História Mrs. Revolution - INTERATIVA - Capítulo 2


Escrita por:

Visualizações 77
Palavras 1.494
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Relou~ demorei mais do que o previsto mas cá estou rs. Espero que gostem desse capítulo pré-debut, não vou focar muito nessa época então no próximo capítulo já teremos o debut das fadas!

Ps: me perdoem se a formatação estiver meio estranha, postar pelo celular é horrível :/

Capítulo 2 - Pré-debut


4 DE JANEIRO DE 2008

Lilly batucava a mesa com as unhas compridas em uma melodia que só ela conhecia, Hyosoon mexia as pernas ansiosa, Aurora mordia os lábios e as outras estavam concentradas na música que tocava em seus respectivos MP3s.

- Pare com isso. - Sohee segurou a mão da mais nova, fazendo com que cessassem os barulhos dos dedos.

Em seguida, viram a porta se abrir e o CEO MinWoo entrando na sala, acompanhado de uma senhora e um garoto um pouco mais velho que as meninas. Certamente um estagiário, novo no mercado de trabalho.

As oito jovens levantaram-se e curvaram seus corpos em um cumprimento ao chefe, que retribuiu com um movimento de cabeça.

- Perdão pelo atraso, a reunião com os patrocinadores durou mais do que o previsto. - O mais velho começou. - Então, vamos direto ao ponto. Lerei o contrato mais uma vez e vocês decidirão se irão de fato assiná-lo ou não. Lembrem-se, é uma escolha única.

O contrato que o CEO falava, era para que elas finalmente debutassem em um girl group. Já haviam tido uma reunião antes, onde ele leu o contrato e explicou coisas sobre o grupo, como o nome, conceito e número de integrantes. Deu-lhes três dias para pensar e agora seria o momento crucial que decidiria o seu futuro.

Fez um som, preparando a sua garganta para a leitura, e ajeitou o óculos redondo em seu rosto. - O contrato valerá por quatro anos, ou seja, não poderão deixar o grupo nesse meio tempo, a não ser por conflitos maiores, como problemas de saúde, mas haverão reuniões para avaliarmos melhor cada caso. Depois dos quatro anos, vocês irão decidir se renovarão ou não o contrato com a MW Entertainment. Estão proibidas de namorar, ou manter qualquer tipo de relação, seja romântica ou sexual, até 2010.

- Nem mesmo uns beijinhos? - Heena parecia um tanto decepcionada.

O CEO riu e negou com a cabeça, em seguida continuou a leitura. - Quanto ao lucro, nos primeiros dois anos a empresa ficará com 70% para pagar as dívidas gastas com o grupo. Os outros 30% serão divididos igualmente entre todas as membros. O valor pode variar, dependendo do lucro ganho com todo o lançamento, ou seja, o salário não é fixo, e dependendo, poderão não ganhar nada. 

Sohee arranhou as pernas levemente. A ideia de não ganhar dinheiro a apavorava, ela precisava disso.

- Bom, a principio é isso. Alguma pergunta?  

- Não pode nem mesmo flertar? - Heena parecida realmente indignada com o fato de não poder namorar.

- Você tem apenas dezoito anos, vai ter a vida toda pra fazer isso. Ou mais que isso. - Ailing, a mais velha, se manifestou pela primeira vez.

- Meu Deus. - Aurora tampou os ouvidos de Andy, a maknae, com as mãos.

- Todas vão assinar? - Minwoo questionou e todas assentiram, em seguida pegando uma caneta e assinando no final de cada folha. - Bem vindas ao Mrs. Revolution.


[...]

Eu estou tão feliz! - Nari dava saltos alegres. Sua voz estava um tanto falha depois de gritar para o mundo inteiro que finalmente iria debutar; Nayeon não estava muito diferente dela. 

Estavam Nari, Nayeon, Ailing e Chisaki na sala de ensaio da MW Entertainment.

Lily e Nana se conheceram na empresa, e acabaram descobrindo diversas coisas em comum, como o fato de ambas serem de Daegu. Chisaki e Ailing também eram próximas já que eram as únicas estrangeiras no meio de todos os trainees sul-coreanos. Mesmo que uma seja japonesa e a outra chinesa, se apoiaram muito desde o início para se adaptarem na empresa.

- Podemos comemorar com um churrasco, huh? - Chisaki se manifestou pela primeira vez. A garota ainda era bastante tímida e insegura em relação ao seu coreano. Mal sabia ela o quão fofa ficava falando com o sotaque japonês.

Nana sorriu. - Vamos. Eu pago.

No mesmo momento, Sohee e Aurora estavam no terraço do prédio da empresa.

Era um lugar frequentado pelos trainees que queriam um pouco de ar livre, mesmo não sendo uma área oficial da empresa.

- Você consegue acreditar que isso está realmente acontecendo? - Aurora perguntou para a líder. Os cabelos de ambas estavam desarrumados por conta do vento.

- Parece um sonho. - sorriu, bebendo mais um gole do seu café.

- Estou triste pelas outras trainees, as que não conseguiram. Elas se esforçaram tanto…

- Com certeza serão recompensadas. A hora delas irá chegar. - Sohee observou a menor colocar as mãos no bolso do casaco, a fim de aquecê-las. O corpo dela estava tremendo e a ponta de seu nariz e bochechas estavam vermelhas, a deixando muito fofa.  - Vamos entrar. Está congelando.

- Unnies! - uma garotinha de cabelos castanhos veio correndo até elas. - Por que estão aqui? Está tão frio.

- Já estamos voltando, Nana. - Aurora observou a mais nova ofegante. - Algo aconteceu?

- Nada. Vamos sair para jantar, eu vou pagar.


[...]


Os dias passaram rápido, elas ensaiaram a coreografia e a letra da música de debut. Não era muito difícil, e além do mais elas já haviam treinando antes, junto das outras trainees que também tinham chances de debutar, mas acabaram não entrando na line-up final. Sendo assim, apenad fizeram uns ajustes e arrumaram as posições.

- Por que eu tenho a impressão de que essa música é Lilly, Ailing e Aurora feat. suas amigas? - Heena comentou, enquanto arrumava os cabelos na frente do espelho.

- Eu também tenho esse sentimento, mas é a nossa primeira música, vamos ter mais chances de cantar depois. - Andy lavava o rosto.

- Só espero que o salário seja distribuido igualmente. - A líder saiu de dentro da cabine do banheiro.

- Você só pensa em dinheiro? - Heeyeon não pode evitar fazer essa observação.

- Eu preciso do dinheiro. Você não entende.

- Eu hein, parece uma viciada em drogas.

- Fique quieta, Heeyeon. Na próxima vez eu juro que acabo com você. - Sohee imediatamente saiu do banheiro, mas não sem antes empurrar a garota com o ombro.

Andy saiu logo em seguida, deixando Heena sozinha.

O fato é que as duas são impacientes e ficam irritadas facilmente, por tanto, era comum vê-las brigando nos corredores mesmo quando ainda trainees.

- Sohee e Heena estavam discutindo de novo. - Nana comentou. - Hyosoon me contou.

- Como vamos debutar assim? A harmonia entre as membros é essencial para que o grupo dê certo. - Aurora respondeu preocupada.

- Né?! Elas que tratem de se acertarem, não quero que o resto do grupo se contamine com isso. - suspirou. - Além do mais, elas nem tem um motivo ao certo para brigar; só brigam porque ambas tem personalidade forte.

- Vamos voltar ao ensaio. - a treinadora gritou enquanto batia palmas, como uma forma de chamar a atenção de todas.


6 DE FEVEREIRO DE 2008

De quem é essa blusa? - Lilly gritou ao encontrar uma peça de roupa jogada no chão do dormitório enquanto limpava.

- É minha, hehe. - Chii riu de nervoso. Já havia notado que Lilly odiava bagunça e sujeira, por isso as meninas a apelidaram como “clean freak”.

- Por que está limpando agora? Vamos sair em breve. - Ailing alertou-a.

- Estou apenas dando uma geral. Isso aqui ‘tá uma zona!

- Pelo amor de Deus, alguém me ajuda! - Andy apareceu na sala com os cabelos umidos e uma escova na mão. - Eu não consigo arrumar isso de jeito nenhum.

- Senta aqui. - Ailing disse, apontando para o sofá.

A cena de Ailing penteando Hyosoon era tão fofa já que a primeira é a unnie, apesar de não gostar que a chamem assim, e a outra a maknae.

As oito jovens estavam se aprontando para fazer o seu primeiro photoshoot. Como a MW Entertainment ainda era muito pequena, e eles ainda tinham dívidas com o fracasso de Y.U.M, eles não tiveram verba o suficiente para pagar por um maquiador e cabelereiro, por tanto, todas elas deveriam se arrumar em casa.

O photoshoot não era para o álbum, mas sim para a apresentação das membros para o público, por tanto, estavam muito inseguras com a primeira impressão que teriam delas.

O estúdio de fotos era bem simples, não passava de um fundo branco e outro preto. Não haviam muitas opções de cenário e acessórios, mas acreditavam que o carisma delas seria  suficiente para terem boas fotos.

Na verdade, tudo na MW era simples. O prédio, que dividia espaço com outras empresas diversas como lojas e restaurantes, estava bem danificado, com estrutura precária e a tintura prestes a sair das paredes. Dentro, haviam apenas duas salas pequenas de treino de dança, um banheiro que servia tanto para homens quanto para mulheres, um estúdio minúsculo que não consrguia suportar mais de três pessoas dentro e a sala do CEO. Sendo assim, a empresa não poderia manter tantos trainees.

Apesar disso, MinWoo vinha juntando economias, tirando dinheiro do próprio bolso, fazendo empréstimos e até mesmo atrasando o pagamentos de dívidas para fazer com que o Mrs. Revolution tivesse um debut digno, com um MV que não fosse desleixado.

Esse era o sonho dele, e sabia que dessas oito garotas também.


Notas Finais


O que acharam? aaaa
Mal posso esperar pra ler os comentários.

Para quem ainda não vi, adicionei músicas na discografia do grupo.

DOCS DO GRUPO: https://docs.google.com/document/d/1_nUp1_yTVSg45foxkq-nkwmzGQd7Eddq2WFN5xk0AjQ/edit?usp=drivesdk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...