História Mistick - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Armas, Aventura, Lendas, Magia, Religião, Romance, Super Herois
Visualizações 6
Palavras 804
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Ficção Adolescente, Magia, Misticismo, Romance e Novela
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá de novo, desculpe a demora, mas estou de volta! Aproveite

Capítulo 6 - Segunda chance


<PV Mark>

"Será que eu to sonhando?" Era tudo que eu conseguia pensar, enquanto andava para casa, minhas pernas tremiam, eu só pensava se aquilo mesmo estava acontecendo, afinal eu não poderia ter ficado desacordado por dois dias

Após uma caminhada, uma viatura da policia parou em minha frente, eu levei um susto, eu não pareço um drogado, pareço?

- Policia de Santory, poderia vir aqui por favor?

Fui me aproximando olhando o policial, que me olhava meio surpreso também

- Você é Mark Frederick? Esse menino aqui da foto?

- Sim senhor

- Filho da senhora Annie certo?

- Certo

- Nos acompanhe por favor - o policial falava enquanto abria a porta da viatura

Mesmo com medo eu entrei, afinal eram policiais, fugir seria burrice

Logo percebi que estavam me levando pra casa, e então eu percebi: minha mãe tinha chamado a policia, claro né, 2 dias sumido

Ao chegar notei algumas folhas com minha foto pela rua, com o numero da minha mãe, o negócio tinha sido tenso!

Logo os policias tocaram a campainha, enquanto eu olhava as outras viaturas paradas na frente da minha casa, e assim outro policial apareceu pra atender

Ao entrar, vi todos ali, minha mãe, meu padastro, Tony, Kaio, Jenny, Gabriely, Iris, Ryan, os pais de Tony, a mãe de Kaio, nossas familias eram muito amigas, e alguns policiais

- Achamos ele senhora!

Nesse momento só senti o abraço apertado que minha mãe me deu

-Meu Deus!! Meu filho!! Onde você tava??

- Calma mãe eu...

- Mark do céu onde você se meteu menino?

- Que susto mano 

- Encontramos ele vindo para cá

E assim todos os meus amigos me abraçaram, Jenny ficou mais tempo me abraçando, parecia que não queria soltar

- Que susto Mark, você acha que pode fazer isso comig....com nós? - Jenny falava com um brilho nos olhos

E assim me sentei e comecei a contar a historia, mas... eu preferi não falar do velho estranho

[...]

- Eu vou segunda-feira nessa escola, esse menino vai se ver comigo- minha mãe dizia brava, sobre o Claude e as mães de Tony e Kaio tentavam acalma-lá

-  E esse braço enfaixado com folhas cara? - Kaio disse me olhando 

- Ah meu mesmo fiz- eu disse então minha mãe me interrompeu:

- Vamos no médico amanhã mesmo!!!

- Não precisa mãe, o braço ta bem, olha - eu dizia mexendo o braço, até tirar as folhas, e olha só! Tava muito bem mesmo

- Foi só um susto então - Meus amigos disseram aliviados, e eu percebi que Jenny não parava de me olhar, o que não era novidade desde que nos separamos

[...]

Ja era a noite então eu fui me deitar, todos ja tinham ido embora, mas continuavam a conversar sem parar nas redes sociais sobre o assunto

Vick tinha me chamado para pedir desculpas por não estar quando eu cheguei

<Narrador>

Mark estava deitado e não conseguia parar de pensar sobre aquele velho, e sobre o fato dele ter sido "ressucitado'

"Será que eu morri mesmo?" ele pensava sem parar

Mas depois concluiu que sua vida tinha voltado ao normal novamente, então, logo foi fazer seus deveres de casa, ao pegar a mochila estranhou, pois ela estava mais pesada, mas sua surpresa aumentou ao perceber que tinha um livro diferente la

Era um livro velho, capa dura, feito com um papel diferente, Mark estranhou

Ao abrir o livro, se deparou com uma lingua totalmente ilegivel, aquilo estava escrito estranhamente e era  totalmente desconhecida

Mark, que era curioso, ficou mais ainda, e foi pesquisar sobre o tal livro, e a lingua em que era escrito, mas me achou nada desse livro, e a lingua "não existia" em nenhum tradutor

Então Mark resolveu procurar o tal velho novamente, mas precisava descansar, apesar de ter descansado bastante por dois dias, ao dormir, começou a sonhar sem parar com gelo, e com o tal velho

Até acordar com um susto, e avistar o velho no seu quarto, olhando para ele

- queria falar comigo, senhor Mark?

Mark não se assustou com aquilo, pois sua curiosidade era imensa

- Eu preciso saber, se essa historia de ressurreição....é verdade

O velho chegou perto e começou a contar

- Quando encontrei você, estava sangrando, e não senti seu pulso, bateu a cabeça quando caiu la, então usei magia para trazer sua alma de volta

- Mas porque fez isso comigo?

- Eles me falaram que você era o escolhido

- Eles quem? 

- Eles Mark, você irá entender se ler o livro

- No livro tem apenas simbolos! Eu não sei ler

- Você sabe, você saberá que sabe, tome - o velho disse entregando um colar a Mark, era um colar com uma pedra azul

Mark pegou sem hesitar

- Essa é a sua segunda chance, aproveite ela, pois a partir de agora tudo muda - o velho disse andando para trás

- Ah não vai sumir de novo né, espera ai eu....- antes de terminar Mark foi interrompido pelo despertador o acordando

Eram 6 horas, hora de estudar, então Mark levantou e sentou-se na cama 

- Que macumba...



Notas Finais


Espero que tenham gostado, deixem seus comentarios, obrigado pela leitura :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...