1. Spirit Fanfics >
  2. Muda para o Amor. >
  3. - Capítulo I -

História Muda para o Amor. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Nossa, eu acho esse plot um charme, espero que vocês gostem, dependendo de como gostarem, decidirei se vai ser uma long fic ou não.

Capítulo 1 - - Capítulo I -


Fanfic / Fanfiction Muda para o Amor. - Capítulo 1 - - Capítulo I -


. Autora .

Naquele início de ano, as coisas aparentemente estavam dando certo pra valer na vida de Naruto, a começar por seu pai ter conseguido um novo emprego, como gerente de uma loja de roupas relativamente boa, coisa que acarretou na mudança para essa cidade nova, Konoha, a cidade natal de Minato, Naruto não gostou de se mudar, mas não é como se pudesse dizer algo contra a vontade do pai, que sorria tanto desde que chegaram para cá, estava feliz por ele. 

- Pai, estou indo para a faculdade de moto. - Descia a escada calmamente, estava arrumado para ir a aula, com calça jeans e uma blusa branca, já que não havia comprado seu fardamento ainda, a faixa na cabeça completava seu visual, havia sido um presente de sua mãe, quando estava viva, é claro.

_ Ah filho, cuidado.  - Deu um pequeno abraço no seu filho, este que já estava um tantinho maior que o próprio pai, Naruto retribuiu o abraço, enquanto ambos estavam sorrindo um para o outro. - Se algo acontecer, me diga, fale comigo, está bem? - Exclama o pai, preocupado caso aconteça algo com seu garoto - Por favor coma um pouco na faculdade, café da manhã é importante. - Disse enquanto já desaparecia pelo corredor, precisava se arrumar para ir pro trabalho, era o primeiro dia dele, tanto quanto pro Naruto.

Naruto suspira de leve, odiava preocupar seu pai, porém não gostava de dizer não a ele, então apenas assente, mesmo que ele não estivesse mais presente, lembrava-se até hoje do quão complicado era pra si, fingir que está tudo bem para não preocupar ele, messmo.

-- Ah Naruto, você está péssimo. - O único amigo de Naruto em muitos anos, debochou do estado do colega para amenizar o clima pesado da situação, era o complicado Sasuke, que sempre se metia em problemas aonde quer que fosse, normalmente os problemas eram para proteger o Naruto, este que se culpava por isso também, mas sasuke sempre tentou o persuadir para contar ao pai, que na época estava desempregado, vivia de bicos ali e aqui, e quando lhe dava coragem tremenda,  e tentava contar, Naruto simplesmente não conseguia dizer, mesmo quando olhava a faixa de cabeça para lhe dar forças, objeto que no momento estava na sua mão, segurou-a firmemente, era seu objeto mais valioso, havia ganhado quando tinha doze anos.

- Pior que você não estou. - Um mínimo sorriso surgiu nos lábios do loiro, enquanto sasuke passava remédio em seus machucados, naquele tempo em que levava uma surra e, se escondia na casa do Sasuke para o pai não ver seu estado, estavam no segundo ano do ensino médio.

- Que engraçadinho.. - Irônico o moreno disse, até usou um pouco a mais de força na mão que passava no machucado na nuca do Uzumaki, que fez Naruto reclamar por causa do incômodo da dor que o remédio fazia, aquilo ardia pra caramba.

Sasuke fora a única coisa e pessoa que Naruto queria trazer pra Konoha com ele, até porque Sasuke morava sozinho, tinha uma relação horrível com a família, se arrependia amargamente de ter saído da cidade dele sem o avisar, sabia que tinha sido um grande filho da puta, sua mãe que o perdoe por falar assim, mas era uma verdade completa, mesmo que soubesse que Sasuke largaria tudo para vir consigo, o amigo havia ganhado uma bolsa de esporte numa faculdade de prestígio, não podia e nem queria tirar essa oportunidade  e chance do amigo brilhar.


...


Ao chegar na faculdade de reconhecimento mediano, estacionou a sua moto entre dois carros parados, Naruto estava pensando na sua rotina de notas boas que precisava obter, tudo para manter a bolsa de 50% do seu curso de arquitetura.

_ Aah, é essa sala mesmo? - Indagou meio confuso, olhando o papel que pegou quando fez sua matrícula dias e dias atrás,  ARQ2020.01, porém na sala só estava 'ARQ2020', e amassou o papel em meio a frustração.

- Olá? Está perdido? - O moreno se aproximou de si, o loiro sentiu falta até do ar pelo toque repentino em seu ombro, não tinha como responder, travou.

- Omoi! Vem cá rapidinho, antes de entrarmos. - Alguém chamou o moreno, que olhou rapidamente pra onde seu nome havia sido chamado. 

- Está tudo bem. - O loiro falou rápido, entrando na sala sem mais nem menos, recebendo olhares curiosos daqueles que estavam lá, de cabeça baixa, foi direto a mesa do professor.

Ao mostrar o papel amassado pra aquele que estava na mesa do professor que lhe olhou feio pelo papel amassado, foi orientado que sua sala era a da frente daquela em que estavam, a sala daquele moreno que quase lhe parou era a ARQ2020.02.

Quando entrou na sua sala, já havia começado a aula, ele tentava não se importar, mais uma vez, com os julgamentos que podia vir a ter, então se focou inteiramente na aula. 

No horário do lanche, bem no meio do pátio cheio de grama bem cuidada e vívida, avistou aquela garota pela primeira vez.

Ela rodopiava a cada três minutos, sorria bastante, mesmo ao parar de girar tanto, em seguida, ela se jogou e rolou na grama divertidamente, fazendo parecer algo muito, muito divertido de se fazer,  mesmo não compreendendo tudo, achou-a incrível por estar se divertindo com tão pouco. 

Como se soubesse que estava sendo observada, a garota olhou de um lado pro outro, a procura de seu observador...

Então os olhos esmeraldas lhe viram, que sem perceber, Naruto prendeu a respiração, o sorriso que ela deu em seguida, deixou o loiro com as bochechas quentes.


Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...