1. Spirit Fanfics >
  2. Muito cedo >
  3. Quer ficar?

História Muito cedo - Capítulo 246


Escrita por:


Capítulo 246 - Quer ficar?


Fanfic / Fanfiction Muito cedo - Capítulo 246 - Quer ficar?

 

Esses dois já estavam a 6 minutos naquele banheiro, e tinham que fazer o mínimo de barulho possível.

Eren estava sentado e Levi em cima dele, ficava alternando entre cobrir a própria boca ou morder os lábios para não fazer tanto barulho, e quando esquecia era Eren que cobria sua boca.

Levi- Mmmh! H-Hhmmm...

Eren- Ghh... a-aah... V-Vai mais rápido...

Levi- Mmhh... mhhh...

Eren abraçou o corpo dele um pouco mais forte enquanto entrava e saia de dentro dele, aproveitava para beijar e deixar leves marcas em seu pescoço sempre que ele erguia a cabeça.

Eren- Aaah... Vi...

Levi- ahh... E-Eren... ghh...

Depois que parou de beijar o pescoço e os ombros dele, Eren ficou olhando para o rosto dele admirando suas expressões.

Levi abriu os olhos por um momento e viu Eren o olhando, Também fazia expressões sexys sem nem perceber.

Eles ficaram uns segundos se olhando, um admirando os olhos do outro.

Levi os fechou novamente por instinto quando sentiu um prazer mais forte quando Eren acertou um ponto específico. Mas ele tocou no rosto de Levi pouco depois, fazendo ele abrir os olhos.

Eren- aah... o-olhe pra mim...

Levi- Ghh... a-aah...

Eren- N-Não tire os olhos de mim... aaah... eles... são tão lindos...

Levi- A-Aaahh... 

As pernas de Levi estavam fechadas na cintura de Eren, suas mãos estavam nos ombros dele, mas quando tudo foi se intensificando ele abraçou o marido e o deixou ainda mais louco, pois agora conseguia ouvir muito melhor os sons que ele fazia.

Levi- Aahh... i-isso, Eren... ghh... t... tão bom...

Eren- Aahh... L-Lev-

Comissário- Senhor Jaeger? Está tudo bem?

Levi sentiu a alma morrer! Eren só deu um sorriso e fez "sshh" pra ele.

Eren- Sim, ele está melhorando. Muito obrigado.

Comissário- Ah, precisam de alguma coisa?

*QUE VOCÊ SUMA!*

Eren- Não, não precisa. Vamos sair já já. - Disse voltando a se mexer.

Levi cobriu a boca com ambas as mãos ao mesmo tempo. Olhos fechados com força tentando não morrer de vergonha.

Comissário- Certo. Se precisarem podem me chamar.

Eren- Obrigado.

Depois que ouviram ele se afastar, Eren riu e Levi mudou oficialmente para a cor vermelha.

Levi- Que que eu fiz?! Que que eu fiz?!

Eren- Se acalma. - Sorriu e segurou os braços dele, levando-os até seus ombros. Levi apertou a blusa dele com leve força e Eren o abraçou um pouco mais forte.

Eren- Aaahh... eu te amo... eu te amo...

Levi- Ghhh... a-aaah... E-Eu também t-te amo... aahh... A-AH!

Eren- Aah... v-você quer gozar?

Levi- aahhah... h-hai... q... q-quero muito...

Eren deu um sorriso, segurou Levi pela cintura e o ajudou a subir e descer um pouco mais, já sentiu ele arranhar todo o seu peito e acabou gemendo um pouco mais alto.

Levi- AAH! Ghh... Aahh! E-Ere-... ah... A-AH!

Eren também fechou os olhos ao sentir um forte prazer quando Levi contraiu todo o corpo depois do orgasmo. Aí ele lembrou que tava sem camisinha e puxou Levi para cima com um abraço e a perna dele ficou suja com o sêmen.

Eren- Aaahh!... a-aahh...

Levi- aahh... ahh...

Ambos ficaram parados se abraçando e tentando normalizar a respiração.

Eren- aah... V-Vi... v-você tá bem? Tá com dor? Se sente mal? Ou-

Levi lentamente parou o abraço e beijou calmante os lábios do marido.

Eren-...

Levi-... Eu tô bem... - Sorriu - ... Muito... muito bem...

Deu pra ver que Eren ficou mais calmo mas não tanto, Levi então, segurou a mão dele e colocou sob seu peito, seu coração estava bem calmo.

Eren ficou um bom tempo olhando e sentindo o coração dele batendo, agora sim dava pra ver a calma dele.

Levi-... viu só?

Eren sorriu levemente, passou os braços pelo corpo dele e o abraçou novamente, dessa vez com a cabeça sob seu peito, ouvindo aquele coração doentinho tão em paz.

Levi estava sorrindo e acariciando o rosto e o cabelo dele.

Eren-... Vi...

Levi- hm?

Eren-... Te amo.

Levi-... também te amo. - Sorriu e beijou sua testa.

 

.

 

Finalmente saíram do banheiro, o comissário estava ali do lado mexendo em algumas coisas, sorriu para os dois. Levi sorriu de volta levemente corado, mas ficou mais de paz imaginando que ele não ouviu nada. Quando se virou, Eren sorriu e fez um "joinha" pra ele. ÓBVIO que aquele cara ouviu o que eles fizeram lá e mesmo assim fingiu que não, o comissário também mandou um joinha pra ele e voltou a organizar tudo ali atrás.

Durante o percurso até os bancos, duas pessoas que estavam acordadas olharam para eles. Uma mulher deu um pequeno sorriso mas disfarçando, ela também tinha ouvido. Do outro lado do avião tinha um homem os olhando sem expressão, ele também ouviu mas ignorou.

Os dois se sentaram nas poltronas e respiraram fundo, se olharam com um sorriso e seguraram a mão um do outro.

Eren- Você gostou?

Levi- Admito que sim. - Sorriu - Da próxima vez... - Disse colocando a mão em sua perna - Espero que eu não precise fazer tanto silêncio.

Eren- Ah é? - Deu um sorriso safado - se por acaso eu-

Kyrie- papai... - Chamou baixinho ficando em pé na poltrona olhando para trás.

Levi- Oi amor. - Disse tirando imediatamente a mão da perna de Eren. - K-Kiki? Tá chorando?

Visivelmente estava, mas ele ficou com uma dass mãos sob a boca para não acordar ninguém no avião. Mas fez "sim" com a cabeça.

Levi- O que houve, amor?

Kyrie-... snif... e-eu... e-eu só...

Eren-... quer dormir aqui, filho?

Kyrie novamente fez "Sim" com a cabeça. Levi se levantou com o sobretudo de Eren no braço e o colocou nas costas do filho, depois o pegou no colo e Kyrie imediatamente abraçou seu pescoço. Levi deu um pequeno sorriso quando viu Kuchel deitada na poltrona agarrada a um travesseiro e com o cobertor no corpo até babando, dormindo igual pedra. Voltou para sua poltrona e se sentou com mais cuidado, já que os bebês estavam na frente deles e ainda com o filho no colo. Assim que se sentou, Eren ajeitou o sobretudo dele no filho e ainda colocou a manta sob eles. Kyrie ficou deitado encolhidinho com Levi, mas suas pernas no corpo de Eren, ambos lhe dando carinho tentando fazer ele dormir.

Levi- Tá confortável, filho? Tá melhor agora?

Kyrie-... uhum...

Eren- Pode dormir, filho. Não precisa ter medo. Estamos aqui. Tá? - Fez leves cócegas no pé dele e fez o menino sorrir. Dessa vez ele parecia que ia conseguir dormir melhor.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...