1. Spirit Fanfics >
  2. Moondust - Pain x Leitora x ?? >
  3. Capítulo 9

História Moondust - Pain x Leitora x ?? - Capítulo 9


Escrita por:


Capítulo 9 - Capítulo 9


Pain on - 


Eu não esperava que ela me dissesse isso, eu não sabia o que responder. Não fazia menor idéia do que fazer, preciso ser cauteloso, qualquer atitude pode ferir os sentimentos dela. 


Pain - S/n...eu não sei...oque te dizer. - abaixo a cabeça - 


S/n - C-como assim? - diz a garota claramente magoada - 


Pain - É bom...eu estou confuso. Não sei oque estou sentindo... - levanto a cabeça e pego nas mãos dela - Mas me ouça! Não quero te magoar, pois pessoas confusas magoam pessoas incríveis. E sem sombra de dúvida, você é incrível.


S/n - lágrimas começam escorrer pelo rosto da garota, logo Pain começa a se sentir mal. Talvez ele devesse ter á respondido, não. Seria pior, para ambos. - 


Pain - Não chore querida - levo minha mão até o rosto dela e limpo - Eu te darei uma resposta, por favor me espere. Eu só isso que lhe peço...


S/n - eu vou te esperar... Mas não para sempre. - Solto a mão dele e limpo meu rosto - Uma hora eu vou me cansar Pain. - Ela sai de lá me deixando sozinho - 


Apenos a observo sair, enquanto minha consciência me julga. Fiz o certo?, Deveria ter mentido?, Ou melhor se eu disse essas palavras será que eu estaria mentindo?. Essas perguntas ecoavam em minha cabeça, mas uma coisa eu tenho certeza. Eu não quero magoar ela, quero vê-la feliz. E eu sei eu só a magoaria, considerando tudo que eu já fiz pra ela. 

      Eu vou deixar isso pra depois, o Madara quer falar comigo. É melhor eu ir também... 


                      ××××××××××××××

S/N ON - 


Eu estava sentindo uma mistura de sentimentos inexplicável, falar aquelas palavras para alguém é tão difícil, principalmente pra mim. Fui criada em um lar onde não conheci o carinho e amor por muito tempo. A única pessoa que me deu tudo isso foi minha irmã, e ela está morta. E isso me leva ao sonho que eu tive, não sei porque, mas eu sinto que ela está mais próxima do eu imagino. 

          Talvez esteja ficando louca, mas aquele sonho fica ecoando em minha cabeça o dia inteiro. Talvez seja melhor eu me concentrar nisso, e obviamente em mim mesma. Chega de homens, só me fazem sofrer! Sou uma mulher solteira e independente. Não preciso de homem para ser feliz! 

         Qualquer que seja a resposta de Pain eu não ligo, preciso de espaço, um tempo pra mim. 


~ S/n decidiu tomar um banho para relaxar, trocou de roupa e desceu pra sala para ler um livro. Ela amava aquele lugar. Na concepção dela, ali é lugar mais confortável para se ler. Obviamente quando não tinha ninguém gritando ou se matando. E por sorte só tinha o Sasori, e cá entre nós ele não nem um pouco barulhento. 


S/n - Olá mestre Sasori. - Me sento ao lado dele - 


Sasori - Olá... 


Preferi não puxar assunto, só queria relaxar e ler meu livro. Mas logo percebo ele me encarando, no início eu ignorei mas eu já estava ficando desconfortável então decidi intervir.


S/n - Algum problema? - solto meu livro e olho pra ele - 


Sasori - Não, nenhum. É que você está tão quieta, aconteceu algo? 


S/n - Não, nada demais... - dou um sorriso fraco - 


Sasori - Vejo ele me olhar com desconfiança - Certeza? 


S/n - Respiro fundo - Eu tô apaixonada por homem, eu disse "te amo" para ele e talvez não seja correspondida....e tenho tido sonhos estranhos com minha irmã.


Sasori - Você não deveria se preocupar tanto com esse negócio de "amor", ele vai e vem, é passageiro. Não significa que todos são assim, mas se um homem te deixa confusa e magoada talvez ele não te mereça. 


Eu o ouvia com atenção, bom...ele realmente tinha razão. Nenhum homem merece minhas lágrimas...


Sasori - E esses sonhos? Sobre o que são?


Eu conto tudo para ele, digo sobre o que estou sentindo relacionado a eles, enquanto ele me ouvia atentamente. 


Sasori - Podemos pesquisar sobre...se você quiser. 


S/n - Você me ajudaria com isso? - abro um sorriso no rosto - 


Sasori - Claro, e confesso que também estou muito curioso.


S/n - Solto uma risada - Obrigada, de verdade mestre Sasori. - pulo em cima dele e lhe dou um abraço, ele no começo exitou mas depois acabou cedendo. - 


Sasori - Não sou muito de abraços, mas o seu é incrívelmente bom. - Digo enquanto nos separavámos do abraço -


S/n - abro um sorriso - meus abraços são os melhor - falo com humor - 


Sasori - Não posso discordar - Sorrio carinhosamente - 


Eu e o mestre Sasori ficamos conversando por um bom tempo, depois subimos cada um para seu quarto. 


××××××××××÷××××××××××


Obito/Madara - As missões não estão trazendo resultados, não tolero incompetência. 


Pain - Entendo senhor, irei fazer o máximo possível para repar isso.


Obito/Madara - É o que eu espero, aqui estão as próximas missões. - entrego os pergaminhos para ele - Não aceito nenhuma falha! 


Pain - Ok, não haverá. 


Obito apenas saiu da sala me deixando sozinho com meus pensamentos, primeiro a S/n e agora o Madara está bravo.


"O dia não pode piorar." Pensou ele 


Konan - Entro na sala sem bater - temos um problema! 


"Isso não foi uma pergunta retórica universo!" Pensou ele, já irritado com tudo.


Pain - Fala! 

Konan - o Jinchuuriki de nove caudas está atrás de nós, e de acordo com o Zetsu ele está perto.

Pain - Porra - bato na mesa bravo - convoque uma reunião com todos, AGORA! 


CONTINUA?

GOSTARAM DO CAP DE HOJE?





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...