História More Than Friendship - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Personagens Originais, Sans
Tags Afterdeath, Crepic, Dreamberry, Dustlust, Errink, Nightkiller, Undertale, Yaoi
Visualizações 53
Palavras 1.201
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção Adolescente, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIEEEH!-q

Enfim, acho q tem gente querendo saber onde é q eu to, ou tava, ou naum-q

Nah esquece.


BOA LEITURA!-q

Capítulo 5 - Boa noite...


Já havia se passado alguns dias desde o dia em que Cross sofreu o pequeno "acidente". O mesmo sitado se encontrava já indo pra casa dentro de um carro preto, esse que era dirigido por uma mulher de longos cabelos negros. Essa que tinha nome de Elly.

Elly: ...? Filho, você está quieto, o que ouve?

Cross: Hum? Bom, o meu amigo não apareceu na escola hoje.

Respondeu o menor que se encontrava com o braço esquerdo engessado porque, havia quebrado o mesmo na quadra.

Elly: Sério? Quando chegarmos em casa, porque não liga pra ele?

Elly era uma mulher bem jovem, solteira, porém linda demais. Viúva, no qual herdou a herança do falecido marido, pai de Cross. Trabalhava o dia todo, mas sempre buscava o filho na escola.

Cross: É... Não é uma má ideia.

~X~

Ink estava em sua casa, passava maior parte do tempo sozinho, mas não porque queria, e sim porque era apenas ele naquele lugar enorme. Estava com seu cabelo solto, no qual dava até seu ombro. Meio bagunçado, Ink apenas estava no sofá da casa estudando.

Foi quando escutou alguem bater na porta.

Se levantou estranhando quem seria, se aproximou da porta abrindo a mesma, dando a visão do moreno.

Ink: Error? O que você está fazendo aqui?

Error: ? Você esqueceu que marcamos pra assistir filme hoje?

Ink: Ah...

Ink tombou a cabeça.

Ink: Nós íamos?

~X~

O de cabelos loiros ao chegar em casa junto com sua mãe, eram no total oito horas da noite, pois os mesmos tinham ido ao supermercado. Chegando em casa, Cross já chegou entrando em seu quarto, logo em seguida jogando sua mochila em qualquer canto do local,  e logo em seguida jogando o próprio corpo na cama dre qualquer jeito.

Pegando seu celular ao lado em cima da cômoda, começou a digitar o número de seu amigo, esperou que o mesmo atendesse, nisso que foi algo que demorou.

Iria desligar se não fosse o fato de terem atendido.

Epic: ... Alô?

Cross: E ai?

Comprimentou Cross procurando um fone de ouvido.

Epic: *borceja* Por qual motivo ter me ligado?

Perguntou o que estava no outro lado da linha, esse que estava se ajeitando na cama – provavelmente acabado de acordar.

Cross: Perguntar por qual motivo de você não ter ido para escola hoje.

Perguntou achando o fone que estava debaixo da cama, conectou na entrada podendo enfim mecher no celular livremente.

Epic: Meu pai saiu cedo pra trabalhar hoje, parece que ele vai voltar amanhã de tarde, então tive que ficar de olho na casa.

Respondeu dando satisfação a Cross.

Cross: Entendi. 

Foi a única coisa que murmurou como resposta.

Cross: Enfim, como não tenho nada pra fazer, e com certeza você também não...

Acabou roubando uma risada soprada do amigo.

Cross: Heh, então vamos falar sobre o que rolou hoje.

Epic: E rolou algo de interessante?

Cross: Bom...

~1° Flashback:~

Cross: EU VOU DAR NA SUA CARA!

Gritava Cross sendo segurado firmemente por Error e Reaper, no qual ameaçava bater em Ink.

Ink: ...

Esse porém tentava lembrar a merda que tinha feito. E o que ele tinha feito? Bom, tirou nota máxima nas provas de artes no qual Cross estava determinado a tirar a nota mais alta.

E para a sua infelicidade, não acabou sendo do jeito que ele queria.

~2° Flashback~

Cross corria pelos os corredores, não se sabia o porquê , mas corria. Esbarrava em qualquer pessoa, mesmo sendo pequeno ele acabava derrubando as próprias ganhando xingamentos em seguida, mas o mesmo ignorava.

Foi quando o mesmo esbarrou em um aluno maior que sí – sendo que todos são – o fazendo cair pra trás machucando um pouco seu braço engessado.

Cross: A-Ai!

Deu um grunhido de dor. A pessoa no qual esbarrou se manteve com uma expressão de poucos amigos se virando para ver quem se tratava de o esbarrar, vendo que era o loirinho pequeno mudou sua expressão rapidamente.

E essa pessoa era o representante da escola.

Nightmare: Oh, desculpe-me. Deixa eu te ajudar.

Ele sorriu, um sorriso de uma forma singela que fez o coração de Cross parar na hora. O maior estendeu a mão para que ele pegasse, e um pouco hesitante o mesmo pegou e assim se levantando com ajuda de Nightmare.

Nightmare: Está tudo bem?

Perguntou de uma forma preocupada, Cross não percebeu que não parava de o olha-lo demais.

Cross: A-Ah, s-sim.

Respondeu se amaldiçoando por ter gaguejado.

Nightmare: Heh, que bom.

Killer: Night!

A atenção do represente foi tomada por outro estudante – cujo Killer – acompanhado por Horror, e outro aluno moreno de cabelos castanhos, esse batizado de Red – porém nome verdadeiro era Fell.

Nightmare: Esperem, ja vou indo. 

Respondeu se virando novamente para Cross, com uma expressão calma.

Nightmare: Por favor, tome cuidado quando for correr na próxima vez.

Disse por fim se retirando da presença do menor, e indo acompanhar seu amigos.

E Cross? Ficou lá com uma cara de trouxa que ele era.

~Fim dos Flashbacks~

Cross estava com a mesma cara na ligação, o que Epic estranhou ja que o mesmo estava quieto depois de explicação. O maior sorriu.

Epic: Parece que alguém está apaixonado.~

Brincou, esperando uma otima reação do amigo.

Cross: Quem?! Eu?!

Questionou saindo de seus pensamentos enquanto sua face ganhava um forte rubor.

Epic: Não bruh, a pessoa que perguntou.

Ironizou saindo da cama e indo para baixo ver se achava algo para comer na cozinha.

Cross: Hah hah, engraçadinho.

Cross então olhou para o relógio de seu celular, percebendo que o tempo tinha passado rápido demais.

Cross: Hey, Epic.

Epic: Hum?

O maior mesmo de boca cheia com um pedaço de pizza que tinha encontrado, murmurou para que o menor continuasse.

Cross: Acho que eu já vou indo.

No outro lado da linha Epic rapidamente engoliu o pedaço.

Epic: Não, você não vai. Tu não me tirou do meu sono pra me deixar sozinho acordado.

Falou rapidamente indo pra cima.

Cross: Pfff, 'cé tem medo de ficar sozinho em casa?

Epic: Sim, por isso que durmo o dia todo quando fico sozinho.

Respondeu se jogando na cama novamente.

Cross segurou a risada por outro lado da ligação, não achou que o maior iria responder na maior sinceridade.

Cross: Okay, irei ficar com você por call.

Epic sorriu se ajeitando na cama, deixando o celular no "viva voz" começando a jogar um jogo aleatório, enquanto ambos puxavam assuntos aleatórios.

~X~

Cross: ... Ai ele dis--

A atenção do menor foi tirada ao perceber o maior soltar alguns suspiros e baixos roncos pela a ligação, sinal que o mesmo estaria dormindo.

Cross: ... Epic? Ei cara, você dormiu?

Não teve nenhuma resposta além do fato dos roncos. Cross então deu de ombos, já era meia noite, teria que dormir também. Quando o mesmo iria apertar no ícone vermelho, sua atenção novamente foi roubada.

Epic: Se você desligar a chamada, eu vou roubar suas canetas...

Ameaçou com a voz sonolenta assustando Cross de leve, afastou levemente a mão perto do ícone. E Epic então voltou a dormir.

O jeito que Epic dormia era bem engraçada por ligação, ja que Cross nunca tinha o visto dormir além dos pequenos cochilos que Epic dava na sala de aula.

Deu pequenas risadas sopradas com uma puta vontade de desligar a chamada, mas não estava afim de perder as canetas novamente.

Foi quando sentiu seus olhos pesarem, se ajeitou na cama deixando o celular ao lado de sua cabeça ainda com os fones.

Sorriu, e fechou olhos em seguida.

Cross: ... Boa noite Epic...

Por fim se entregou ao sono. Mal sabia ele que outra pessoa no outro lado da linha tinha acabado de sorrir, mantinha os olhos fechados, mas respondeu mesmo sabendo que Cross não iria escutar.

Epic: ... Boa noite bruh...


Notas Finais


NEH
NEH
NEH AKDKAKKSKS
Tá parei

Edit:

OH GENTE, QUEREM UMA LINDA FIC MARAVILHSA DE CREPIC QUE NÃO FOI FEITA POR EU?-q

ENTÃO LEIAM ESSA LINDA ONE-SHOT QUE PQP, LINDA DEMAIS, É DE ARREGAÇAR OS ----- ta parei.

https://www.spiritfanfiction.com/historia/aishiteru--crosssans-x-epicsans-crack-shipp-12698456


MAN, ACEITO MUITO QUEM FOR FAZER FANFIC DELES PRA EU LER T^T
EU IA AMAR MAIS DO QUE JA AMO VCS E AS FICS
-qqqq
É sério KAKSKSKKS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...