História Mulher de Elite - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias Antoine Griezmann, Bastian Schweinsteiger, Erik Durm, Hailee Steinfeld, Joshua Kimmich, Julian Draxler, Lais Ribeiro, Lukasz Piszczek, Marco Reus, Marco Verratti, Mario Gómez, Maximilian "Max" Meyer, Paulo Dybala, Stella Maxwell, Thomas Müller
Personagens Antoine Griezmann, Bastian Schweinsteiger, Erik Durm, Julian Draxler, Lukasz Piszczek, Marco Reus, Marco Verratti, Mario Gómez, Personagens Originais, Thomas Müller
Tags Alemanha, Angels, Drama, Futebol!, Jogadores De Futebol, Julian Draxler, Lais Ribeiro, Marco Reus, Moda, Modelos, Romance, Thomas Muller, Victoria's Secret
Visualizações 54
Palavras 492
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Festa, Romance e Novela, Saga
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei que o capítulo está curtíssimo, e sinto por isso, mas chegamos ao fim.
Espero que não me odeiem.
Boa leitura!

Capítulo 40 - Victoria's Secret - Sozinha (Final)


Girls, don't forget your pearls and all of your horses

As you make your way across the pond

Girls, don't forget your curls and all of your corsets

Memorize them in a little song

Shake it up, throw your hands up and get loose

Cut a rug, lean into the fucking youth

Choreo, we just want the fucking truth

(told by the frightened)

Is it the end of an era?

Is it the end of America?

Is it the end of an era?

Is it the end of America?

No, it's only the beginning

If we hold on to hope, we'll have a happy ending

When the world was at war before

We just kept dancing

(Meninas, não esqueçam suas pérolas e todos os seus cavalos

À medida que atravessam a lagoa

Meninas, não esqueçam seus cachos e todos os seus espartilhos

Memorize-os em uma musiquinha

Mexam-se, joguem suas mãos pra cima e se soltem

Dança!, foda-se, apoie a juventude

Coreografia, só queremos a porra da verdade

(Os assustados nos dizem)

É o fim de uma era?

É o fim da América?

É o fim de uma era?

É o fim da América?

Não, é apenas o começo

Se tivermos esperança, teremos um final feliz

Quando o mundo estava em guerra antes

Nós simplesmente continuamos dançando)


Eu estou por conta própria.

Obviamente, há muitas luzes e espectadores na platéia; agentes famosos, estilistas, donos de grifes internacionais, um monte de gente importante.

E, no entanto, ainda estou por conta própria. Eu estou sozinha.

Todos os olhares, cheios de expectativa, estão voltados para mim. Evelyn Milch, a mais nova Angel da Victoria's Secret.

E diante disto, tudo o que eu sinto é uma sensação de merecimento. Eu deveria estar feliz, mas não é exatamente o que estou sentindo no momento. Ao invés disso, aceito minha sensação de merecimento e faço uso de toda a minha simpatia no meu semblante risonho enquanto exploro a passarela.

Tenho dois milhões em minha lingerie. Fui a escolhida para desfilar com o Fantasy Bra, a peça mais importante do desfile. É uma enorme responsabilidade para uma estreante, mas eu posso lidar com isso.

Horas atrás Oliver me dissera que eu precisaria de um empresário depois deste desfile. Também que, depois de hoje, às coisas nunca mais serão as mesmas.

Sintetizando, a garota brasileira finalmente alcançou o auge de sua carreira.

No entanto, ao terminar o desfile, sei que perceberei o quanto as coisas serão diferentes para mim, como pessoa, não como modelo.

Não tenho a quem abraçar e comemorar todos os meus feitos grandiosos na minha carreira.

Agora eu tenho tudo, mas todos os meus amores se foram e eu estou sozinha. Totalmente sozinha.

Sozinha.

O som desta palavra ecoa, em coro com a música que a jovem cantora canta no palco, e ela toma conta de todo o lugar, sobrepõe-se à música, totalmente soberana. Sozinha.

Ela quase explode meus tímpanos, mas eu apenas sorrio e continuo desfilando.

Sozinha.



Notas Finais


Em breve postarei o epílogo. Confesso que não estou satisfeita com o final, mas ao menos espero que não me odeiem.
Xoxo♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...