História Mundo de ilusões - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias A Culpa É Das Estrelas
Tags Adolecente, Comedia, Novela, Romance
Visualizações 5
Palavras 3.279
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Obrigado meus amores por continuar a leitura💖✌

Capítulo 5 - Quinto capítulo


Fanfic / Fanfiction Mundo de ilusões - Capítulo 5 - Quinto capítulo

E entramos no quarto e eu fechei a porta.

- oi Otávio._eu falei.

- oi._falou Laríssa.

- oi meninas.

- nossa mas como você se machucou._afirmou Laríssa.

- pois é me machuquei feio mesmo._ele com um leve sorrisso.

- e como foi que você se machucou Otávio desta forma?_perguntou Laríssa curiosa.

- foi depois que eu sair da casa de Katie.E eu estava um pouco alterado com a nossa descurção e tive um acidente de carro.

- Otávio eu sou uma pessoa que quando fica chatiada fica muito alterada;começo a falar algumas coisas que me vem a cabeça._eu falei para ele.- e Otávio qualquer pessoa ficaria da quela forma que fiquei  porque niguém quer ser usada por apenas uma simples diversão.

Ele me interrompe.

- ou por uma aposta.

E eu continuei

- ou por uma aposta porque sabe que iria ser usada como um simples objeto.

- verdade não teria nenhuma pessoa que não teria reagído de outra forma.Me desculpa por isso;eu nem sei a onde estava com a cabeça em fazer a quela aposta;ainda no primeiro dia de aula.

- ok,Otávio sor não faz isso de novo é uma coisa muito chata._eu parei de falar por alguns segundos e continuei.- e também eu devo te pedir desculpas porque se eu não tivese falado aquilo tudo que falei para você não estaria aqui todo machucado.

- não irei fazer mesmo.Porque se eu não tivese feito isso não teria acontecido o que aconteceu com você e comigo.

-verdade.


E nós ficamos conversando mais um pouco,ao decorrer da conversar eu percebo que o Otávio não era o que pensava ser,mas sim uma pessoa gentil e bem educada.

Então passamos um pouco de tempo convesando nos despedimos dele ,desejamos melhoras á ele e fomos para o quarto de minha mãe.

             ******************

Quando chegamos próximo do quarto o meu irmão estava saindo junto com o Noa e meu pai.

E eu,Laríssa entramos para dentro do quarto e meus irmãos ficaram sentados fora do quarto mas o meu pai conversando.

 E quando entramos minha mãe estava conversando com minha irmã Karine por chamada de video,eu e Laríssa comprimentamos ela e logo em seguida saimos para fora do quarto para deixar ela mas avontade conversando com minha irmã,ficamos sentadas conversando sobre as tividades escolares.

Depois de algum tempo que estavamos esperando minha mãe terminar de conversar com Karine o doutor Marcos chega a onde estavamos,nos comprimenta e entra dentro do quarto para enxaminar minha mãe ,nós o  acompanha.E quando entramos minha mãe já tinha terminado de conversar com Karine.

- boa tarde senhora Rosiane.

- boa tarde doutor.

- como a senhora estar se sentindo hoje?

- estou me sentindo bem melhor.

- que bom.

E ele a enxamina  e fala:

- senhora Rosiane você sor irá passar está noite no hospital e amanhã mesmo poderá ir embora para casa.

Todos nós ficamos bem felizes com a notícia e logo após o doutor Marcos se despedir e sai;eu,meus irmãos e Laríssa  também nos despedimos de meu pai de minha mãe e fomos para a minha casa.

E Laríssa ligou para a tia Clara para perguntar se ela poderia ir dormi na minha casa logo após que saimos,que estavamos andando pelos os corredores.

Ela desligou e falou:

- a minha mãe deixou.

- que bom,então vamos?

- vamos.

E fumos para o estacionamento pegar o carro para irmos para casa.

           ****************

Quando chegamos os meus irmãos foram para a conzinha fazer um lanche para nós e eu e Laríssa fomos para o meu quarto.E eu comento com Laríssa que o Joaquim tinha me chamado para sair com ele.

- Laríssa o Joaquim tinha  me convindado para sair com ele hoje mas eu não vou estou sem ânimo para sair hoje._eu falo.

- amiga você não aceitou?

- não eu falei que iria pensar se resolvese aceitar avisaria para ele, mas não dar para ir mas hoje estar muito tarde.

- então liga para ele perguntando se vocês podem ir amanhã!

- não sei acho que não.

- Katie você quem sabe se vai ou não porque não quero forçar mas você sair com niguém porque na útima vez que fiz isso olha o que aconteceu com você e Otávio ele estar lá todo machucado deitado em uma cama de hospital._ela de modo arependida de ter forçado eu sair com o Otávio.

- mas pensando bem acho que vou aceitar para ser educada.

- pois então liga para ele.

- tá...já estou indo ligar para ele.

Peguei o meu celular e liguei para Joquim;ele atende e fala:

- oi Katie!

- oi Joquim.

- como que estar as coisas por ai?_ele pergunta.

- estar bem a minha mãe vai sair do hospital amanhã.

- que bom.

E antes de eu falar alguma coisa Laríssa faz um gesto com as mãos falando para eu falar sobre o convite dele logo.

E então eu pergunto.

- Joaquim ainda estar de pé o seu convite para sair?

- estar sim concerteza!

- é que hoje estar muito tarde para nós sairmos,eu queria saber se poderia ser amanhã.

- pode ser sim.

- mas você vai estar na casa de Pinter ainda?

- sim estou;eu irei ficar esta semana intera aqui em Rio de Janeiro para resolver negócios de trabalho de meu pai.

E nós marcamos o horário e nos despedimos.Mas quando desliguei o celular a Laríssa já pergunta.

- E que ele falou?_ela curiosa.

E eu falei tudo para ela e depois de ficarmos um pouco conversando nós ouvimos alguém batendo na porta;e eu falo:

- pode entrar.

Era o meu irmão Wylham nos chamando para fazer o lanche.

- nós já estamos indo._eu falo.

Quando decemos o Wylham estava na cozinha e o Noa estava asistindo um filme de terro.

Eu e Laríssa sentamos no sofá e ficamos asistindo e logo após que sentamos o meu irmão Wylham chega com os x-tudo e comenta:

- haaaa como eu estava com saudade de Rio de Janeiro á cidade maravilhosa!_ele sentando.

- verdade aqui é maravilhoso principalmente as praias._a Laríssa concorda.

- é mesmo as praias são magníficas.

Ficamos conversando bem humorados durante o filme inteiro eu no caso fechei os olhos durante o filme quase todo porque tinha muito suspense,sangue eu não gosto muito de vê mortes sangrentas.E o Wylham mas Laríssa sor ficavam com á quelas trocas de olhares;eu finge que nem percebi mas não dava como não notar porque eles estavam muito melancolicos e sorridentes quando se falavam.

E filme terminou e nós todos fomos se recolher para dormi.

                ****************

Quando eu mas Laríssa chegamos no meu quarto nos deitamos na minha cama porque ireamos dormi na mesma cama,sor que em um serto momento Laríssa começa falar de Wylham e eu já começo tirar concluções que ela já estar começando gostar dele.

- Nossa miga mas como eu e o Wylham temos coisas em comum...._ela de moda apaixonada por sua fala.

- é pelo que vie vocês conversando tem algumas coisas._eu concordando.

- ele além de estar bem bonito estar mais gentil e educado._falou Laríssa.

- você não estar mas achando ele mas chato mesmo?

- não.

- porque?._eu dei uma pequena pausa e continuei.-antes você não gostava dele quando eramos criânças.

- eu não gostava dele na quela época porque ele não queria brincar com nosco e também ele pegava em nosso pé.Mas agora eu entendo que era porque que ele era mais velho do que nós e não queria brincar.

- e......

- e também porque ele era o seu irmão mais velho e não queria que você se machucase.

- ok.

E ela fala toda apaixonada.

- Katie o Wylham ele estar bem bonito.. e acredita que quando eu vie ele na sua casa pela a primeira vez quase não o reconheço porque ele estar muito deferente.

- tá Laríssa você já me falou isso várias vezes.E realmente pela a sua cara de surpresa quando o viu pela a primeira vez era até imposível de não ter percebido.

- é verdade.

- e Laríssa o Wylham já tem dona;ela se chama Carolina e ela é modelo._eu falei.

- a Carolina Marquez!,a top moda mas famosa do país?_ela surpresa.

- essa mesma.

- nossa.Acabei minhas esperanças;é melhor eu ir dormi.Boa noite._ela decepcionada apagando o abáju do seu lado da cama.

-boa noite Laríssa._eu também apagando o meu abáju do lado da cama.

                  **************

E amanheceu o dia eu mas Laríssa acordamos bem cedo para podermos ir visitar minha mãe no hospital antes da Laríssa ir para escola e para eu poder acompanhar ela quando tiver alta do hospital também.

Quando decemos os meus irmãos já estavam acordados e o Wylham estava tomando café da manhã junto com o Noa.

- bom dia flores do dia!.- bela manhã está não?.- estar m lindo dia para passear não é?

- bom dia!_eu falo.

-  bom dia!.- concerteza estar lindo dia com este sol lindo que estar hoje e estar manhã maravilhosa._Laríssa fala concordando sorridente.

E o Wylham sorri contente com a resposta dela.

E Noa pergunta:

- vocês querem tomar café?.-porque se quiserem eu faço panquecas para vocês também.

- nossa Noa você fazendo panquecas ou fazendo alguma coisa de tipo de comida!_eu surpresa.- eu óbiviamente não irei recusar.

- quero sim obrigada._Laríssa fala.

                  ***************  

E estavamos chegando no hospital quando Laríssa fala:

- Katie aquele é o carro de Joaquim..._afirmou ela.

- é mesmo.

O Noa estacionol o carro,quando sairmos de dentro do carro o Pinter e Joaquim estava vindo em nossa dereçao.

- oi meninas,bom dia._fala Joaquim.

- oi Katie e Laríssa._o Pinter fala.

- oi bom dia._eu e Laríssa falamos.

- Pinter é você?_o meu irmão Wylham fala.

- iaí Wylham quanto tempo que não nos vemos.

- nossa mas como você mudou.

Os dois se abraçando;o Wylham e Pinter eram amigos eles gostavam muito de conversar e jogar video game.

- eu posso dizer o mesmo de você.

- é sor academia nada mais.

E logo após que os meus irmão comprimentam Pinter eu vou apresentar Joaquim a eles.

- Joaquim este é o Wylham,oWylham este é Joaquim._eles se comprimentam.

E faço o mesmo com  o Noa,depois de eu apresento Joaquim á eles nós entramos para dentro do hospital.

E quando chegamos no quarto a onde minha mãe estava internada nós avistamos o meu pai e minha mãe saindo de dentro do quarto.

Nós chegamos a onde ele esravam os damos bom dia e logo após eu pergunto.

- mãe a senhora já ganhou alta?

- sim já ganhei.

- nossa foi bem cedo._o Wylam fala.

- foi mesmo meu filho é que o doutor Marcos iria viajar e veio bem cedo vê como eu estava para poder me dar alta,como eu estou bem melhor ele falou que já poderia ir para casa.

- que bom mãe._o Noa fala.

Estavamos saindo do hospital quando  eu me lembro de Otávio. " eu acho que Otávio ainda estar internado."eu pensei.

- Laríssa já estar dando a hora de você ir para á aula?

- não falta ainda uma hora.

- que tal nós irmos visitar o Otávio?_eu pergunto.

- é pode ser.Como a tia estar saindo do hospital nós poderiamos ir a visitalo talvez não teremos outra oportunidade.

- é...Eu vou falar para Pinter que você ficará comigo e que eu peso para um dos meus ir deixar você na sua casa ou na escola.

- tar eu acho que sor irei na minha casa vestir o univorme e  pegar minha mochila.

Então fomos a onde estava Pinter e Joaquim eu falo para eles que Laríssa irá ficar comigo no hospital para visirar um amigo;sor que antes de eu sair o Joaquim fala.

- Katie espera.

- sim..

- é que eu queria me despedir direito.

- como assim?

- desta forma.

" ai meu deus ele quer me beijar é agora!"eu pensando nervosa".

Mas ele não me beijou apenas me deu um abraço bem forte,um beijo bem carinhoço em minha nuca,ele logo após ele entrou dentro do carro e deu denovo aquela sua pescadinha e saiu,eu fiquei toda imóvel olhando ele saindo até quando Laríssa chega  me falando que ligou para a tia Clara falando que iria pra sor quando fosse para a escola.

- Katie eu liguei para a minha mãe falando que ru sor iria para casa quando for a hora de eu me arrumar para ir para a escola.

- oi Laríssa que você estar falando mesmo?

-  o que você tem?

- nada Laríssa.

- sei...

Eu fiquei pensando"meu Deus será que eu estou gostando de Joaquim?.Não pode ser Katie parar já de pensar bobagem."

E nós fomos aonde estava meus pais e meus irmãos;como nós sor tinhamos vindo sor em um carro eu e Laríssa falamos que iriamos de taxi.

- não precisa eu venho buscar vocês sem um menor problema._o Wylham falou.

- não precisa._eu falei.

- eu ensisto.

- tá  bom Wylham,mas não precisa vim com muita presa eu mas Laríssa vamos visitar um amigo que estar enternado neste hospital.

- tá daqui meia hora venho pegar vocês._ele já dentro do carro.

- tá bom.

E ele saiu,eu e Laríssa fomos para dentro do hospital.

                ***************

Nós fomos até o quarto que ele estava internado mas ele não estava lá.Então fomos até a recepção perguntar por ele.

- colicença o paciente do quarto 240  que estava enternado ainda estar no hospital?_eu pergunto.

- eu irei vê qual foi o útimo que ficou neste quarto aqui no nosso sistema sor espere um momento porfavor._a mulher da recepção fala.

Então ficamos aguardando.E depois de alguns minutos a mulher da recepção fala:

- a pessoa que a senhorita estar procurando se chama Otávio Duarte de Alcântara.

- sim é esse mesmo.

- ele estar no quarto 210 no corredor da dereita.

- obrigada.

            ***************

Então eu e Laríssa encontramos o quarto e quando batimos na porta ouvimos a vóz de Otávio falando que podia entrar e então abrimos Otávio estava com aparencia bem melhor.Então entramos e eu fechei aporta.

- oi Otávio._Laríssa o compeimentando.

- oi,como você estar se sentido?_eu falei.

- estou me sentido bem melhor hoje e eu acho que eu terei alta amanhã.

- que bom._eu falei.

E em um momento aporta se abre,uma mulher muita bonita de cabelos loiros curtos andulados,os olhos da mesma cor de Otávio e de pele bem clara;quando ela feicha aporta ela comprimenta eu e Laríssa.

- oi tudo bem?_ela falou comprimentando eu e Laríssa.

E nós também a comprimentamos mas logo em seguida dos comprimentos ela fala com o Otávio.

- filho você já tomou os rémedios que o médico passou?

- sim mãe já tomei..._ele falando sorrido para ela bem sipático.

- Otávio onde estar os modos você nem me apresentou as suas amigas.

- haaaa sim mãe me descupem-me._ele rindo dele mesmo,ele continua.- e mãe estar é Laríssa._ele mostrando a Laríssa.- e estar é Katie.- e meninas essa é minha mãe Olivía.

Ela apenas sorrir com simpátia.E nós ficamos conversando um pouco,sobre várias coisas até sobre filmes e séris nós falamos.E a mãe de Otávio era bem simpática e homorada mas quando deu a hora de Wylham vim buscar eu e Laríssa eu falo:

- infelizmente nós já temos que ir.

- nossa que pena na hora que a conversa estava ficando agradável.

- pois é estava realmente bem agradável mas já temos que ir porque eu vou para aula._falou Laríssa.

- foi muito bom conhecer a senhora dona Olívia._eu falo.

- o prazer foi todo meu.

Nós nos despedimos deles e fomos para fora do hospital e Wylham já estava  nos esperando e nós entramos dentro carro e fomos para minha casa.

            ****************

Cheguei em casa o Wylham foi deixar a Laríssa na escola.

Quando entrei minha mãe estava dentro do quarto dela falando com os meus avós.Apenas falei para ela que iria para o quarto descansar um pouco.

                  ****************

Eu acordei já era 14:00 da tarde e quando decei a minha mãe estava mas meu pai conversando no sofá e eu sento e pergunto.

- mãe vocês já amoçaram?

- já sim filha mas a sua comida estar no microondas.

- eu acho que vou comer um pouco estou com fome.

- tá filha.E os seus avós vão vim passar o final de semana conosco.

- nossa mãe que legal eu estou morrendo de saudade deles.

- eu vou buscar eles amanhã filha lá na fazenda._o meu pai fala.

Então eu fico muito feliz com a notícia e vou para a conzinha almoçar.

***************

Então lá estava eu toda já arrumada decendo as escadas para esperar o Joaquim faltava apenas dois minutos para ás 19:00 horas.Eu estava com um vestido verde água com uma sandálha bege de salto alto  e com os cabelos soltos.

E quando deu exatamente ás 19:00 o Joaquim chegou,comprimentou o meu e perguntou se eu já estava pronta e ele fala.

- sim ela já estar pronta.

E eu falo indo em direçâo deles.

- eu estou aqui pai.

- oi Katie!.Você estar linda!

- obrigada.

E meu pai fala.

- traga minha filha no horário combinado rapazinho e tome conta dela.

- sim senhor Jonas irei traze-la no horário marcado e irei cuidar bem dela.

Então nós fomos de mota até um restaurante chinés a comida estava maravilhosa;conversamos durante o jantar bem homorados.

Mas quando estavamos indo para minha casa o Joaquim fala.

- Katie eu quero levar você até um lugar.

- tá mas é longe?

- um pouco mas eu prometo que iremos chegar no horário combinado com o seu pai.

- tá bom.

*****************

Quamdo eu mas ele estavamos chegando eu percebo que era o mesmo lugar que tinhamos indo no dia que estavamos na praia sor que parecia que era no outro lado.

Então decemos da mota e eu pergunto.

- aqui é o mesmo lugar que você me troce na quele dia?

- sim sor que é no outro lado.

E tinha um banco bem enfrente a bela vista da cidade e ele me pede para sentar.

- sente-se aqui Katie porfavor.

Eu sento e logo em seguida que sentamos ele fala.

- eu adoro este lugar.

- ele é muito lindo mesmo._eu falo.

- Katie eu vou le dar uma coisa.

- o que?_eu pergunto curiosa.

- é uma estrela porque ela é uma coisa que o dinheiro jámais poderá comprar._ele com um lindo sorriso no rosto.

- mas é para eu escolher?

- sim pode escolher a que você gostar mais.

E eu reflito um pouco e falo.

- aquela!_eu amostrando.

- porque você á escolheu?

- porque ela é a mais brilhamte de todas.

- boa escolha ela sempre foi a minha preferida.

E depois de algum tempo conversando ele começa a falar sobre nós.

- Katie você sabe dos meus sentimentos por que sinto por você e eu gostaria muito de saber se você sente o mesmo por mim.

- Joaquim é que eu não sei o que sinto porque eu nunca sube o que é amor.E nas outars vezes que pensei que sabia todas elas estava completamente enganada sor estava havendo apenas ilusões.

- Katie deixa eu ajudar você adescobrir o que é o amor e como estar verdadeiramente apaxonada por alguém porque eu afirmo para você que não estou querendo engana-lá estou realmente apaixonodo por você!

Ele pegando em meu queixo se aproximando de mim;logo eu penso nervosa e aflita"será que ele vai me beijá agora?!"



(Continua......)





















Notas Finais


Eu sei que este capítulo não ficou muito bom, mas espero que tenho gostado✌🤗😉😍😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...