História Momentâneo. - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Novela, Romance
Visualizações 11
Palavras 608
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Oi, oii, tudo bem meus amores?

Boa leitura.📖

Capítulo 7 - Sabado - Verdade ou consequencia parte 2


Fanfic / Fanfiction Momentâneo. - Capítulo 7 - Sabado - Verdade ou consequencia parte 2

Ao meio do som alto, meu corpo se mexia fora do ritmo da música, Thomas continuava agarrado em mim, conseguia sentir que seu membro ja estava rigido e duro, ele sussurrava em meu ouvido enquanto me puxava.

- Vem amor.

Andei lentamente e cambaleando ate o banheiro, enquanto ele segurava em minha cintura ele trancou a porta. Não fez diferença alguma para mim. Ele apertou meu corpo contra o dele, eu ja estava exitada, e me beijou, um beijo selvagem, sua lingua explorava minha boca, eu mordia os labios dele, sua mão percorria meu corpo, eu tomei a iniciativa e coloquei seu pau pra fora, acariciava e batia uma pra ele em um ritmo correto. Enquanto gemia baixinho em seu ouvido, ele soltou meu sutiã e em seguida tirou minha blusa, porém se assustou quando viu os cortes em meus braços e pulso.

- O que é isso?

Eu fiquei sem reação e a unica coisa que pude fazer foi me vestir, ele ficou incredulo com a situação, quando fui tentar sair do banheiro ele segurou meu braço com firmeza, e olhando em meus olhos disse.

- Calma, me desculpa, se não quer falar sobre isso eu entendo.

E me deu um beijo, ficamos ali por mais alguns minutos. A gente saiu e vimos uma cena que me deixou realmente chocada. - A Manu na frente de todos gemia como ninguem, eles pararam quando nos viram. Ela se levantou, veio ate mim, e me beijou, os meninos gritaram e eu continuei com o beijo, so parei quando senti a mao fria de Thomas em minha nuca, olhei para ele, e ele disse a todos.

- Vamos continuar com a brincadeira?

Concordamos e voltamos a jogar. Parou em minha vez no jogo, rodei a garrafa que caiu na Hanna.

- Verdade ou consequencia?

- Verdade.

Fiquei pensando, eu não sabia o que perguntar, eu nem conhecia ela. Então pergunto algo estupido sem nexo.

- Verdade que você é virgem?

- Si...sim - Disse ela meio que gagejando. -

Ficamos meio espantados, pois pelo o que ja ouvi dela, ela não era uma das mais santas ficamos em silencio e entao ela rodou a garrafa,  e caiu em Melissa.

- Verdade ou consequencia?

- Verdade.

- Verdade que você cobra por sexo? - Ela pergunto na lata. -

Melissa aos risos responde.- Ja cobrei. -

Ela nem deixou ninguem dizer nada e nem precisou rodar a garrafa, pois so faltava o Thomas.

- Verdade ou consequencia?

- Consequencia.

- Desafio você a dizer pra Alyssa o que realmente quer com ela, a verdade.

- É... - Ele ficou encabulado, mas completou. - Não sei ainda.

- MENTIROSO. - Gritou Pedro aos risos.

Eu continuei quieta, ficou um clima estranho, mas logo mudou. As meninas começaram a dançar, deciam ate o chão se esfregando nos meninos,  fiquei um pouco estranha naquele momento, não estava acostumada com aquela situação, Thomas se sentou ao meu lado.

- Me desculpe.

- Pelo o que? Você nao fez nada.

- Primeiro pelo banheiro e depois por nao ter dito o que realmente quero com você.

Eu so concordei com a cabeça e disse que precisava ir pra casa, pois ja passava das 4h00 da manha. Me despedi de todos, e Thomas foi comigo, me levou ate o portão, como sempre estava fazendo, se despediu com um beijo, um beijo calmo e doce, romantico sabe? Havia uma pitada de amor, e eu pude sentir aquilo. Entrei toda feliz, subi para o meu quarto, tomei um banho quente e me deitei. Fiquei um bom tempo ainda acordada, so pensando em como minha vida estava mudando, eu tinha amigos agora, e o Thomas, e era meio dificil pra mim acreditar naquilo tudo. E finalmente dormi.

Aquela foi a primeira noite que eu dormir com um sorriso no rosto...




Notas Finais


Eiitaa, nossa menina ta apaixonada talvez?

Até o proximo capitulo amores.😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...