1. Spirit Fanfics >
  2. Monstros são Humanos >
  3. De repente

História Monstros são Humanos - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Pra quem quiser, um cap extra de romance :3
E um pouco de treta kkkk

Capítulo 4 - De repente


Kayllane (P.O.V.).          

-H.. Hana? - Ela estava muito próxima do meu rosto, acabei corando - ... O quê v..você...

Minha salvação aparece, Dìyù puxa Hana pra longe de mim. Nem eu, nem Daitya conseguirmos entender o ocorrido com cada um de nós. Eu e ele nos olhamos por uns segundos e percebi que ainda estávamos na escola. O sinal toca.

Quebra de tempo: 13:00

Eu chego em casa e já sabendo que meu pai não estaria lá, vou para o banheiro para poder tomar um banho. Enquanto isso não parava de pensar na garota que conheci na escola, acho que vou para a escola novamente para me encontrar com ela... Espera o quê? Eu estou querendo ir para escola!? Bem, acho que isso é um avanço. 

Hana (P.O.V).         

Uwaa! Aquela menina é tão fofa! Acho que vou conversar com ela amanhã! Fufufu! E o Adabhuta dela... Ele parece ser tão forte, eu acho que o Dìyù deve gostar dele, fufufufufu! Será que ela vai vir na escola amanhã? Se ela for, eu vou pedir o número do telefone dela! Fufufufufu! Não consigo esperar por amanhã~~~ (⸝⸝⸝´꒳`⸝⸝⸝)! Para quem tem que me acalmar me preparar para hoje...

Alguém bateu na minha porta, vou lá ver:

???: - Olá, Hana.

- ... O que você veio fazer aqui!? Já te disse que não quero você PERTO DE MIM! NUNCA MAIS!

???: - Ora, é assim que você trata seu namorado? 

- NAMORADO NADA! EU JÁ DISSE QUE TERMINEI COM VOCÊ!....

???: - você não tem direito nenhum de mandar em mim, afinal, nossos pais decidiram que a gente namoraria.

- NÃO LIGO PARA QUE ELES PENSAM SOBRE NÓS DOIS, EU TENHO DIREITO DE CUIDAR DE MIM! EU NEM MORO MAIS COM AQUELES DOIS!...

???: - Certo, certo... Saiba que eu vou voltar para sua casa amanhã.

- ALLAN! VOCÊ NÃO VAI!!!!....

Dia seguinte, na escola 

Porcaria, não consegui dormir direito por causa do Allan. Não tenho tempo para pensar naquele babaca, onde será que está Kayllane?

Após procurar um pouco vejo ela sentada no banco, segurando um caderno parecendo que estava escrevendo algo. Me aproximo dela e pergunto para ela o que estava fazendo:

- Ooii, Kay! O que você tá fazendo?

Kayllane: - Ah... Eu estava só escrevendo uma música..

- Sobre o que? Para quem? Posso ver? Você pode cantar?

Kayllane: - bem... ela não está pronta, quando ficar, prometo que vou cantar para você, afinal, ela é para você...

- Awe! Que fofo! Fufufufu! - Corei um pouco sem perceber e sento ao lado dela - Você tem WhatsApp, né?

Kayllane: - tenho sim, você quer meu número?

- Como sabia? 

Kayllane: - qualquer um que pergunta para outra pessoa se ela tem WhatsApp tá óbvio que essa pessoa quer o número da outra..

- Verdade... 

Kayllane: - anota meu número, é esse aqui: XXXX-XXXX

- Ah, ok. Obrigada! Vou te mandar uma mensagem quando eu chegar em casa, ok?

Kayllane: - Certo....

No fim da aula.    Kayllane (P.O.V.)

Hana: - Kayllane! Kayllane! Você pode vir aqui por favor?  

- Uhm... Ok..

Hana me leva para um beco que tem na escola, me joga contra a parede e me prende com seus dois braços. Não tive tempo de reagir e ela já estava próxima de mim. Olhei para os dois lados e notei que não tinha ninguém lá, quando me viro para frente novamente, Hana acaba me beijando. Isso foi muito de repente mas, por algum motivo, meu corpo não reagiu. Hana sai de perto de mim:

Hana: - E..eu sinto muito... Eu senti que queria fazer isso, mas não sei porque... Fufufu....!

- E.. está tudo bem....





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...