1. Spirit Fanfics >
  2. Mudar é Essencial - Hiatus >
  3. Conversa Séria

História Mudar é Essencial - Hiatus - Capítulo 27


Escrita por:


Capítulo 27 - Conversa Séria


Remos e Sírius estavam em um grande impasse, por mais que amassem seu sobrinho estavam tendo um grande problema, não sabiam se acreditavam em toda a história da qual o mesmo havia contado ou se só pegavam algumas partes e faziam sua própria versão.

Mesmo que ambos tenham acreditado no pequeno apenas para o deixar feliz e não os afastar ainda mais do que já estavam, isso com toda a certeza deixaria todos os três bem chateados.

S.B: Moony... Eu não sei o que fazer... Lils era a cabeça entre nós, James era meu irmão e você sempre foi o mais sensato... Eu não faço ideia do que fazer...

Em todos esses anos de convivência, Lupim nunca havia visto seu amigo, e companheiro, desta forma, tão fraco e perdido, como se todos os anos (Desde a morte dos Potter's) o tivesse afetado mais do que deveria, mas quem era ele para dizer quem estava ou não quebrado, um meio Lobisomem do qual era destratado desde seus 10 anos mas, por tudo a qual o mesmo acredita, iria salvar não somente a si mesmo, como a pessoa a qual está em seus braços.

R.L: Sabe... Por mais que me doa admitir, principalmente para você, Harry... Quero dizer Henry, diz a verdade sobre tudo e, como padrinhos, devemos entender e compreender as suas dores, além das nossas é claro... Ele está tentando nos salvar, algo a qual não conseguimos fazer, então... Se tudo estiver desmoronando, iremos ficar ao lado daqueles a qual amamos e Henry é nosso único sobrinho, vamos Padfoot, onde está aquele Griffindor teimoso e que adora quebrar regras?!

Remus tentava a todo momento animar o Animago do qual, aos poucos, duas técnicas surtiram efeito, fazendo com que um brilhante sorriso aparecesse em seu rosto, fazendo com que o Lobisomem reparasse nas belas covinhas do rosto de Sírius, seu Lobo interior uivava de tamanha emoção, tudo o que ambos mais amam é ver seu belo companheiro feliz.

S.B: Obrigado Moony, você não faz ideia do quanto eu te amo e do quanto me faz feliz o fato de você não desistir de mim.

R.L: Eu nunca desistiria de você, meu doce.

Ambos sorriram de forma carinhosa mas, como tudo que é bom e belo, sempre a algo a espreita e, por esse e outros motivos, não conseguiram reparar no rapaz que os espiava com um misto de chateação e felicidade, nem tudo é um mar de rosas, não é mesmo?!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...