História Most Girls - Imagine Park Jimin - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Hailee Steinfeld
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Colégio, Escola, Festa, Jeon Jungkook, Jungkook, Mudança, Músicas, Popular
Visualizações 48
Palavras 670
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Poesias, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa nova fanfic é uma idéia que eu tive enquanto escutava música na sala de aula (Sim eu escuto música na sala hihi) então não podia deixar passar essa maravilha


Antes de começar queria dizer que ;

Oque estiver em Itálico é narradora e não personagem

Boa leitura!!




Sushinee~~


🐰Leia esse capítulo ouvindo essa música 🐰

https://youtu.be/FD_pOwxgAAo

Capítulo 1 - 01 - Não consigo


Fanfic / Fanfiction Most Girls - Imagine Park Jimin - Capítulo 1 - 01 - Não consigo

08/09/18

Seul,South Korea

11:58


Pov  S.N

A aula de dança estava acabando,assim como a paciência de ____ que aos poucos estava morrendo de raiva 

O motivo?

Assim que o alongamento terminou,algumas garotas começaram a rir do corpo de ___ que estava a mostra por conta do uniforme,mesmo depois de tomar várias vitaminas seu corpo ainda não tinha ganhado peso algum e por isso ela mais parecia uma criança no meio de todas aquelas adolescente

Assim que o sinal alarmante da escola soou,todos correram para suas mochilas,empurrando uns aos outros sem se importar com quem estava na frente ou atrás 

Ou quem havia caído pouco antes daquele ataque,___ por sua vez estava no chão 

Se levantou tirando a poeira da roupa,caminhou até a mochila e a pegou indo até a saída 

Com o corredor já vazio, não havia motivo para se importar em passar ali com a roupa de dança 

Entrou no vestiário feminino onde tinha apenas algumas garotas saindo,colocou seu uniforme e fechou o armário.Saio de lá e foi para a saída 

No meio do caminho,várias pessoas atravessavam o cruzamento,correndo e algumas até estavam lentas.Mesmo estando cercada por pessoas,ela se sentia sozinha,como se ninguém a visse ali, invisível talvez 

Ficou por alguns minutos parada no meio de todos, Fazendo com que as pessoas desviassem da garota para não esbarrarem na mesma

Assim que recobrou os sentidos tratou de continuar andando até chegar em casa 

Assim que entrou,colocou a mochila no quarto e trocou de Roupas,vestiu seu moletom e colocou um tênis preto 

Desceu para a cozinha de capus e pegou na geladeira algumas coisas pra fazer um macarrão instantâneo bem temperado 

Como seus pais eram separados,sua mãe trabalhava o dia todo Fazendo com que a garota se virasse só 

Na Hee Min,sua mãe, sabia que a garota precisava de liberdade então a deixava sair pra onde quisesse contanto que voltasse as 11

Mas ___ não saia de casa mesmo assim,e só ficava andando pela casa ou ia até o mercado comprar guloseimas

Essa é a incrível vida de ____ 


Off Narradora

On S.N



Tiro minha comida do fogo e vou para o sofá,ligo a televisão e coloco em alguma animação antiga, meu estilo de filme favorito

Pego o celular e vejo as mensagens,entre elas havia uma mensagem de Lee Chae, a garota que mais me inrrita na face da terra 

Ela dizia 

"Ya,tenho isso aqui" 

"Oque acha que devo fazer?"

Ela me mandou uma foto minha,onde estava caída de costas.Provavelmente foi quando todos saíram e me derrubaram 

Decido não responder e então volto a comer calmamente e sem prensar naquilo tudo 

E novamente o celular vibra 

"Sua vadiazinha esquisita" 

"Me responda, ou vou mandar essa foto pra toda a escola" 

Encaro a mensagem e pego o celular na mão 

"Oque você quer Ler Chae?" 

Ela começa a digitar

"Ela está viva" 

"Eu quero você longe da minha escola,isso faz muito tempo" 

"Mas como isso eu não posso fazer" 

"Sugiro você se mate logo" 

Penso em ignorar a mensagem,mas mesmo assim a respondo 

"legal,mas a foto" 

"Pode Fazer oque quiser"

"Minha vida já tá fodida o bastante" 

Respondo a mensagem e espero

"Olha aqui" 

"Você nunca vai ser como nós" 

"Você é feia" 

"Nem seu pai te quis" 

"Enquanto nós saímos com os garotos mais bonitos" 

"Você fica em casa tomando seus anti depressivos" 

Não respondo a mensagem e a largo falando sozinha,me deito no sofá e olho pra televisão 


Narradora on


___ encara a televisão tentando esquecer oque a garota disse minutos antes,sem conseguir fazer isso 

Deixa uma lágrima escapar,apenas uma


Alguns anos atrás


___ encara  Lee  Chae chorando,que enquanto isso,sorri para a mesma 

Ao lado das duas,um grupo de Garotas segurando seus celulares apontando para ____

-Porque você faz isso Chae? - Pergunta a garota que estava chorando 

-simplismente...por você ser a ____

Fala segurando e puxando o cabelo da garota

-E por você ser idiota, estranha...e por tentar ser como nós,sabendo que você não passa de uma garotinha tosca 

S/n empurra Lee Chae, e sai correndo,chorando muito enquanto as outras começam a rir e param de gravar






"Eu só queria Que as palavras De algumas pessoas,Fizessem menos estragos Dentro de mim"


Notas Finais


Foi esse o primeiro episódio pessoa

Espero que tenham gostado

Beijo da Sushi!!🐰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...