1. Spirit Fanfics >
  2. Moondust - Pain x Leitora x ?? >
  3. Capítulo 7

História Moondust - Pain x Leitora x ?? - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Capítulo 7


S/n: An? O que? - De repente começo a lembrar de tudo, todos meus momentos com o Pain, e o resto da Aktsuki. -


Me senti tão culpada por ter falado com ele daquele jeito, ele deve ter se sentindo tão mal. Mas volto minha concentração nas vozes, assim que eu olho para os lados vejo que estou na sala da akatsuki, amarrada! 


S/n: Por que diabos eu estou amarrada?! 


Konan: Me desculpe, mas foi preciso. 


Itachi: o importante é que você passou! 


S/n: Passei em que? - pergunto confusa -


Konan - No teste.. - suspiro - você ainda é muito "boa" estávamos com medo de você nos trair, então pedimos pro Itachi pra te colocar em um genjutsu, em nenhum momento você nos traiu lá. Isso é bom, agora você é oficialmente da Akatsuki. - sorrio -


S/n: Pera? Tudo que aconteceu não foi real? - falo indignada - 


Itachi - Sim, me desculpe por isso, foi o Pain que pediu. 


S/n: Tudo que eu vivi com o Pain foi uma mentira? - falo baixo - vocês não tinham direito de fazer isso. - falo brava - me soltem! 


Pain - Ei, ei, ei. Acalme-se, o importante é que você passou. - falo entrando na sala - 


S/n: e-eu não acredito! - olho pra ele brava - Você me fez.... - abaixo a cabeça - gostar de você! - falo baixo - 


Pain - Sinto muito...foi necessário. - Me aproximo dela e começo a solta-la - venha, vou te mostrar seu quarto. - falo me afastando dela e subindo as escadas - 


S/n : Apenas o obedeço e subo a escada de cabeça baixa, ele me levou até o meio do corredor e abriu a porta, e me dá espaço pra entrar. - 


Pain - Me desculpe, não fique brava. - falo enquanto a observava se sentar na cama - 


S/n: Você pelo menos sentiu algo de verdade por mim? 


Pain: Suspiro e abaixo a cabeça - não. 


S/n: Sai daqui. - O olho brava - 


Pain: Desculpa.... - fecho a porta do quarto dela, e ouço ela começar a chorar. Não sei porque mas eu me senti mal, deu um aperto no coração, mas ela é só mais um membro qualquer, e eu tinha que me prevenir, a culpa não foi minha. - 


- Eu não conseguia parar de chorar, eu realmente o amei, e tudo foi uma mentira, ele disse que me amava. E se isso fosse uma promessa? Ele teria ah quebrado. 

Como eu posso ser tão idiota? Que dizer, óbvio que algo assim iria acontecer, estou na akatsuki. E o chefe daqui, o Pain é um louco, não tem sentimentos. Ele nunca se apaixonaria por mim, nem se ele morresse e voltasse. 

Eu tenho que parar de chorar por ele, vou tomar um banho e relaxar. Me levanto, e vou até o banheiro tiro minha roupa, e tomo um banho, escolho uma roupa confortável e me deito, fico deitada de barriga pra cima agarrada em meu travesseiro enquanto olhava para o teto, sem nem perceber acabo dormindo. 


Pain on - 


Konan - Não acha que pegou pesado com ela? Não precisava faze-la se apaixonar. 


Pain - Foi necessário.


Konan - Pra que? Para alimentar seu ego? - cruzo os braços - Olha, eu sou o Nagato! E as meninas são completamente apaixonadas por mim. - falo imitando a voz dele - 


Pain - Claro que não, n-não é isso... 


Konan - Oh não - solto uma risada nasal - você se interessou por ela, por isso fez ela se apaixonar por você! 


Pain - Não.


Konan - Normalmente quando se apaixonamos nós conquistamos o amado e tentamos fazer elx feliz, não o contrário. 


Pain - Konan, eu já disse eu não estou interessado na S/n. 


Konan - Aham, claro. - ela sai da sala rindo - 


As vezes a Konan realmente consegue me tirar do sério, mas nesse questão eu acho que ela esteja certa. A S/n foi uma das únicas mulheres que me tratou bem e não teve medo de mim, além da própria Konan, é claro. 

Talvez eu devesse ir resolver as coisas com a S/n, tentar pelo menos ser amigo dela. É eu vou lá, me levanto e vou até o quarto da S/n, bato umas três vezes na porta até ela vir atender. 


S/n: O que você quer? - diz com a voz sonolenta - 


Pain - Desculpa te acordar, eu preciso falar com você. 


S/n: Tá, entra. - Me afasto dando caminho para ele entrar - 


Pain - Me desculpe novamente. 


S/n: Caramba, você só sabe pedir desculpas. - reviro os olhos - não vou esquecer o que você fez por causa de um simples 'desculpa'!


Pain - Eu sei, estou ciente disso. Por isso eu vim dizer que eu tenho sentimentos por você, não a mais que amizade! - me sento ao lado dela na cama. - Eu gosto de você como amiga, e quero ter seu perdão. 


S/n: hum... - cruzo os braços e viro a cabeça pro outro lado - 


Pain - amanhã acorde cedo, vou te levar pra um lugar. - me levanto - 


S/n: Ah, vai me matar? - falo com humor - 


Pain - Se eu dissesse que sim você ainda iria? 


S/n: Talvez sim. 


Pain - então sim, mas não conta pra ninguém. 


S/n: Tá, minha boca é um túmulo. 


Pain: Ótimo. - sorrio pra ela e começo a andar em direção a porta - Boa note. - Abro a porta e fecho, e vou para meu quarto.


S/n on 


Eu acho que vou dar um chance pra ele, todo mundo merece uma chance não é verdade? É... 

Ah começo a lembrar do sonho que eu tive.


- FLASHBACK DO SONHO - 


S/n: Eu estava pintando um quadro

O quadro era uma pintura sua

E por um momento eu pensei que você estivesse aqui

Mas, novamente, não era verdade.


Xx: Não estou com você, mas sempre irei te proteger. 


S/n: isso não é a mesma coisa, darling eu preciso de você. 


Darling: Me desculpe querida, mas eu não posso ir, nem se eu quisesse. 


Flashback off - 


Darling era a minha irmã mais velha, ela sempre me defendeu dos meus pais, mas em uma missão o inimigo a matou. Depois disso as coisas só piorou pra mim. E eu sinto tanta falta dela, bom, foi ela que me incentivou a pintar. É uma das coisas que eu mais faço e me faz se sentir viva, mesmo que esteja me matando aos poucos. 

Mas eu não me importo nem um pouco, isso me faz me lembrar dela, e eu amo, isso que importa. 

Mas, pera aí. Onde o Pain vai me levar?, Será que ele falou sério em me matar?, Não ele não faria isso, né? Não faria?, Aí credo. Vou parar de pensar nisso e vou dormir, é melhor.


CONTÍNUA?

ME DIGAM O QUE ESTÃO ACHANDO 👉👈❤️





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...