História Miraculous- Um amor quase impossível - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nino, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Miraculous, Romance
Visualizações 165
Palavras 621
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoinhas!!! Eu estou muito animada escrevendo essa bagaça \o/ e espero que também estejam gostando! ♥️
*Ignorem qualquer erro de digitação*

Capítulo 4 - Capítulo 4


 *Adrien on*

Eu estava dormindo tranquilamente, e a última coisa que me lembro foi que eu e a Mari estávamos assistindo um filme aqui em casa... Mais tem alguma coisa pesando meu peito...

Adrien acorda e se depara com Marinette deitada sobre seu peito.

Me assusto de primeira, mas depois fico admirando como a Mari consegue ser tão fofa até dormindo, mais acho melhor acorda-la porque já deve ser tarde e os pais dela devem estar preocupados...

Adrien- Mari... Acorda já está tarde, seus pais podem ficar preocupados com você!

Marinette- mmm... MEUS PAIS!! Aí meu Deus!!! Eu tenho que ir agora!! 

Adrien- Ei! Calma, eu peço pro Gorila te levar, você vai chegar lá rapidinho!

Marinette- Obrigada Adrien, mas eu prefiro ir sozinha, Paris deve estar parada esse horário...

Mari se despede de Adrien, pega sua bolsinha onde estava Tikki e sua mochila e vai em bora.

Plagg sai voando de trás do armário e vai em direção á Adrien.

Plagg- Você não vai deixar ela ir sozinha, não é mesmo?

Adrien- Claro que não... Plagg, mostrar as garras!!

Adrien se transforma em Chat Noir e vai procurar Mari.

*Marinette on*

Eu saí com a maior pressa da Mansão Agreste, estava em um beco, pouco iluminado, e confesso que estava com um pouco de medo.

Marinette- Não devia ter vindo por ese caminho...

Ladrão- O que eu gatinha como você faz a essa hora sozinha...

O ladrão agarra Marinette e a coloca contra a parede segurando seus pulsos com uma mão e tampando sua boca com a outra.

Ladrão- Foi uma péssima escolha ter vindo por aqui hoje...

Mordi a mão do ladrão e consegui gritar, o mesmo me da tapa, meus olhos começaram a se encher de lágrimas, de repente ouvi uma voz conhecida vindo de trás do ladrão.

Chat Noir- Eu não faria isso se fosse você... 

O ladrão tenta dar um soco em Chat, mas ele se esquiva e dá um soco no mesmo, após isso o ladrão foge.

Marinette estava chorando sentada sobre seus joelhos e com as mãos no rosto.

Chat- Tá tudo bem?

Marinette se levanta, dá um abraço em Chat e começa a chorar.

Marinette- M-muito obrig-gada.

Chat- Não tem de quê, só estava fazendo o meu trabalho, mais o que você está fazendo aqui a essa hora?

Marinette- Eu estava na casa de um amigo e estava indo para casa...

Chat- Hum... Então deixa eu te ajudar! 

Chat Noir pega Marinette do colo e sai correndo por cima dos prédios indo em direção a casa da azulada. Ele sobe na varanda de cima do quarto de Marinette e a coloca no chão.

Marinette- Muito obrigada Chat...

Chat- Então eu acho que você está segura agora, eu vou ind...

Marinette- NÃO! Quer dizer, espera acho que você deve estar com fome, vem, eu vou pegar alguns croissants.

Marinette e Chat Noir descem o alçapão que vai pro quarto de Mari.

Marinette- Espere aqui eu já volto.

Chat Noir vai observando o quarto de Mari de cima a baixo. Chat cora levemente quando vê várias fotos do Adrien coladas na parede em cima da escrivaninha de Marinette.

*Marinette on*

Desci para pegar alguns croissants que minha mãe deixa em cima da mesa da cozinha, com muito cuidado para não fazer barulho e acordar meus pais. Peguei alguns pãezinhos e fui em direção ao meu quarto, quando cheguei vi Chat olhando as fotos do Adrien coladas na parede.

Chat- Parece que você gosta mesmo dele, não é?

Marinette- NÃO! Sim... Não sei... Eu gosto dele mais ele não parece perceber, toda vez que eu estou perto dele eu coro e fico gaguejando...

Chat cora ao ouvir o que eu disse.

Marinette- Mais isso não vem ao caso agora, vem vamos comer.

Marinette a Chat comem e conversam durante um tempo até que Mari, dorme no ombro de Chat. Ele a carrega, coloca na cama e dá um beijo em sua testa.

Chat- Até amanhã princesa.




Notas Finais


Que final mais fofo!!! ♥️ O que vocês acharam?
Beijinhos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...