Lucy: ai meu pâncreas... - desço as escadas com Chat logo atrás

            Autora pov

Todos comeram o delicioso bolo, brincaram, e agora planejam jogar um jogo perigoso... seu nome? Verdade ou Consequência

               Continua...


Notas Finais


Até o próximo, um beijo na patinha, balança o rabinho e tchauuuuu

N sei de onde saiu isso, só queria me despedir de um jeito sem copiar os outros, então de agora em diante esse é o meu adeus pra vcs

UM BEIJO NA PATINHA, BALANÇA O RABINHO E TCHAUUUUU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...