História Miraculous: Dragons - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, Chloé Bourgeois, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathanaël, Nino
Tags Adrien, Dragão, Marinette, Mestiço
Visualizações 81
Palavras 1.157
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


AQUI ESTOU EU DE VOLTA ! Eu sei, eu sei... Quase um ano fora e tenho a lata de aparecer aqui sem mais nem menos... Desculpem T^T

Mas estou aqui para ficar e terminarei esta fic... Juro !

Boa leitura!

Capítulo 7 - Capitulo VII


Mesmo que toda a turma estivesse fervendo de curiosidade com o assunto da aula, Adrien manteve-se em silêncio com o mesmo sorriso de lado. Alya não conseguia para quieta ao meu lado.

- Para dar as boas-vindas à Mari... – Ele pisca para mim, fazendo com que eu fosse a atenção. – Hoje iremos dar uma aula rápida sobre os dragões.

De maneiras diferentes, todos expressaram o seu agrado.

- Dragões... – Ele começa fazendo com que todos ficassem em silêncio, o ouvindo atentamente. – São criaturas poderosas. Bestas criadas para destruir.

- Há muito tempo atrás, Dragões e Humanos viviam em guerra. Foi uma época complicada e sombria. Houve bastantes perdas, em ambos os lados. A guerra chegou ao fim com o surgimento dos Dois Grande Dragões, o Grande Dragão Vermelho da Criação, e o Grande Dragão Negro da Destruição. Juntos, eles acabaram com a guerra e estabeleceram a paz.

- O mundo foi dividido em castas. Na base, temos os líderes das raças, que são eleitos a cada 100 anos. No meio temos O Grande Conselho, que são escolhidos entre os mais sábios e os mais poderosos entre os dragões. E no topo os dois Grandes Dragões que concordaram em dividir o poder.

Adrien faz uma pausa, nos observando a todos. Eu ouvia com atenção, tentando absorver o mais possível de informações.

- Hoje, Miraculous permanece em paz, permitindo o surgimento dos Mestiços. Humanos com poderes draconicos. Os Mestiços são poderosos e igualmente especiais.

- Como a maior parte de vocês sabem, os Dragões possuem uma categoria definida. Os Dragões Elementais que controlam a natureza. Os Dragões Especiais, que controlam as outras coisas. E os Dragões Celestiais, que controlam a luz e as trevas.

- Podemos adivinhar, mais ou menos, a categoria de um Dragão, ou de um mestiço, observando as suas auras e as escamas. Apesar de haver exceções. Mas para explicar melhor, irei falar de cada um de vocês.

Ele estala os dedos, fazendo com que a classe ficasse inundada pela escuridão total. Trixx como se tivesse comprido a mensagem começa a brilhar. A sua aura é laranja e ilumina um pouco. Aos poucos nós vamos libertando as nossas auras, permitindo que elas iluminem o espaço.

- Bom. – Adrien liberta a sua aura, que é um verde reativo. - Vamos começar por as filas de baixo e eu vou subindo.

- Nino Lahiffe. – O moreno na minha frente se levanta, nos deixando observar a sua aura roxa, quase violeta. – Auras roxas pertencem aos Dragões da Música, uma categoria Especial. Dragões da Música possuem a habilidade de controlar a música em si. São excelentes compositores e cantores. Também podem usar o próprio som como arma.

- Obrigado Nino. Chloé Bourgeois. – O moreno se senta e a loira se levanta. Ela me fuzila, antes de o fazer. A sua aura é amarela, muito brilhante. Pequenas luzes, como pirilampos, rodeiam o seu corpo. – Auras Amarelas pertencem aos Dragões da Eletricidade. Relâmpagos e Trovões também são armas nas mãos destes Dragões. Fazem parte da categoria dos Dragões Elementais. Apesar de serem poucos, alguns Dragões Amarelos possuem a habilidade de controlar o fogo ou a luz.

- Obrigado Chloé. Sabrina Raincomprix. – A aura da ruiva é laranja. – Auras Laranjas pertencem aos Dragões Laranjas. Fazem parte da categoria dos Dragões Elementais, porque eles são uma união dos Dragões Vermelhos e os Dragões Amarelos. Alguns controlam o fogo, outros a eletricidade. Muitos poucos controlam os dois.

- Obrigado Sabrina. Alya Césaire. – Como esperado, a aura dela à castanha clara. Um castanho claro, amigável e gentil. Eu me sinto bem, só de a ver. – Auras Castanhas pertencem aos Dragões da Terra. Toda a terra é controlada por eles. Adoram a própria natureza e estão quase sempre em contacto com ela. Fazem parte da categoria dos Dragões Elementais.

- Obrigado Alya. Marinette Dupain-Cheng. – Alya pisca para mim, e se senta. Eu me ergo. Todos arfam de surpresa. A minha aura brilha fortemente em vermelho. Pequenas luzes vermelhas, como pirilampos me rodeiam. Na verdade, a minha aura é, de certa maneira, parecida com a de Chloé, mas a minha parecia mais forte e brilhante. Adrien sorri para mim. – Auras Vermelhas pertencem aos Dragões de Fogo. Assim como o elemento que controlam, o fogo, são bastante imprevisíveis e perigosos. Fazem parte da categoria dos Dragões Elementais.

- Infelizmente, não posso dizer de a Senhorita Dupain-Cheng é uma Dragonesa de Fogo. Precisamos de estudar mais. É raro, mas pode acontecer que certos dragões têm as escamas de uma cor, mas pertencem a uma categoria completamente diferente. Para sabermos ao certo, teremos que avaliar os seus poderes e avaliar a fundo a sua personalidade.

- Obrigado, Marinette. Mylène Haprèle.

(...)

A aula continuou dessa forma. Adrien apresentou cada um dos alunos, falando sobre a sua espècie, categoria e poderes. Existia várias espécies, e subespécies, e eu tenho o pressentimento que não conheço todos. Quem diria que existiria dragões que podiam controlar a tecnologia? Ou até mesmo o próprio amor? É muito mais do que eu podia imaginar.

Mesmo sem querer, eu entrei com força neste novo mundo cheio de mistérios, fantasia e perigo. E só agora me apercebi que há medida de Adrien ia falando, eu meio que abandonava o meu medo por dragões e ia ficando cada vez mais curiosa sobre o assunto.

- Bom, falta poucos minutos para a aula terminar. – Ouvi vários suspiros de tristeza e resmungos aborrecidos. Para minha surpresa, até eu estou um pouco desanimada. – Para finalizar, iremos falar das exceções.

Até eu me endireitei para prestar mais atenção.

- Como no Mundo dos Dragões, o amor é extremamente libre. Várias raças começaram a se misturar. Isso permitiu o surgimento de muitos outros dragões, como a Raça dos Dragões Laranjas. Mas também permitiu que dois Dragões tenham filhos com escamas de outras cores, porque herdaram esses genes, mesmo sem os apresentar.

- Os melhores exemplos que eu vos posso dar, são os Dois Grandes Dragões. O Grande Dragão Vermelho da Criação possui as escamas vermelhas, mas não é um Dragão de Fogo. E o Grande Dragão Negro da Destruição possui as escamas pretas, mas não é um Dragão das Trevas.

Não pude evitar de notar que ele não mencionou a verdadeira categoria dos dois Dragões em nenhum momento. Mas não soube dizer se foi de propósito, ou então ele não se lembrou do dizer.

- Por isso, alunos. – Seus olhos se cravam em mim, como se a mensagem fosse especialmente para mim. – Não se deixem enganar pelas aparências. Porque existe muito além.

Os olhos verdes continuam presos nos meus. Olhos verdes brilhantes. O sinal tocou, nos fazendo desviar os olhos. Eu comecei a arrumar as minhas coisas. A próxima aula seria de magia.

- Até amanhã. – Adrien se despede, antes de sair da sala.

- Adoro este tipo de aulas. – Alya comenta comigo, me fazendo sorrir. É verdade que foi uma aula muito interessante. Tinha aprendido muita coisa.

Eu definitivamente, podia me habituar a isso.


Notas Finais


E aí? Gostaram? O que acharam?

Teorias?

Comentem!

Até ao próximo ! 0/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...